Confidencial
Fechando o ano

Empoderadas

Foto: Divulgação

A vice-prefeita eleita, Ieda Waydzik, representou o prefeito Jorge Derbli na terça-feira (22) durante a eleição da chapa para comandar o CIMSAMU. Irati assumiu a Secretaria da chapa, Ponta Grossa a presidência, e Ivaí a vice-presidência. Na foto, as mulheres empoderadas que marcaram o evento. Da esquerda para a direita, a prefeita eleita de Carambeí, Elisângela Pedroso, prefeita eleita de Ponta Grossa, Professora Elizabeth, vice-prefeita eleita de Irati, Ieda Waydzik, e prefeita eleita de Ortigueira, Lourdes Banach.

Ieda pode iniciar no comando

Mesmo sem esta pretensão, a vice Ieda é que pode começar no comando da Prefeitura de Irati. Devido ao internamento do prefeito Derbli, a vice Ieda deve dar as primeiras ordens na casa azul. Mesmo em estado estável, não há previsão de alta e mesmo se estiver de alta ele ainda deve inspirar cuidados. Mas da posse Derbli não deve participar e Ieda assumirá no início. Vamos torcer pelas melhoras...

Amilton Assume 

Diante do quadro clínico de Jorge Derbli, que está internado desde o dia 17, ele pediu afastamento do cargo até o dia 31 de janeiro para tratar do problema de saúde. Assim, quem assume a Prefeitura neste perído é o vice-prefeito, Amilton Komnitski. 

Quadro mínimo

Derbli exonerou todos os secretários e comissionados com ato e efeito para 31 de dezembro. E, quando estava começando a tratar da nova equipe, foi internado. Portanto, não há nomes estabelecidos e com o prolongamento do internato, a incerteza continua. “Informações de cocheira” dizem que apenas as secretarias que têm orçamento como Saúde, Educação e Finanças terão titulares que podem ser nomeados. Mas ainda há projetos que devem ter início nos próximos dias como o projeto Viver Bem (antigo Condomínio do Idoso) e a licitação do Ginásio de Esportes, que precisam de tutores. A administração deve iniciar a gestão numa espécie de quadro mínimo de secretários, até porque se deve esperar a vontade do Derbli. Quanta Curiosidade!!!

Vice assumirá o parque de máquinas

O prefeito eleito de Rio Azul, Leandro Jasinski (PSD), informou em entrevista que o vice-prefeito, Jair Boni (PSB), assumirá o parque de máquinas. Jasinski disse que Boni sempre foi muito ativo nas atividades relacionadas ao parque de máquinas e assumirá este setor para dar o ritmo que a administração precisa. Leandro anda disse que não vai trazer vereadores para assumir cargo na Prefeitura.

"Disque me disque”

A indústria da boataria está correndo solta em Rebouças. O prefeito Zak, que tem a maioria na Câmara (seis vereadores), pode ter mais problemas se tivesse a minoria. Segundo informações, ele teria se comprometido em apoiar a eleição de Getúlio (PROS) para presidente da Casa. Mas Jader (PROS) é outro que parece estar articulando a presidência. Apenas lembrando que Jader foi chefe de gabinete de Zak no último mandato e goza de muita proximidade do alcaide. As movimentações já dão a entender a que Jader é o preferido. Mas para isso precisa convencer Getúlio a declinar!

Ignorado

O vereador Getúlio (PROS) relatou que estaria sendo ignorado por algumas reuniões que estão sendo organizadas por Jader para ajustar a presidência. Jader (PROS) teria buscado junto de Tio Chico (suplente PROS), apoio na oposição - leia-se vereador João Kozak (PDT), para assumir a presidência. Está nas “Bocas de Matildes” que Jader assumiria a Secretaria de Saúde, mas declinou para assumir a presidência da Câmara. Será?

Independência

Resta saber ainda como a oposição vai votar. Joãozinho (PDT), Bepinho (PSL) e Claudemir (PSC) podem estar esperando os desdobramentos e os descontentes da situação para se posicionar. Um exemplo é o próprio Joãozinho que se elegeu com trabalho simples e humilde, através da confiança do povo. A posição adotada por ele reflete o desejo da maioria que o elegeu e confiou em seu discurso oposicionista. Dependendo de seus movimentos, sem dúvida é um nome que se consolida como uma forte e jovem liderança municipal.

Lucas Sanches.
Foto: Reprodução

Falta combinar com os Russos

Em Prudentópolis, as costuras apontam que o presidente da Câmara de Vereadores deverá ser o mais votado, Lucas Sanches (DEM). Lucas deve ter o apoio da base do governo que teve a articulação tanto de Osnei quanto de Adelmo. A bancada da base tem votos suficientes para eleger o presidente, se ninguém ruir. Apenas um empecilho. Houve apenas uma alteração na composição do vice. “Falta apenas combinar com os russos! ”

Ministério publico

O MP de Prudentópolis propôs denúncia contra o vereador Worubi, por compra de voto e abuso de poder econômico. Na denúncia, foram anexadas várias conversas de eleitores que pediam cestas básicas e vale gás, dentre outras benesses. Mas Worubi foi diplomado e ação pede a cassação do diploma e do mandato.

