Teixeira Soares tem 6,3 de média municipal no IDEB

Escola Municipal Madre Rosa Rosato foi a que mais se destacou

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) divulgou os resultados da prova que avalia o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). O município de Teixeira Soares teve 6,3 de nota geral, na rede municipal de educação, a nota anterior, da prova feita em 2017 foi 5,8.

Educação é peça fundamental na construção de uma sociedade justa e com oportunidade para todos.

Simone Baumel Tullio.

Nas séries finais do ensino fundamental, 9º ano, em 2017 o município teve 4,6, e em 2019, 5,7. A escola que mais se destacou foi a Escola Municipal Madre Rosa Rosato, a diretora, Wanderleia Bock, fala sobre os avanços na nota do IDEB. “Para melhorar o índice do IDEB a Escola Madre Rosa Rosato buscou trabalhar os conteúdos e as avaliações de maneira diferenciada. Desde o início do fundamental que eles veem sendo preparados para as avaliações externas e tendo noção de preenchimento de gabaritos e raciocínio rápido. Focamos bastante na leitura, compreensão textual e os conceitos matemáticos, geralmente iniciados ludicamente e com materiais concretos para melhor aprendizagem e também pudemos contar com o comprometimento dos pais para que as crianças estudassem mais em casa. Ficamos felizes com o resultado, mas temos a consciência de que precisamos continuar inovando para melhorar ainda mais”, disse a diretora.

Simone Baumel Tullio, secretária Municipal de Educação, destacou a importância de ver estas notas e seguir o trabalho ainda mais firme, e que o avanço é resultado das políticas e ações adotadas pela administração municipal. “Teixeira Soares tem educação de qualidade, mas vamos seguir trabalhando para superar esta meta.  Hoje, comemoramos o avanço do nosso índice que comprova a qualidade do ensino de nossas escolas. Este resultado representa o empenho e compromisso do trabalho incansável de nossos professores, coordenadores pedagógicos, diretores, pais e, o esforço de nossos alunos. O avanço também é resultado das políticas e ações adotadas pela administração municipal que enxerga a educação como prioridade. Educação é peça fundamental na construção de uma sociedade justa e com oportunidade para todos”, afirma a secretária.

O Paraná se destacou com os melhores números, foi o estado que mais cresceu no país, desde o Ensino Fundamental até o Ensino Médio. O IDEB avalia, além da prova de Matemática e Língua Portuguesa, o número de evasão dos alunos e o nível de formação dos professores. A prova acontece nos anos ímpares, ou seja, a cada dois anos e avalia alunos do 3º e 5º ano das séries iniciais do ensino fundamental, e o 9º ano das séries finais do ensino fundamental, no ensino médio os alunos do 3º ano são avaliados, por isso, é observado o desenvolvimento dos alunos ao longo da trajetória escolar.