COMUNIDADE

Agricultura é valorizada pelo Colégio do Campo Bituva das Campinas

01 Agosto 2017 15:01:26

Alunos e seus familiares participaram de atividades em comemoração ao Dia do Agricultor

Kelly Ramos
IMG_2899.JPG
Foto: Bárbara Gardin
Provas da gincana buscaram valorizar a produção rural e envolver alunos e pais

O Colégio Estadual do Campo Bituva das Campinas, localizado na área rural de Fernandes Pinheiro, promoveu na sexta-feira (28), um dia de integração da comunidade escolar com as famílias dos alunos, em comemoração ao Dia do Agricultor. Na data, ocorreram palestra, uma mesa redonda, almoço e gincana, inclusive com o resgate de brincadeiras antigas.
Para a diretora do Colégio, Josane Alves Pires Bortoletto, a atividade foi importante para valorizar a identidade dos alunos e de seus familiares. “Não devemos ter vergonha de viver, trabalhar e estudar no campo. Vemos que a maioria dos alunos não valoriza isso, porque a cidade acaba oferecendo mais meios. Nossa ideia é que eles vejam que aqui também é um bom lugar e que devemos ter orgulho”, explica.
A diretora conta que o dia voltado aos agricultores contou com o apoio da Emater local, da Secretaria Municipal de Agricultura, assim como de comerciantes, principalmente de Irati, que colaboraram com prêmios que foram sorteados aos alunos e seus pais. “Pretendemos nos próximos anos continuar com essa atividade, que foi realizada pela primeira vez, mas já mostrou bons resultados”, destaca Josane.
Segundo o professor Vilson Ribas Padilha, dentro do currículo dos alunos o campo é pouco lembrado. “Todos que estudam aqui pertencem à agricultura familiar. O evento foi uma forma de incentivar para que permaneçam na área rural, porque hoje percebemos muita evasão. São poucos os que ficam. Queremos mostrar que aqui há coisas boas. Sabemos que é algo que não depende só da escola, mas que podemos ajudar a despertar essa consciência”, comenta.
O professor fala que na gincana buscaram resgatar brincadeiras como com bolinha de gude, amarelinha, truco e paleta, a qual usa matemática, raciocínio e o corpo. Também houve a tradicional corrida de saco, dança e debulha de milho, além de outras provas. 
Durante a programação, a Emater falou sobre a agricultura familiar, o associativismo, entre outros assuntos relacionados ao campo. A Secretaria Municipal de Agricultura disponibilizou 125 mudas de árvores frutíferas, as quais foram sorteadas. No horário de almoço toda a comunidade escolar participou de um almoço, onde o prato foi feijoada.

 

capa site1.jpg

Jornal Folha de Irati Rua da Liberdade, 740 Centro, Irati - Paraná,
fone: (42) 3423-2169 e 3423-1588
https://www.facebook.com/FolhaDeIrati

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Folha de Irati