Guamiranga

Em Guamiranga, deve ser a concorrência mais acirrada pela presidência da Câmara. Uma vez que o próximo presidente irá assumir o cargo de prefeito. A articulação deve se intensificar, mas a decisão acontece no dia. Até lá muita carta para jogar. A candidatura de Marco Chiaradia (PSL) está sob judice o que o impede de assumir.

Em Irati

Embora pareça calma a eleição para a presidência da Câmara de Irati está se construindo. Pelo menos dois grupos e mais de três nomes disputam as pretensões, mas o pluripardidarismo tem de ser levado em conta, o que muitas vezes dificulta o jogo. O próximo presidente tem a missão de potencializar a relação entre a Câmara com o executivo para que juntos possam acelerar as conquistas para o município. Qualquer outro discurso é de pessoas que põem seus interesses acima da coletividade.

Posse Virtual

A (Sesa) publicou na terça-feira (22) a Resolução nº 1.488/2020 que coloca recomendações para as cerimônias de posse dos eleitos deste ano. A orientação da Secretaria é que esses eventos sejam realizados, preferencialmente, por videoconferência, com transmissão remota para evitar possíveis aglomerações e reforçar a prevenção contra a infecção pelo novo corona vírus no Paraná. Se optarem por ser presencial, ficam autorizados a participar presencialmente da cerimônia apenas as autoridades eleitas da Câmara Municipal e da Prefeitura e um acompanhante, a equipe de apoio indispensável à realização do evento e imprensa previamente credenciada.

Atualize-se com o horário das posses

Rebouças – 29/12 às 19h;

Irati – 30/12 às 9h;

Rio Azul – 31/12 às 18h;

Inácio Martins – 31/12 as 10h;

Fernandes Pinheiro – 31/12 as 9h;

Imbituva – 01/01 às 9h;

Mallet – 01/01 às 9h;

Prudentópolis – 01/01 às 10h;

Guamiranga – 01/01 às 10h;

São Mateus do Sul – 01/01 às 16h;

Teixeira Soares – Indefinido

 “O segredo da mudança é focar toda a nossa energia não em lutar com o antigo, mas em construir o novo” -Sócrates

                                           “R$ 6 milhões”

O prefeito Adelmo deixará um bom caixa confortável para o sucessor Osnei Stadler.

Quase finalizado

Derbli internado com Covid

O Prefeito de Irati, Jorge Derbli, sua esposa Maria de Fátima Derbli, e também, o secretário de Obras e fiel escudeiro chamado pela alcunha de “Buzina” estão internados na área de Covid da Santa Casa. Até o fechamento da edição estavam com sintomas leves, mas passavam bem. Derbli apresentou exame positivo na semana passada e foi internado na quarta-feira (16). Segundo informações, passa bem e mesmo internado continuou exercendo as funções de prefeito.

Primeiro ato de vice

Como o Fórum Eleitoral de Irati e de Inácio Martins disponibilizaram pesquisa sobre a melhor forma da entrega do diploma, acabou-se optando por retirar no balcão. Como Jorge Derbli está internado, a vice, Ieda Waydzik, realizou o primeiro ato de vice e foi retirar o seu diploma e também do prefeito Jorge Derbli.

Sem diploma

O prefeito que teve mais votos em Guamiranga, Marco Chiaradia (PSL), não foi diplomado com outros eleitos do município na última quinta-feira (17). O diploma é a passagem para a posse. Com isso, quem assumirá o município será o presidente da Câmara que será eleito na posse dia 1º de janeiro, às 10h. Guamiranga vive a incerteza de ter uma nova eleição, uma vez que o registro da candidatura de Chiaradia foi negado pela justiça ainda na primeira instância.

Presidente da Câmara será o prefeito

Como aconteceu já em Imbituva, o presidente da Câmara de Guamiranga ocupará até que a justiça defina os recursos de Chiaradia, o cargo de prefeito. Para isso muita cautela nos acordos, uma vez que os vereadores estão distribuídos representando os três grupos da última eleição. A posse será comandada pelo vereador mais votado, Cordiac que dará posse aos eleitos, abrirá o processo de eleição da mesa diretora, após o presidente eleito, tomará posse como prefeito e o vice ocupará a presidência da Câmara. Isto traz uma instabilidade muito grande ao município, porque alguém ocupará um cargo que não pretendia com muita responsabilidade e sem saber por quanto tempo.

Pretendentes

O Prefeito eleito de Imbituva Celso Kubaski(Cidadania) e também o prefeito reeleito de Teixeira Soares Lula Thomaz(PSD) estão de olho na presidência da AMCESPAR. Embora a eleição seja apenas dia 15 de janeiro, ambos declararam esta semana ter interesse no cargo. Mas Kubaski disse que pretende sentar antes da assembleia para articular com Lula uma composição. Independente quem for o presidente, muito serviço pela frente.

Em Brasília

Foto: Divulgação

O prefeito Lula Thomaz (PSD) não perdeu tempo e foi captar os recursos que estão à deriva neste restinho de ano. Com Flavio Arns (PODEMOS) conseguiu R$ 280 mil para a saúde. Com o deputado Pedro Lupion (DEM) garantiu mais R$ 500 mil para pavimentação rural que será investido na continuação da pavimentação de Ribeirão até a PR-438. Lula foi acompanhado da sua esposa Rejane, da vice Juliana com o marido Israel Amâncio.

