Valorizar quem nos faz crescer

28 Julho 2017 16:50:41

Neste final de semana, em Irati, são comemoradas duas datas importantes, referentes ao dia do motorista e do seu padroeiro, São Cristóvão, e o dia do agricultor ou do colono. Para a nossa região são dois setores fundamentais para o desenvolvimento da economia e com certeza merecem mais valor.

Nesta edição trazemos um breve recorte da agricultura familiar e da vida do motorista, que cada vez se torna mais difícil. São riscos relacionados à insegurança nas estradas, com acidentes e assaltos, além dos altos custos, a exemplo do ocorrido nos últimos dias, quando houve aumento no preço dos combustíveis. Mesmo com tantos percalços, é uma profissão fundamental, pois são eles que transportam pessoas, alimentos, combustíveis, e tudo mais que as pessoas necessitam no dia a dia.

Em Irati, a Festa de São Cristóvão, que sempre foi dedicada aos motoristas, chega a sua 69ª edição, mantendo a tradição da procissão no domingo de manhã, a qual atrai diversos veículos, que recebem a benção.  A festa é a mais antiga do Brasil e uma forma de valorizar, através de momentos de fé e lazer, esses profissionais que diariamente lutam para obter o sustento de suas famílias.

Mesmo sendo um evento tão tradicional, ainda há aqueles que se incomodam com o barulho dos caminhões na procissão, com as buzinas ou pelo trânsito ficar complicado por algumas horas. Mas, precisamos ter uma visão melhor sobre os eventos que ocorrem na nossa cidade e entender que são passageiros, que em apenas alguns instantes tudo volta ao normal. 

Precisamos ter uma visão ampla e mais acolhedora aos que vem participar e ver que isso também contribui para a cidade, além de ser uma oportunidade de homenagear os motoristas e os agricultores, que são tão importantes para a economia e desenvolvimento da nossa região. 

Sobre a nossa produção rural sempre vemos exemplos de como se produzir, de diversificação em pequenas propriedade e de como viver com qualidade de vida no campo. Ainda há muito o que caminhar, mas passos estão sendo dados para que as pessoas possam produzir com dignidade e sobreviver por meio do que cultivam. Na nossa região, a produção rural é o que sustenta a economia, assim como do Paraná e até do Brasil, o qual é o ramo que na contramão de outros setores, mais uma vez teve recorde de produção.

Ainda há aqueles que se incomodam com o barulho dos caminhões na procissão, com as buzinas ou pelo trânsito ficar complicado por algumas horas. Mas, precisamos ter uma visão melhor sobre os eventos que ocorrem na nossa cidade e entender que são passageiros, que em apenas alguns instantes tudo volta ao normal.

capa site1.jpg

Jornal Folha de Irati Rua da Liberdade, 740 Centro, Irati - Paraná,
fone: (42) 3423-2169 e 3423-1588
https://www.facebook.com/FolhaDeIrati

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Folha de Irati