Iratienses apostam no entretenimento e se destacam no TikTok

Plataforma ficou conhecida na quarentena e dois tiktokers ultrapassam um milhão de seguidores

Conseguir uma alta quantidade de seguidores em uma rede social não é algo fácil, mas com a quarentena as pessoas procuraram algo novo e o TikTok ganhou uma grande visibilidade no Brasil. E os iratienses, Leonardo Van der Neut e Daniela Choma, se destacaram no país, e cada um possui mais de um milhão de seguidores na plataforma.

Apesar de conteúdos diferentes, ambos querem entreter o público e apostam na diversão de quem assiste aos vídeos para ganhar os seguidores. Com conteúdos sobre atualidade e maternidade eles têm a atenção do público da rede social e conseguem trabalhar com isso e conseguir uma renda. Os dois conversaram com a Folha sobre como funciona esta área.

DANI CHOMA

Dani Choma e o marido Alisson Candeo priorizam situações da maternidade nos vídeos

Daniela Choma já ultrapassa 1,8 milhões de seguidores no TikTok . Ela começou a fazer os vídeos na quarentena quando estava grávida de Jade, que hoje também participa de alguns vídeos com a mãe, e o pai, Alisson Candeo. Dani sempre gostou de fazer vídeos de humor e seguiu nisso.

Os assuntos são relacionados à maternidade, começou com a gravidez e depois teve a fase do bebê. Agora, ela mudou o foco e traz assuntos cotidianos sobre situações de mães e filhos. No TikTok, Dani Choma também tem o quadro de receitas estranhas, como do brigadeiro frito, que foi o vídeo de comida mais viral do canal. “O nosso objetivo é trazer receitas diferentes que as pessoas nunca tiveram contato, para trazer realmente um entretenimento diferente, porque eu acho que o que se destaca hoje em dia é o diferente”, comenta Dani.

A gente fica muito feliz, porque é algo que gostamos e conseguimos trabalhar com a internet.

Dani Choma.

A criadora de conteúdo digital também traz aos seus seguidores a personalidades de filhos e mães de cada signo, com a intenção de exagerar nas características de cada um. Eles sempre gostaram de astrologia e procuraram conhecer mais desta área para elaborar os vídeos, que são roterizados e criados pelos dois. Os vídeos mais visualizados do casal variam entre 5 a 12 milhões de views.

Hoje, Dani e Alisson são agenciados por uma empresa de São Paulo, a Vox, que faz a assessoria do casal e todo o agenciamento, acompanhamento e crescimento na carreira. “Temos pessoas que estão nos guiando nesta fase e trazem trabalho para gente”, disse. A produção é toda de Dani e Alisson, eles criam o roteiro, filmam, editam e a empresa traz marcas para divulgar nos canais. Desta forma, eles conseguem ter uma renda. “A gente trabalha junto com a agência e conseguimos nos manter 100%  com a internet. A gente fica muito feliz, porque é algo que gostamos e conseguimos  trabalhar com isso”, completa.  

LEONARDO VDN

Leonardo Van der Neut alcançou um milhão de seguidores no TikTok no último mês

Leonardo Van der Neut chegou aos seus um milhão de seguidores há menos de um mês, mas tem muitos artistas famosos que o seguem e conhecem o trabalho, como a cantora Anitta. Ele também começou por brincadeira na quarentena. O primeiro vídeo que fez foi de uma festa de aniversário só para ele, que era um trends da época, assim, começou a se tornar popular.

A marca de Leonardo é o fone de ouvido pendurado no rosto, que usa em todos os tiktoks que produz. Os temas são variados, sobre celebridades e assuntos do cotidiano. O primeiro que viralizou foi dele comentando a mansão dos famosos, e da forma que faz, falando rápido, pois a duração do vídeo é de um minuto no máximo, fez sucesso.  “O perfil começou a crescer, e o conteúdo é 100% entretenimento. Sou bem irônico, debochado, faço bastante piada, da forma mais saudável possível, sem ferir ou atingir ninguém”, disse.  Em média, os vídeos de Leonardo têm de 80 a 150 mil visualizações. O mais curtido e assistido foi sobre uma retrospectiva de 2012, em que teve mais de cinco milhões de views e mais de um milhão de likes. É ele mesmo quem roteriza, filma, produz e faz a edição para chegar ao TikTok.

Apesar de ter alcançado um milhão de seguidores há pouco tempo, Leonardo vê que isso é um trabalho reconhecido que já vem de anos, pois desde os 12 anos produz vídeos para a internet, mas antes era no Youtube. “Eu queria muito ter chorado quando chegou a esta marca, mas fiquei tão feliz. Para mim é tão fora da realidade que eu nem consegui chorar no dia, porque eu continuo levando minha vida normal, faço tudo que eu fazia antes, só que agora gravo mais e tem 1 milhão de pessoas que sabem quem sou eu o que eu faço”, observa.

É algo que eu gosto muito de fazer, amo atuar, gravar. Viver de arte no Brasil é muito difícil, mas a internet, graças a Deus, proporciona isso.

Leonardo Van der Neut.

Leonardo foi para São Paulo nos últimos dias conhecer outros tiktokers que antes ele era fã, e agora são amigos. Ele conta o que sentiu quando as pessoas o reconheceram. “O contato com as pessoas não é muito grande, porque agora não saio muito de casa, se saio é com máscara, mas é muito surreal, ainda não caiu a ficha”, comenta.

Com tudo ainda novo para o criador de conteúdo digital, ele pretende seguir carreira, agora, irá concluir o curso de Publicidade e Propaganda e quer fazer Artes Cênicas. “É algo que eu gosto muito de fazer, amo atuar, gravar. Viver de arte no Brasil é muito difícil, mas a internet, graças a Deus, proporciona isso. Aproveito muito do meu curso também, e pretendo me dedicar ainda mais a isso, e espero que de tudo certo”, destaca.