Cedeu à pressão

A Câmara de Vereadores de Irati, após a polêmica do aumento de vereadores retirou da pauta da votação o PLL 01/2020. Que aumentava a de 10 para 13 vereadores. Vários segmentos da sociedade civil organizada enviaram ofício para a Câmara pedindo que fosse retirado da tramitação e na manhã da quinta-feira (17) foi optado pela retirada, cedendo à pressão.

Mal articulado

A discussão do aumento do número de vereadores é uma discussão antiga. Anteriormente, eram 13, e por conta de uma determinação foi reduzido para 10. O interessante é que esta discussão do projeto que precisa ser melhor debatido até para que os eleitores e também os formadores de opinião e alguns sensacionalistas entendam o que é melhor. Mas a retirada de pauta mostrou que estratégia foi mal articulada e no final das contas o projeto que foi articulado pelo vereador Marcelo Rodrigues, sob fogo intenso, foi retirado de pauta.

   "Quem aceita o mal sem protestas, coopera com ele." - Martin Luther King Jr.

Volta às aulas

O Governo do Estado marcou o dia da volta as aulas: será dia 18 de fevereiro. O deputado Hussein Bakri, presidente da Comissão de Educação na ALEP, disse que “durante todo o segundo semestre, foi desenvolvido um planejamento especial para o retorno das aulas presenciais de maneira segura para alunos, professores e funcionários de escolas. Além da limitação de no máximo 10 estudantes por sala e do revezamento semanal entre eles, todos os protocolos médicos e sanitários serão seguidos: medição de temperatura, uso de máscara, distanciamento de 1,5 metro, disponibilização de álcool gel. A convivência no ambiente escolar é um ponto central no desenvolvimento das crianças e dos adolescentes e, por isso, o Governo do Estado está fazendo as adequações necessárias em toda a rotina dos colégios, que envolve transporte, merenda, tecnologia, etc.”

Com chave de ouro

O prefeito Jorge Derbli destrancou as suas obras que estavam estacionadas no governo. Esta semana ele teve a notícia da autorização da construção do antigo Condomínio do Idoso, agora “Viver Mais” que será construído na Vila São João. Ainda, foi liberado na quinta feira (16), o edital para contração da empresa para conclusão do Ginásio de Esportes paralisado a mais de sete anos. Com essa obra Derbli está retomando todas as obras que estavam paradas na gestão anterior.

Recebeu os eleitos

Foto: Divulgação

O presidente Nei Cabral (PV) recebeu os vereadores eleitos para uma apresentação da casa. Cabral aproveitou a oportunidade para dar as boas-vindas e explicar o funcionamento da Câmara de Vereadores de Irati.

Sobrando dinheiro

O prefeito Bertoldo Rover que assumiu a Prefeitura com um rombo de aproximadamente R$ 12 milhões está deixando a Prefeitura com um saldo positivo de praticamente do mesmo valor. A pandemia da Covid-19 dificultou o cumprimento das metas administrativas do Bertoldo e acabou por deixar mais dinheiro. Administrador como é, foi precavido e vai deixar um caixa gordo para o próximo prefeito Celso Kubaski.

                                                   R$ 12 mi

O prefeito Bertoldo Rover deixou o caixa polpudo em Imbituva

Aumento dos vereadores causa polêmica

Cleonice vai comandar o CIS

Foto: Divulgação

A prefeita reeleita de Fernandes Pinheiro, Cleonice Schuck, foi eleita por aclamação como a próxima presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde CIS/AMCESPAR. Não houve mais candidatos para a vaga. Ela vai substituir o prefeito de Imbituva, Bertoldo Rover, que ficou no cargo por oito anos sendo reeleito quatro vezes para a presidência. 

A guerra dos vereadores

Os vereadores conseguiram mais uma vez transforma paz em guerra. Ânimos acirrados para defender o projeto que aumenta ou na verdade apenas recoloca o número antigo dos vereadores na Câmara de Irati. A primeira votação aconteceu por unanimidade, ou seja, os 10 vereadores foram favoráveis. Mas o problema é a pressão que várias entidades da sociedade civil organizada estão fazendo para que o projeto seja retirado. Alguns edis dizem que o barco vai “fazer água” até o dia da votação.

Certo ou errado

O momento pode não ser o propício pela pandemia e tudo mais. Mas os reflexos da mudança de cadeira serão percebidos apenas em 2025, onde na prática, a legislatura com 13 cadeiras começaria a atuar. Mas tem muita gente irritada com a proposta, talvez sem entender, ou ainda revoltado pela atuação da classe política como um todo. Mas temos que lembrar que é o eleitor o responsável pelos políticos que estão lá, bons ou ruins.

Foto: Divulgação

Guamiranga em dia

O prefeito Angelo Machado nos seus mais de 82 anos vividos está preparando uma transição exemplar para Guamiranga. A administração já trabalhava em sintonia e baseado na lei criada pelo próprio prefeito Machado, está buscando realizar todos os pagamentos de forma a antecipar todo o processo de fechamento de caixa. Inclusive o 13º salário dos servidores, e segundo o secretário de Finanças, Rui Machado, após o dia 15 de dezembro já será agendado pagamento dos funcionários da Prefeitura, tal como, a exoneração de todos os secretários e cargos comissionados. A pretensão é deixar todos os sistemas em dia, inclusive, o SIM-AM.

