Concurso público de Rio Azul tem nova data

Provas acontecem no dia 17 de outubro, em dois turnos

A Prefeitura de Rio Azul anunciou, na quinta-feira (09), que as provas do concurso público têm nova data. Antes prevista para o dia 26 de setembro, atualmente, as provas foram adiadas e vão ocorrer no próximo mês, programada para o dia 17 de outubro.

As provas serão aplicadas em dois turnos, manhã e tarde, em oito locais, para que não haja aglomeração. Os portões abrem às 7h e fecham às 7h45. À tarde, a abertura será às 13h30 e fecha às 14h15. Nos dois turnos serão 4h de prova.

O edital de confirmação da data da prova e ensalamento dos locais de realização já foi publicado no jornal Folha de Irati e divulgado pela FAUEL, responsável pelo concurso, no site da Fundação (https://www.fauel.org.br/) e do jornal no link: https://www.folhadeirati.com.br/edital/edicao-2693/

O concurso foi lançado em 2020, e devido à pandemia precisou ser interrompido. Agora, com baixa nos casos no município e o avanço da vacinação, proporcionou a retomada para acontecer a prova.De acordo com a Secretaria de Administração, foram 1.437 inscritos para o concurso do Regime Estatutário e 295 para o Regime Celetista, totalizando 1.732 pessoas que farão a prova no dia 26 deste mês. As vagas são para ensino médio e superior, e os salários variam entre R$ 1.258,91 e R$ 3.798,31.
Serão seguidas todas as medidas de prevenção contra a Covid-19. Haverá aferição de temperatura nos locais das provas; salas extras; disponibilização de álcool gel 70%; será obrigatório o uso de máscara; distanciamento de 1,5 metros entre os candidatos. No momento da assinatura da lista de presença, cada candidato deverá utilizar a própria caneta.
É permitido levar frascos de álcool gel e garrafa de água, mas a embalagem precisa ser transparente. Para aqueles que estejam diagnosticados com a doença ou cumprindo o isolamento na data de realização da prova, poderão solicitar a devolução do valor pago pela inscrição junto ao Concurso Público, mediante apresentação do atestado médico com indicação do isolamento e demais termos de regulamento.
Caso haja desrespeito aos protocolos de biossegurança por parte do candidato, será impedida a continuidade da prova e acarretará em desclassificação.