Coletores de resíduos da Ecovale surpreendem menino em Irati

João Henrique convidou os coletores de resíduo para participarem de seu aniversário e foi surpreendido

João Henrique é um menino de quatro anos, mora em Irati, e desde os três anos admira o trabalho da coleta de lixo. Ele gosta de ver o caminhão e fez amizade com os coletores de resíduo que trabalham para a Ecovale, até que decidiu convidar estes amigos para seu aniversário. O que ele não esperava era receber uma surpresa e um caminhão de brinquedo personalizado da empresa.

João Maria Rodrigues, supervisor geral da Ecovale de Irati, empresa que presta serviços de coleta de resíduos orgânicos na cidade, conta como é a interação com as crianças. “Muitas gostam do caminhão do lixo e do pessoal que presta este serviço, algumas entregam água, refrigerante e até mesmo algum alimento para os coletores, enquanto passam pelas ruas. Resolvemos fazer uma surpresa para o menino, enfeitamos o caminhão com bexigas e compramos um caminhão de brinquedo personalizado”, disse o supervisor.

A Ecovale presta serviços em várias cidades, a sede fica em União da Vitória, e está atendendo Irati há seis meses. “Irati é uma cidade polo, para recolher o lixo nas segundas e terças-feiras acumula muito no município, mas sempre trabalhamos fazendo nosso melhor, e a Ecovale está disponível a população para atender e ouvir reclamações e sugestões”, afirma Rodrigues.

Ele também destaca a profissão árdua que os coletores enfrentam e receber esta admiração é uma recompensa. “O trabalho dos coletores é muito árduo, faça chuva ou faça sol ele acontece, e as crianças expressam o carinho por esta profissão, com o sorriso e a admiração, isso traz ânimo para trabalhar cada vez mais. Queremos agradecer todas as crianças que nos admiram, e principalmente o João Henrique, que nos convidou para a festa. O caminho se faz no caminhar, e as crianças estão no lugar certo, fazendo o bem, recebemos o bem. Nós ficamos muito emocionados quando as crianças nos cercam e dão uma água ou um refrigerante, porque sabemos que aquilo é feito com muito carinho”, enfatiza o supervisor.

O caminho se faz no caminhar, e as crianças estão no lugar certo, fazendo o bem, recebemos o bem.

João Maria Rodrigues.

Fernando Gonçalves é motorista da Ecovale, desde que a empresa chegou na cidade. “Sempre que passamos buzinamos e damos tchau para as crianças que nos esperam. Quando passamos pela casa do João Henrique ele fica acenando para nós, e o pai dele disse que ele queria que participássemos do aniversário dele, por isso, decidimos fazer esta surpresa”, disse o motorista.

Edilaine Cristina Cardoso da Luz, mãe do João Henrique, conta sobre a paixão do filho e orgulho que ela sente, por saber que ele gosta de uma profissão tão nobre. “Fizemos o bolo com o desenho dos caminhões da Ecovale coletando em Irati, ele tem também a camiseta personalizada. Muitas pessoas podem achar que somos nós que incentivamos ele a gostar do caminhão, mas tudo partiu dele, ele assiste os desenhos tudo de caminhão de lixo. Me sinto orgulhosa do meu filho, por ele não discriminar uma profissão que muitos não valorizam, fico agradecida dele amar esta profissão. Agradeço aos rapazes que vieram no aniversário, são os amigos do João, deixaram o dia dele mais feliz, pena que no início ele ficou com vergonha, mas depois foi se soltando”, explica a mãe.