Profissionais do SUAS de Irati e região param atividades e pedem vacinação contra Covid-19

Mobilização dos trabalhadores acontece por três dias

Desde esta quarta-feira (26), os profissionais do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) de Irati e região estão com as atividades presenciais suspensas, que deve durar por mais dois dias (27 e 28). Esta mobilização dos trabalhadores é para que o estado libere de imediato a vacinação contra a Covid-19 para o grupo.

O atendimento será feito remotamente, pelo telefone, para situações de urgência e emergência. O SUAS tem como objetivo garantir o direito da população na integralidade e apoio aos indivíduos, famílias e à comunidade no enfrentamento das adversidades sociais, por meio de benefícios, programas e projetos, e em momento algum estes serviços foram interrompidos devido à pandemia.  Desta forma, a classe pede que os profissionais sejam vacinados junto das pessoas com comorbidades e educadores.

Eles seguem a base do Plano Estadual de Imunização contra a COVID-19, pois está prevista a vacinação de “Trabalhadores da Educação do Ensino Básico (creche, pré-escola,ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA) e da Assistência Social (CRAS, CREAS, Casas /Unidades de Acolhimento)”, como já iniciou a imunização dos educadores, os profissionais pedem que sejam inclusos neste momento.

Com o aumento dos casos de infectados pelo vírus da Covid-19, os servidores do SUAS estão fortemente aliançados na luta pela garantia de proteção a essas famílias. Eles ressaltam a urgência da vacinação para trabalhadores do SUAS que também atuam como linha de frente através da proteção social e que estão diretamente ligados a ações contínuas e diretas a comunidade.

A proposta com esta ação de paralisação das atividades é dar visibilidade a luta pela vacinação dos servidores que atuam como parte fundamental no acesso as políticas sociais para a população. Nesta quarta-feira (26), profissionais estiveram nas ruas da região e realizaram uma mobilização com cartazes pedindo a vacina, também citaram a Assistente Social de Fernandes Pinheiro, Rafaela Letícia de Souza, que faleceu no domingo (23) por complicações da doença.

OFÍCIO AO ESTADO

A Associação dos Municípios do Centro Sul do Paraná (Amcespar), junto do Colegiado de Gestores Municipais de Assistência Social (COGEMAS) Região Irati e do Escritório Regional de Irati/SEJUF, enviaram um ofício a 4ª Regional de Saúde solicitando a inclusão dos 388 profissionais do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), de nove municípios da região, na vacinação contra a Covid-19 junto dos educadores e pessoas com comorbidades.

A regional  já encaminhou o documento, concordando com o ofício de que os profissionais sejam inclusos nesta etapa da vacinação, mas ainda não houve resposta da Coordenadoria da Atenção e Vigilância em Saúde do Governo do Estado.

Veja na galeria abaixo como foi a mobilização desta quarta-feira (26) na região.