Apoio da equipe

O prefeito Bertoldo tem característica de ser administrador de empresa e trouxe seu estilo para o CIS, tendo como diretor e escudeiro o Fernando Almeida. Em seu discurso, Bertoldo agradece muito a equipe, a condição de proporcionar o trabalho realizado. A prefeita que vai assumir, mas ainda não divulgou nomes, tem um estilo similar o de Bertoldo de também ser administradora de empresas. Vamos ver o resultado. 

Foto: Divulgação

Com Covid

O prefeito Jorge Derbli anunciou na quinta-feira (10) que testou positivo para a Covid-19. Ele foi o segundo prefeito a contrair o vírus. Rodrigo Solda já passou por essa experiência na primeira onda da pandemia. Jorge vai ficar em isolamento por 14 dias. Segundo relatos, seus sintomas são leves. Também, o prefeito eleito de Imbituva Celso Kubaski não pode vir a eleição do CIS, porque uma pessoa próxima também foi positivada

 

Nem todo mundo volta...

Em conversa com o prefeito Jorge Derbli esta semana, antes de anunciar a contaminação da Covid-19, que tem a pretensão de fazer uma grande mudança na Prefeitura. Mas para chegar no formato que deseja tem que fazer grandes alterações que mesmo tentando disfarçar já passa pela sua cabeça. Ele tem uma lista enorme de problemas para resolver, e quem sabe a tranquilidade do isolamento forçado possa ajudar a pensar em soluções. Nem todo mundo volta... e nem todo mundo fica.

9 - O prefeito Jorge Derbli pretende fazer uma grande alteração no secretariado. Muitas delas podem sofrer mudanças ou serem extintas

Montando a equipe

Foto: Divulgação

O prefeito Osnei Stadler está montando sua equipe de governo. Deverá iniciar o seu mandato com uma ordem explicita de segurar gastos. Na próxima semana ele deve anunciar os nomes que vão compor a gestão uma vez que já está na fase final da composição. Outro assunto que está tomando tempo é a composição da Câmara. O que se percebe é a presença constante do vice Evaldo nas decisões. 

Já exonerou

Não de direito, mas não pratica, o prefeito Jorge Derbli já exonerou todos os seus secretários, cargos e comissões. Na reunião realizada esta semana, não se comprometeu em trazê-los novamente para os cargos. Derbli ainda foi mais longe, orientou que se tiverem oportunidades de emprego em outras esferas, como na área privada, podem assumir. Derbli parece que vai ser menos coração e mais razão, o que eu ainda duvido.

Zaqueu na Educação?

Foto: Divulgação

Em Imbituva, o prefeito Celso Kubaski deve anunciar seu secretariado nas próximas semanas devido ao início da transição. A primeira data informada seria na terça- -feira (15). Mas como está em isolamento talvez mude. Informações de cocheira dizem que o vice prefeito, Zaqueu Bobato, pode assumir uma Secretaria e pelo perfil poderá ser a Educação.

Passou batido

Para falar em finalização de mandato, o prefeito Jorge recebeu um presente da Câmara de Vereadores. O projeto que parcela a dívida com o CAPS, passou em segunda votação por nove votos a um. Apenas Tucho Bartoski foi contrário. Talvez a discussão da elevação do número de cadeiras tenha tirado a atenção do público. Com este caso resolvido, Derbli terá maior tranquilidade no fechamento das contas. Ele vive de fato um novo momento administrativo. 

"Numa época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário" -George Orwell

Buscando a Inovação

Buscando a Inovação

O prefeito Jorge Derbli de Irati, junto de Oscar Muchau que representou a ACIAI e o Fórum de Desenvolvimento de Irati, e das professoras Adriana e Daniele da Unicentro, estiveram na última sexta (27), a convite, fazendo uma visita o Cilla Teck Park na Cidade dos Lagos, em Guarapuava. Além da estrutura apresentada, o Cilla Teck Park apresentou uma proposta de parceria à cidade de Irati, para a busca da inovação e do desenvolvimento tecnológico. Liderados pelo Capitão Lourenzo que é diretor presidente do Cilla e do professor Marcio Fernandes puderam se deslulbrar com a estrutura apresentada.

O que contagia

A busca pela tecnologia pode ser expressada também no hospital São Vicente, onde professores da Unicamp desenvolvem pesquisas sobre o genoma. Mas o que contagia é a estrutura de pessoas envolvidas e motivadas, além das parcerias com universidades como a Unicentro e UTFPR, além dos representantes do Repinho, que no seu fundador, Odacir Antonelli, estruturaram tanto a Cidade dos Lagos, como o Cilla Tech Park.

Compromisso assumido

A parceria do Cilla Tech Park, assumida nesta visita entre o prefeito Jorge Derbli e direção do Cilla na agenda representadas pelas várias esferas, reforça a missão das futuras gestões da busca incessante pela conquista da tecnologia e inovação. Não só para a administração pública, mas, proporcionar a toda comunidade uma estrutura e parceria que se cria para que possa integrar nossa região a tecnologia.

