BOM EXEMPLO

Há 30 anos, escolas particular e pública compartilham o mesmo espaço em Irati

14 Maio 2018 15:57:47

Respeito e valores humanos são repassados aos alunos, que convivem harmoniosamente

Kelly Ramos
30850432_1950556998348853_740150653_o.jpg
Foto: Arquivo/ Escola Estadual Pio XII
Algumas atividades e comemorações são realizadas para reunir os alunos das duas instituições

O Colégio São Pedro Canísio e a Escola Estadual Pio XII, um particular e outra pública, compartilham o mesmo espaço para desenvolver as suas atividades. Essa experiência ao longo de três décadas trouxe exemplos positivos de convivência, amizade e respeito, entre alunos, professores e toda a comunidade escolar.
Tudo teve início quando as religiosas da Congregação das Irmãs Canisianas chegaram em Irati, em 4 de dezembro de 1958. Mas, elas não vieram com o objetivo de trabalhar com educação e sim atender a capela e a catequese, além de desenvolverem trabalho social na região do bairro Canisianas, visitando famílias, principalmente de operários.
De acordo com a irmã Maria José Gruber, também conhecida como irmã Luiza, o Colégio São Pedro Canísio iniciou as suas atividades com um curso supletivo, que oportunizou para muitas pessoas concluírem seus estudos. “Na época, quando houve dificuldade financeira, foi pensado na estadualização. A secretária estadual da época conheceu a escola, gostou muito e foi autorizado pelo governador”, explica.
De acordo com a irmã Expedita Cesário, abrigar uma escola pública no prédio que já contava com uma instituição particular nunca foi problema e sim uma solução. “Dessa forma conseguimos cumprir a nossa missão, que é de ter as crianças dos bairros ao redor conosco. Mas, isso é devido à estadualização, porque a Congregação não teria como manter. Somos muito felizes com esse trabalho”, ressalta.
Para a diretora do Colégio São Pedro Canísio, Clair Cavalin, a convivência é muito boa e cada vez se torna melhor. “Nos acertamos muito bem, os alunos se respeitam. Fazemos atividades juntos, como a abertura da Campanha da Fraternidade, comemoração da Páscoa e a brigada de incêndio”, explica.
Clair fala que não há nenhuma dificuldade no relacionamento dos alunos, uma vez que moramos em uma cidade pequena, sendo comum eles se encontrarem em outros momentos. “Eles são amigos”, ressalta a diretora, que explica que quando há algum problema ou atrito, as direções das duas instituições se reúnem para buscar a melhor solução possível, sempre unidas.
Para Regina Demeterko Stadykoski, diretora da Escola Estadual Pio XII, a fórmula para ter dado certo essa iniciativa é o carinho que as irmãs Canisianas têm pela escola pública, que compartilha o mesmo espaço com a particular há 30 anos.  “O Colégio já existia aqui e a nossa escola veio contribuir com a comunidade, pois atende vários alunos que moram próximo, como da localidade de Coxinhos, dos bairros Nhapindazal, Canisianas e Vila Nova”, explica.
Regina afirma que a convivência entre os alunos e equipes das duas escolas é muito positiva. “Estamos fazendo um trabalho que vai além da função social da escola que é ensinar. Também passamos valores humanos, o que também faz parte da missão das irmãs Canisianas. Nosso objetivo é que exista mais respeito à diversidade, afinal são as diferenças que nos fazem crescer”, ressalta.
A Escola Pio XII também se destaca na busca de inclusão de alunos com necessidades especiais. Além da estrutura física colaborar, também há um esforço de toda equipe para que os alunos sejam incluídos, convivendo com toda a comunidade escolar das duas instituições. 

 

Imagens

30850432_1950556998348853_740150653_o.jpg
capa site1.jpg

Jornal Folha de Irati Rua da Liberdade, 740 Centro, Irati - Paraná,
fone: (42) 3423-2169 e 3423-1588
https://www.facebook.com/FolhaDeIrati

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Santa Chiara Comunicação