Rio Azul sedia Encontro Regional de Surdos

Com colaboração de Felipe Cheremeta O Dia Nacional do Surdo, celebrado em 26 de setembro, foi comemorado em Rio Azul

Com colaboração de Felipe Cheremeta

O Dia Nacional do Surdo, celebrado em 26 de setembro, foi comemorado em Rio Azul com a realização do Encontro Regional de Surdos do Município. O evento aconteceu no Parque da Pedreira, e reuniu cerca de 125 pessoas, entre professores, intérpretes, surdos, pais de alunos e secretárias de Educação.

O encontro acontece duas vezes ao ano em diferentes municípios, e reúne a comunidade surda da região Centro-Sul. O objetivo do encontro é divulgar a Língua Brasileira de Sinais, a cultura surda e possibilitar o compartilhamento de produções e conquistas, além da promoção da integração e interação entre surdos.

A comemoração foi marcada por diversas atividades esportivas, troca de experiências, apresentações culturais, conversas, passeios e momentos de descontração. Além de Rio Azul, o evento reuniu municípios de Ivaí, Prudentópolis, Inácio Martins, São Mateus do Sul, Rebouças, Mallet, Irati e Imbituva.

O empresário, Elvis Martins, compartilhou sua experiência de trabalho com o funcionário surdo Caio Felipe Domingues. Segundo ele, a experiência foi muito gratificante, pois trouxe novas perspectivas tanto para ele como para Caio. Mostrou que a deficiência é uma construção social e que com atitudes positivas inclusivas conseguimos nos comunicar, interagir em sociedade.

Caio Felipe Domingues destacou sua experiência de trabalho na prefeitura municipal como assistente administrativo. Eu sei que as pessoas com deficiências têm muitas dificuldades. Pela minha experiência, procuro conhecer a mim mesmo para descobrir a minha capacidade, vendo o que posso ou não posso fazer, e com as minhas forças eu lutei e consegui chegar, comentou Caio.

Ele ainda enfatizou a luta, dedicação e sente que hoje é reconhecido pelo seu trabalho e competência. Desde pequeno sofreu preconceitos por ser surdo, mas procurou descobrir a própria capacidade em estudar e trabalhar, contou muito a ajuda familiar e principalmente a dedicação de sua mãe.

Segundo a organizadora do evento, professora e pedagoga da Escola Municipal Professora Vanda Hessel, Ivone Surmacz, esta ocasião ressalta que precisamos eliminar muitos preconceitos existentes. A sociedade acredita que pessoas surdas não conseguem ser independentes, estudar, trabalhar e assumir compromissos. Com nossos encontros de interação queremos mostrar para o restante da sociedade que os surdos são capazes, disse.

Ivone agradeceu o apoio da prefeitura de Rio Azul e ao prefeito Rodrigo Skalicz Solda, por abrir as portas do município para receber o encontro regional, além de outras pessoas e empresas que colaboraram com organização e patrocínio para o evento, como a secretária municipal de Educação, Igleci Aparecida Popovicz; secretário de Assistência Social, Rodolfo Skalicz Solda; o diretor do Departamento de Cultura, Felipe Cheremeta, e aos patrocinadores: Elvis Martins proprietário do Martins Supermercados; a Madeireira Rio Claro, Alliance One e as cooperativas de crédito, Sicoob, Sicredi e Cresol.

Evento regional reuniu mais de 100 pessoas no Parque da Pedreira em Rio Azul. Foto: Divulgação