Devido à Covid

O Juiz eleitoral de Irati, Dr. Fernando Eugenio Martins de Paula Santos Lima, está inovando devido à pandemia da Covid-19. Ele está dando a opção aos eleitos de escolherem como querem receber seus diplomas. Dr Fernando está dando três opções: presencial na Câmara com duas pessoas por eleito, por vídeo, ou somente expedição no balcão. Se a escolha da maioria for presencial será limitada aos eleitos e mais um convidado, o evento será nas Câmaras Municipais. Mas o juiz entregará o diploma apenas para os eleitos. Os suplentes deverão retirar no balcão do Fórum eleitoral. Poderão pegar o diploma no cartório dia 16, às 10h, em Irati, e às 14h, em Inácio Martins.

Em Imbituva

Diplomação em Imbituva será online, no dia 17, às 15h.

Comércio local

O presidente da Câmara, Nei Cabral, no final da última sessão, demostrou sua preocupação com a importância de se adquirir no comércio local. Ele passou para os presentes o vídeo institucional que a ACIAI está utilizando como ferramenta para incentivar o consumo no comércio iratiense. Cabral, tanto como político, como comerciante, apoia esta ideia.

Para 13

Por sugestão do vereador Marcelo Rodrigues (PSDB) foi apresentado para leitura um projeto de Lei que aumenta o número de vereadores da Câmara de Irati de 10 para 13. O tema é falado nos bastidores há muito tempo e só agora foi implantado. Mas, além de passar por duas votações, ele só terá vigência para o próximo pleito de 2024.

Momento certo

Mesmo que descordem acho que o momento é o mais correto para que ocorra esse tipo de votação. Apenas vereadores que estão no final do mandato e ainda com um número expressivo de não eleitos é que não têm pressão popular para votar em um projeto dessa envergadura. O importante é que se aumente a representatividade da população na Câmara. E ainda, a Câmara de Irati tem uma estrutura enxuta que permite a recriação das vagas. Recriação porque no passado não tão distante a Casa de Leis já possuía esse formato. E ainda, a qualidade dos vereadores que compõem a Câmara é definida no voto. Então, não é o vereador que representa mal. Se a população está descontente é ela que votou mal.

Corrigindo

Na última edição, de número 2631, por erro de digitação os vereadores Ronaldão e Nato Kfouri aparecem como PSD, mas são do PSDB. Correção apontada, correção feita.

7 mi

O Paraná aposta no Turismo, que gerou 7 milhões de empregos novos no Brasil, em 2019.

Emiliano no Governo?!?!

Buchicho para cá, buchicho para lá, surgiu um comentário durante esta semana que pode ter um fundinho de verdade. Emiliano Gomes, que chegou em segundo lugar na corrida eleitoral, pode participar do governo Ratinho Junior. As especulações dizem que pode ser tanto na Casa Civil ou na liderança do Governo na Assembleia. Mas vamos aguardar pra ver em que isso se traduz.

Traiano na área 

O presidente da Assembleia Ademar Traiano (PSDB) amplia seu espaço na região. Em postagem, em sua rede social, o deputado Traiano diz que será um dos representantes de Irati perante o Governo Ratinho Junior. Na foto está Jorge Derbli, Traiano e Nato Kfuri. “Jorge Derbli, prefeito reeleito de Irati, que estava acompanhado pelo vereador Renato Kfuri, me visitou hoje na Assembleia. Firmamos uma parceria em favor do município. Serei um dos representantes da cidade junto ao governo do Estado e o Parlamento estadual. Vou ajudar a administração municipal a atender os anseios da população e a pleitear obras para a cidade junto ao governador Carlos Massa Ratinho Junior. A união fará a força por Irati. Vamos Juntos”. Traiano já exerce grande papel em Prudentópolis, neste sentido.

Erva Mate 

O deputado Hussein Bakri afirmou que o Governo do Estado tem sido um grande incentivador da cadeia produtiva da Erva-Mate do Sul do Paraná, que emprega 100 mil pessoas. No ano passado, inclusive, o Governador Ratinho Junior recebeu o Conselho Gestor da Erva-Mate do Vale do Iguaçu (Cogemate) e se comprometeu com as principais pautas do setor. Agora, mais uma vez, demonstra o seu apoio ao produto e ao evento online Mate Experience, que, nos dias 16 e 17 deste mês, vai debater formas de ampliar a divulgação da erva-mate da região para o Brasil e o exterior. E o convite para o evento foi realizado através de cestas do principais produtos envolvendo a erva mate.

Demandas

O deputado estadual Artagão Junior esteve na região recebendo demandas locais. Uma delas foi junto ao provedor da Santa Casa de Irati, Ladislao Obrzut Neto, que dentro da lista de solicitações apresentou uma mesa cirúrgica, aparelho de anestesia, arco cirúrgico, mamógrafo e outros equipamentos. Agora, o prestígio tem de ser na Secretaria de Saúde para conseguir os recursos.

