Programa PlanificaSus é lançado em Teixeira Soares

Projeto é referência no hospital Albert Einsten, de São Paulo

O município de Teixeira Soares será o pioneiro do projeto PlanificaSus. Com o objetivo de capacitar profissionais para o atendimento especializado em conjunto com a atenção primária, a proposta pretende alcançar principalmente o público idoso e tratar do tema envelhecimento de forma compartilhada com outras políticas de saúde.

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, lançou o programa no Paraná e assinou na segunda-feira (22), o termo de cooperação com os nove municípios que integram a 4ª Regional de Saúde de Irati, para que os gestores possam, em suas localidades, multiplicar o programa, executado pelo Hospital Albert Einsten, de São Paulo, em parceria com o Ministério da Saúde, e idealizado pela Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (Conass).

O nosso projeto PlanificaSus é uma tentativa de consolidar uma relação entre a atenção primaria de saúde com os ambulatórios de especialidades e atividades hospitalares.  E tivemos a honra de começar em Teixeira Soares, na 4ª Regional de Saúde. Vamos fazer com que daqui possamos ganhar corações e mentes para esse programa, que é simples, objetivo, tem o selo, carimbo e garantia de ser tocado pelo Hospital Albert Einstein”, disse o secretário.

De acordo com o chefe da 4ª Regional de Saúde de Irati,Walter Trevisan, que acompanhou o lançamento, o novo programa irá, além de atender a pessoas idosa, também qualificar a equipe. Serão 1145 profissionais da saúde que irão receber treinamento para fazer o atendimento. “É uma oportunidade muito boa, muito grande. A nossa região foi contemplada, e cada município terá um laboratório dentro da rede de atenção básica, as de média e alta complexidade também serão atendidas. Este é um momento importante para a região”.

A diretora da Atenção e Vigilância em Saúde, Maria Goretti Lopes, é uma das responsáveis pelo programa. Ela explica que o Paraná assumiu esse compromisso e é o primeiro do Brasil a começar pelo atendimento à pessoa idosa, para integrar a atenção primária com a ambulatorial. Para isto, ela e uma equipe da Secretaria Estadual e do hospital de São Paulo, ficarão em Teixeira Soares capacitando os profissionais e vendo o que é necessário para o programa.

“O nosso usuário é o mesmo, a gente e precisa olhar para ele com todas as suas necessidades, e procurar atendê-las da melhor maneira possível, aquele paciente que chega na Unidade de Saúde ele ter toda a atenção ali, e eles estarão acompanhando o paciente, e atendendo para que ele volte e seja monitorado, e resolva o seu problema de saúde. É isso que nós queremos, uma saúde mais resolutiva”, comenta a diretora.

O prefeito anfitrião do lançamento, Lula Thomaz, se diz muito feliz em começar o programa por Teixeira Soares. “É um marco para a região essa nova fase da saúde do Paraná. O programa vem contemplar aquela ideia de humanizar, cada vez mais, o atendimento, profissionalizar, intender para poder atender. E o nosso hospital está servindo como referência. Quero agradecer a todos os prefeitos que nos ajudaram na ideia, isso traz um benefício muito grande à região, vem ao encontra da ideia do governador, que é concentrar o atendimento, promovendo aquele equilíbrio, em que vários municípios estejam trabalhando junto, em parceria, nos consórcios”.

HOSPITAL DE TEIXEIRA SOARES

O programa será realizado no hospital de Teixeira Soares, e para que seja executado de maneira eficiente, o prefeito já solicitou ao secretário estadual de Saúde, investimentos para reformas e contratação de mais profissionais. Segundo ele, o município já investe em torno de R$ 1,3 milhão por ano no hospital.

“Somos referência no atendimento prolongado ao idoso, e vamos precisar de reformas. Apresentamos um projeto prévio para o secretário, que se mostrou bastante sensível. Precisamos de mais resolutividade, resolver aqui, e isso requer investimento em pessoas e estrutura”, finaliza Lula.