EM IRATI

Diariamente, metade dos eleitores necessários comparece para fazer a biometria

04 Outubro 2017 09:55:18

Mais de 14 mil eleitores ainda precisam realizar o procedimento no município

Kelly Ramos
IMG_1288.JPG
Foto: Vinícius Batista
Diariamente, apenas metade dos eleitores necessários comparece para fazer a biometria em Irati. A meta é atingir 43.830 pessoas

Em Irati, o eleitor ainda está sendo lento em relação ao recadastramento biométrico, obrigatório e que prevê consequencias, como o cancelamento do título de eleitor, a quem não procurar o Cartório Eleitoral para realizar o procedimento. Os últimos dados mostram que ainda faltam 14.500 eleitores para que município cumpra a meta estipulada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que quer alcançar pelo menos o número de votantes da eleição passada – 43.830 pessoas.

Segundo Dirceu Wrobel Júnior, técnico judiciário do TRE e assistente de chefia do Fórum Eleitoral da 34ª Zona, a procura nos últimos dias tem sido muito baixa. A média diária de procura é de 320 pessoas, mas este número em determinados dias é ainda menor e não chega a 250 eleitores. “Temos capacidade para atender, tranquilamente, 600 pessoas por dia. Hoje, estamos operando com a metade da nossa capacidade”, explica.

O horário de atendimento é das 9h às 18h e o recadastramento eleitoral biométrico poderá ser feito no município até o dia 15 de dezembro. De acordo com Wrobel, não é necessário agendamento por meio da internet, no site do TRE-PR, para realizar o procedimento. Ele explica que isso garante apenas o horário específico de atendimento à pessoa. “Todos que chegarem aqui nós vamos atender, independente de terem agendado ou não”, destaca.

Inácio Martins terá um posto para biometria

A Comarca de Irati também abrange de Inácio Martins. Devido à distância, os eleitores do município sentem dificuldades para virem até o Fórum Eleitoral iratiense para fazer o recadastramento. Até o momento, apenas 10% dos eleitores realizaram a biometria.

A partir do dia 16 de outubro até o dia 10 de novembro, no ginásio de esportes do município, funcionários da Justiça Eleitoral estão atendendo das 9h às 18h. Em Inácio Martins, 7.633 eleitores precisam fazer o recadastramento.

Cartório Eleitoral de Rebouças atinge a meta

Ainda em setembro, Rio Azul, pertencente à 62ª Zona Eleitoral, atingiu a marca de 7.866 eleitores revisados biometricamente, totalizando 69,5% do eleitorado. Rebouças, sede da Zona Eleitoral, já havia atingido a meta prevista para o município uma semana antes, no dia 8 de setembro, com pouco mais de 8.000 eleitores revisados.

"Atingir a meta do TRE significa que a revisão dos municípios serão homologadas, validando os trabalhos independentemente do número de eleitores que ainda faltam comparecer. Além disso, o prazo final previsto para o dia 20 de outubro não será prorrogado", afirma o chefe do Cartório, Marco Aurélio Canever.

Previsto para ocorrer no período de 3 de agosto à 20 de outubro, o recadastramento já estava disponível ao eleitorado de Rebouças e Rio Azul desde fevereiro, quando o número diário de atendimentos aumentou gradativamente. Até a data inicialmente prevista de 3 de agosto, metade dos 24.000 eleitores já havia se apresentado à revisão.

PRINCIPAIS DÚVIDAS

Segundo o Cartório Eleitoral, a dúvida mais recorrente é sobre a obrigatoriedade do recadastramento para maiores de 70 anos. "O que circula por aí é um boato de que cancela aposentadoria com o cancelamento do título eleitoral. Até onde sabemos, isso não é verdade. Se o maior de 70 anos não fizer a biometria, ele vai ter seu título cancelado. Só que nossa Constituição Federal diz que os maiores de 70 anos não são obrigados a ter título. Então, ninguém pode obrigar a que ele tenha o título regular. Na prática, a única consequência é que ele não poderá mais votar, se quiser", esclarece Canever.

Outras situações, como de pessoas muito doentes ou com dificuldades de locomoção, requerem uma análise caso a caso. "Tivermos uma situação recente de um eleitor que veio de ambulância e entrou de maca no Fórum, com medo de ter problemas. Isso pode ser evitado se o eleitor ou um responsável entre em contato com o Cartório para obter maiores informações”, expõe o servidor o Cartório co-responsável pelos trabalhos, Luiz Rodrigo Verboski.

 

 

 

 

 

Imagens

IMG_1288.JPG
capa site1.jpg

Jornal Folha de Irati Rua da Liberdade, 740 Centro, Irati - Paraná,
fone: (42) 3423-2169 e 3423-1588
https://www.facebook.com/FolhaDeIrati

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Santa Chiara Comunicação