Comércio de Imbituva retorna às atividades

Serviço estava suspenso desde a quarta-feira da semana passada, dia 20

Na tarde desta segunda-feira (25), a Prefeitura de Imbituva emitiu um novo decreto em que autoriza o retorno das atividades comerciais no município. A decisão foi tomada em comum acordo com o Ministério Público devido à queda de casos positivos da Covid-19 na cidade.

Também, fica autorizada a abertura de academias, salões e barbearias, consideradas essenciais com base no decreto Federal 10.344/2020; atividades religiosas com até 30% da capacidade do local, com espaçamento e demais cuidados constantes da resolução SESA nº 734/2020 de 21 de maio de 2020; restaurantes, lanchonetes e pizzarias poderão atender no modo à la carte, com distanciamento e demais orientações sanitárias e nos dias e horários autorizados. Todas as atividades essenciais deverão continuar respeitando todos os cuidados sanitários. O toque de recolher fica mantido das 21h às 6h do dia seguinte.

Dos dias 21 a 23 de maio, três casos foram confirmados no município: uma mulher de 48 anos, com sintomas leves, está em casa sendo monitorada; uma adolescente de 18 anos, que teve sintomas leves, o exame foi realizado através de teste rápido validado pelo Ministério da Saúde, apenas para confirmação do diagnóstico. O mesmo já terminou o período de quarentena; e uma mulher de 26 anos com sintomas leves, está em casa sendo monitorada.

A Vigilância em Saúde do Município já está no fim das investigações para levantamento de novos contatos, isolamento, testagem e monitoramento dos casos relacionados ao primeiro diagnóstico de COVID-19 no município.

De acordo com a nota emitida pela Prefeitura “na última semana, foram 23 exames realizados de possíveis contatos e que tiveram o resultado NÃO DETECTÁVEL PARA COVID-19, o que mostra que os esforços por parte da equipe de Vigilância em Saúde e Atenção Primária em Saúde foram efetivos para conter a disseminação da doença no município, a partir dessa fonte conhecida”.

Diante deste cenário, o decreto considera a estabilidade dos casos da Covid-19, que tem, até este momento, 26 pacientes positivos da doença e 22 recuperados, e revoga a decreto anterior, e as atividades estão autorizadas a funcionar desde as 00h desta segunda-feira (25).

O decreto ainda reforça a manutenção dos cuidados, como o isolamento social, não receber visitas ou viajar, usar máscara, sair somente se necessário, não levar crianças e grupos de riscos a locais públicos