Eleição do CIS

Acontece na sede da Amcespar, no próximo dia 8, às 9h30, a eleição para a presidência e mesa diretora do Consórcio Intermunicipal de Saúde (CIS – Amcespar) que até o final deste ano é presidido pelo prefeito de Imbituva Bertoldo Rover. Na disputa, dois nomes cogitados para assumir o posto, são: a prefeita de Fernandes Pinheiro, Cleonice Schuck (PSD) e o prefeito de Irati, Jorge Derbli. Mas tem um fato complicado nesta eleição que deve ser por aclamação. Guamiranga ainda não tem definido quem será o próximo prefeito. Como a eleição será antes da diplomação, as incertezas são maiores ainda, uma vez que, os votos do prefeito que teve a maior votação estão computados como nulos. Quem será convocado para votar neste momento confuso, ou Guamiranga não terá direito a voto. Dúvida, dúvida, dúvida.

Transições e avanços

Cumprimentado

O prefeito Jorge Derbli (PSDB) ainda está recebendo vários cumprimentos referente à vitória das eleições. Esta semana ele recebeu correspondência da Yasaki, parabenizando e desejando sucesso. A Yazaki é uma empresa japonesa que é um marco na geração de emprego em Irati. Isso mostra que o prefeito está construindo um link importante com o setor de geração de emprego e renda.

Mudanças

O prefeito Jorge Derbli promete mudanças para o próximo mandato. Mas algumas mudanças estão acontecendo agora. Claudio Adão que ocupava a Secretaria de Segurança pediu exoneração do cargo no início desta semana. Derbli vai extinguir a Secretaria de Segurança e sua estrutura passará a ser apenas no gabinete ou administração. Mas a Guarda e o Iratran serão comandados por um chefe de departamento, provavelmente.

Celso anuncia dia 15

O prefeito eleito Celso Kubaski de Imbituva já fez uma visita cordial ao prefeito Bertoldo Rover e combinaram que a transição deverá acontecer a partir do dia 15 de dezembro. Celso Kubaski informou que deverá anunciar nesta data o seu secretariado e primeiro escalão, iniciando pelos secretários. Kubaski ainda afirmou que até lá os nomes escolhidos não devem ser divulgados.

Lee pode sair?

Muitos comentários vêm neste período pós eleitoral. Alguns com fundamento, outros apenas ficção. Um dos comentários a respeito do chefe do Ciretran que pode perder seu cargo devido seu posicionamento nas últimas eleições municipais. Teria até nomes circulando nos bastidores como interessado. Mas a indicação da chefia do Ciretran é de tutela do deputado Artagão Junior. Vamos ver como isso se comporta para frente. Vamos aguardar.

Ternopil

O Prefeito eleito de Prudentópolis, Osnei Stadler, foi outro que recebeu felicitações. Mas estas vieram na Ucrânia, mais especificamente de Ternopil, cidade irmã de Prudentópolis. O Prefeito de Ternopil, Serhii Nadal, felicita Osnei pela vitória da eleição municipal. Serhii diz estar alegre por ter conhecido Osnei pessoalmente em 2019 durante a visita em Prudentópolis e convida-o a visitar Ternopil no próximo ano.
Finalizou dizendo: “Desejo a você e ao povo de Prudentópolis boa saúde, superação da pandemia e maior crescimento econômico da cidade e a implementação de seus planos”.

Erramos

Na edição nº 1630, na nota “Maior Bancada” onde está escrito Professor Prestes, leia-se João Prestes. Desculpem a nossa falha.

Agora é a presidência

Em virtude de as eleições saírem em novembro, o espaço para as articulações para assumir a presidência das Câmaras são mais dinâmicas e já estão acontecendo. Embora é sabido que é sempre na última hora que os votos se definem. As conversas já estão prosseguindo, principalmente, onde o placar ficou mais apertado. Muita energia para conquistar a tranquilidade por dois anos.

Telespectador

O presidente Nei Cabral(PV) está mais para telespectador, no que se refere a presidência da Câmara no próximo mandato. Nei fez uma grande votação e como é presidente neste biênio tem-se dúvida se poderia ser ou não candidato novamente, mesmo sendo em outro mandato. Mas tem mais gente interessada como Ronaldão, e Nato Kffuri, ambos do PSD, dentre outros. Outra alternativa seria Hélio de Mello (PV) que já passou pela presidência.

Garantiu

O prefeito de Teixeira Soares, Lula Thomaz (PSD), e a vice Juliana Belinoski, anunciaram junto a liberação de R$ 700 mil para a implantação da empresa Kadesh no município. Mostra que a administração não para. A liberação foi feita via SEDU com o apoio do secretário Ortega e do deputado Alexandre Curi. Este recurso será utilizado na infraestrutura do parque industrial.

Assista ao vídeo:

 

Transição

Poucos municípios da região Sudeste (Amcespar) terão que realizar transição de governo. A Prefeitura muda de mão apenas em Imbituva e Rio Azul. Guamiranga ainda está sob judice e não tem prefeito anunciado. Mesmo assim Chiaradia que tem sua candidatura sob judice apresentou um pedido de transição. Em Imbituva, Kubaski esteve com o prefeito Bertoldo esta semana, mas disse que a transição deve acontecer no mês de dezembro. Em Prudentópolis, Osnei é sequência de Adelmo, portanto a transição é branda.

