Rio Azul adota novas medidas para enfrentamento da Covid-19

Casos têm aumentado consideravelmente no município e determinações mais rígidas foram tomadas para conter o avanço do vírus

Rio Azul tem um novo decreto com medidas restritivas para o enfrentamento da Covid-19 no município. O documento já está em vigor. Também, a Secretaria de Saúde fez algumas mudanças e remanejamentos para atender a população.

As ações foram tomadas junto da Prefeitura, Comitê de Covid-19 do município, Secretaria de Saúde e médicos do hospital São Francisco de Assis, para tentar diminuir a proliferação do vírus. Até esta quinta-feira (13), Rio Azul tem 681 casos confirmados e 11 óbitos pela doença. Em 24h, 35 novos casos foram confirmados.

Desde o dia 11 de maio está em vigor o decreto com o horário do toque de recolher das 18h às 05h do dia seguinte. Também está proibido, aos domingos, abertura de qualquer comércio, somente pode funcionar farmácia em sistema de plantão. Delivery está autorizado a trabalhar de segunda a sábado, até as 21h.  

Está proibido o consumo de qualquer alimento em qualquer estabelecimento, só pode a retirada no local. Depois das 18h, o delivery pode funcionar apenas para entrega. Vendedores ambulantes vindos de fora do município estão proibidos. A multa é de R$ 500 para quem descumprir as normas do decreto, inclusive, para quem não utilizar a máscara.

O prefeito Leandro Jasinski pede a colaboração da população para ajudar e denunciar em caso de descumprimento do decreto, na Prefeitura ou para a equipe de Vigilância Epidemiológica. “A gente pede para que a população cuide-se. É uma questão sanitária, de saúde para o bem famílias, dos entes queridos, dos amigos e para todos. Ninguém está confortável nesta situação que vivemos, mas tenho certeza que a nova cepa que está aqui no município é mais violenta e tem se alastrado de uma forma gigantesca. Precisamos do apoio de cada um para sairmos vitoriosos dessa batalha contra o coronavírus”.

MUDANÇAS NA SAÚDE

A Secretaria de Saúde fez algumas adaptações para atender aos pacientes com Covid-19 e também as demais necessidades. A Unidade Sentinela, que atende das 8h às 20h, agora, conta com dois médicos para atendimento. As Unidades de Saúde do interior estão fechadas, e as equipes foram remanejadas para Unidade Sentinela para auxiliar nas campanhas de vacinação e no monitoramento dos casos suspeitos e positivos de Covid.

O atendimento eletivo em todas as Unidades de Saúde está suspenso. A USF, da Vila Diva, está disponível para atendimentos de urgência. A equipe de monitoramento conta com mais profissionais, como os agentes comunitários de saúde. A fiscalização nas ruas também está mais intensa.

As campanhas de vacinação continuam conforme o cronograma, inclusive no interior do município.