"Você tem inimigos? Bom. Significa que você brigou por algo, alguma vez na vida." - Winston Churchill

Única com 2º turno

Ponta Grossa está mesmo chamando atenção no Paraná. Além de ter duas mulheres no segundo turno disputando a Prefeitura, PG é a única cidade no Paraná onde as eleições prosseguiram. Como não bastasse isso, o Paraná Pesquisa divulgou no dia 21 uma pesquisa onde aparecem as duas mulheres tecnicamente empatadas, com Mabel Canto (PSC) meio ponto na frente da Professora Elizabeth (PSD). A Eleição é domingo dia 29.

Refis Estadual

A ALEP aprovou por unanimidade na segunda (23), projeto de lei de apoio às empresas paranaenses para abrir um novo Refis para empresas do estado afetadas pela pandemia. O deputado Hussein Bakri afirmou que “essa é mais uma medida do grande esforço econômico que vem sendo feito para garantir que o Paraná sofra o menor impacto

Sandálias da humildade

O ex-prefeito Claudemir dos Santos Hertel (PSC) agora vereador, por Rebouças vestiu “as sandálias da humildade” e visitou o deputado Artagão Junior (PSB). Os dois haviam se distanciado na época que Claudemir foi prefeito. A conversa foi boa e reaproximou os dois políticos e parece que Claudemir saiu da conversa admirando mais Artagão e com as portas abertas do gabinete. Nada como o tempo.

                                                       “2º”

O Paraná foi o 2º do País no ranking das unidades federativas com maior número de contratações no acumulado do ano (janeiro a outubro).

Renovando a política

Política de boa vizinhança

Foto: Nilton Pabis

O prefeito Celso Kubaski (Cidadania) foi o primeiro a fazer a política de boa vizinhança e visitar o prefeito Jorge Derbli (PSDB). A visita foi na terça-feira (17) e foi em um clima muito descontraído, como não podia deixar de ser. Kubaski é natural de Irati o que faz com que a relação com o município seja estreita.

Prefere o CIS

A prefeita reeleita de Fernandes Pinheiro, Cleonice Chuck (PSD), afirmou esta semana que pretende pleitear a presidência de uma das instituições que agregam os municípios da região, a AMCESPAR e o CIS (Consórcio Intermunicipal de Saúde). Mas segundo ela, o interesse seria no CIS, pela condição administrativa que oferece e teria mais o seu perfil.

Acima de 1.000

O presidente da Câmara, Nei Cabral (PV,) quebrou o paradigma de que o presidente da Câmara do último biênio não se elegia. Trabalhou direitinho, fez a lição de casa e ter colocado o nome à disposição para vice evidenciou o seu nome. Mas foi o trabalho que o ajudou a conseguir a votação de 1.029 votos. Ele foi o único que passou da casa dos mil. Seguido da Tere da Anapsi, com 967, e Hélio de Mello, com 918 votos.

 

Pela primeira vez

Embora 70% dos vereadores sejam renovados na Câmara de Irati, apenas dois terão função legislativa pela primeira vez. Tere, e Batatinha, que foi uma das maiores surpresas da eleição passando de voto até de Ronaldão. Os outros, já exerceram o cargo de vereador, ou suplente, pelo menos. A composição da próxima mesa diretora também será interessante, uma vez que, existem cinco partidos na Câmara (PSDB, PV, MDB, PSC e PSD) e a mesa precisa de quatro.

Renovou mais de 90%

Apenas Dirceu Camargo, do PSD, foi reeleito em Imbituva. Ele ficou como segundo colocado em votos. Por primeiro, está Lisoel de Almeida (DEM), do Incra, com 712 votos. A Câmara de Imbituva passou por um processo interessante de renovação. Dos 11 vereadores, 10 não voltam para o cargo com uma renovação de mais de 90%. Élcio Galvão que é suplente não estava na conta. Ainda, a Câmara manteve uma mulher entre os vereadores. O interessante é que nove partidos estão representados, sendo que o PSD e DEM fizeram dois vereadores cada. Os outros partidos, (PSL, Cidadania, PSC, PSB, Pode, PP e PSDB), cada um fez um.

Gerônimo!!!!

Teixeira Soares, a Câmara foi renovada em 55%. Dos nove vereadores, cinco permaneceram. Mas foi Gerônimo Tasior (Podemos) que foi a ponteira nas urnas com 340 votos, uma surpresa para muitos. Fifo (PV), Erminho Vital (PSD), Juca Salapata (PSB) e Marcelo Acordi (PSC) e Zé do Baratão já estavam na casa. Gerônimo, Inês Ferreira (PROS), Edson Ror (PSDB) e Carlinhos Gorte (PP) são os novatos. Mas Gorte já foi vereador em outros mandatos anteriores.

Maior bancada

Em Inácio Martins, o PSD fez a maior façanha na Câmara de vereadores. Eles elegeram quatro vereadores, sendo o novato Ismael o mais votado. Mas a Câmara foi renovada 55%. São novatos o Ismael (PSD), Dr. Júlio e Professor Élcio do PV, e Marino e Professor Prestes ambos do PSB. Mas Marino já foi vereador em outro mandato. Foram reeleitos Bello, Dimas e Jorge (PSD), e Laureci que está filiado ao Podemos. Pelo quadro da Câmara já podemos afirmar que o prefeito tem a maioria de seis vereadores.

Começou a outra correria

Em virtude de as eleições saírem em novembro, o espaço para as articulações para assumir a presidência das Câmaras já está acontecendo. Embora se saiba que é sempre na última hora que os votos se definem, as conversas já estão prosseguindo, principalmente, onde o placar ficou mais apertado. Muita energia para conquistar a tranquilidade por dois anos. Depois é tudo novamente.

É penta

O prefeito Luiz Everaldo Zak (PSD) foi reeleito para o quinto mantado. Ele é o único prefeito da região a conseguir esta façanha. Se elegeu, originalmente pelo PT, e agora, fará seu quinto mandato pelo PSD. Fábio Chiqueto (PROS) vice de Zak acumula quatro mandatos de vereador e três de vice prefeito. A dobradinha Zak e Fabio acontece pela terceira vez, outro fato inédito na região.

Renovou 5

A Câmara de Rebouças renovou cinco vereadores, dos nove da casa. Joaozinho (PDT), Bepinho (PSL), Claudemir (PSC), Marcia Freitas (PROS) ainda não tiveram experiência na Câmara. Jader já foi vereador anteriormente. Mesmo com a dança das cadeiras, duas mulheres foram eleitas. Betinha (PSD) a atual presidente e Marcia. O PROS foi o partido com mais cadeiras na casa, três.

                                                                13

As mulheres voltam ao cenário político regional ocupando cargos. São nove na vereança e duas no executivo.

Transição

Poucos municípios da região Sudeste (Amcespar) terão que realizar transição de governo. A prefeitura muda de mão apenas em Imbituva e Rio Azul. Guamiranga, ainda está sob judice e não tem prefeito anunciado. Mesmo assim Chiaradia que tem sua candidatura sob judice apresentou um pedido de transição. Em Imbituva, Kubaski esteve com o prefeito Bertoldo esta semana, mas disse que a transição deve acontecer no mês de dezembro.

Guamiranga

O município de Guamiranga ainda continua com a situação indefinida. Aguarda-se um julgamento de liminar para então sair uma decisão do TRE. Marco Chiaradia venceu a eleição por seis votos de diferença, mas concorreu sob judice uma vez que estava inelegível. O juiz eleitoral não homologou sua candidatura e Marco recorreu ao TRE. Aguarda-se para os próximos dias a decisão. A situação é indefinida e não há transição.

Placar positivo

O governo Ratinho Junior foi bem nas eleições da região da Amcespar. O PSD venceu em seis cidades. O DEM venceu em Prudentópolis e ainda não há decisão em Guamiranga. O Cidadania venceu em Imbituva e o PSDB em Irati. Na região, até o momento o governo foi contra apenas em Irati, onde perdeu. Em Guamiranga, não ouve posicionamento.

Quem aceita o mal sem protestar, coopera com ele. -Martin Luther King

Sem chaminé

Foto: Patrícia de Paula

A Centro Universitário Campo Real anunciou, na manhã da quinta-feira (19), os nove cursos que compõe o primeiro vestibular do campus de Irati. O prefeito Jorge retomou o discurso da indústria sem chaminé, em virtude dos empregos e renda que a vinda da instituição gera. A universidade comprou e está reformando o antigo colégio Sagrado Coração de Jesus, em Engenheiro Gutierrez, que vai manter sua arquitetura original. Com o investimento, o prefeito já observa que deverá fazer investimentos no bairro como pavimentar a ligação Lagoa - Riozinho.

O placar da região

Pequenas diferenças

Em vários municípios da região, as diferenças foram muito apertadas. A menor foi a de Guamiranga onde, do primeiro para o terceiro, foi de apenas 1,88%. Mas como Marcos Chiaradia está recorrendo de uma condenação, seus votos no site do TSE aparecem como nulos. Diferente de outros municípios onde o TSE já aponta o vencedor, em Guamiranga ainda estamos no breu. Do primeiro para o segundo foram apenas seis votos. Bota disputa nisso.

Fazendo sofrer

Em Teixeira, foi outro local onde os candidatos tiveram que ter coração forte. Horas na frente, horas a trás, a disputas estava muito acirrada e teve momentos que se chegou a ter 16 votos de diferença. O final lacrou com 150 votos a favor de Lula Thomaz, lá foi uma briga de “Titãs”, já que os dois candidatos são fortíssimos por ali. O atual prefeito Lula enfrentou o seu antecessor Ivanor Muller, e uma disputa assim não poderia ser diferente e fazer todo mundo sofrer. O terceiro candidato foi insignificante na disputa.

Em São Mateus do Sul

A vereadora Fernanda Sardanha levou o cargo do prefeito Luiz Adyr por apenas 1.6%. Isso significa 397 votos de diferença. É também a primeira vez que São Mateus do Sul terá uma mulher como governante. Luiz Adyr foi um prefeito que participou de várias conquistas para o município como o novo hospital, a pavimentação de Irati a São Mateus do Sul, e a rua coberta “Rua do Mate”. Mas não foi suficiente para segurar a eleição.

Na foto

O ex-prefeito Celso Kubaski (Cidadania) venceu na foto uma disputa sem precedentes. Ele já foi prefeito e apoiava o mandato de Bertoldo Rover, mas se afastaram durante o andar da carruagem. Ele venceu dois grupos importantes, mas impediu que a família Pontarolo voltasse ao poder. Celso teve o apoio expressivo do Governo do Estado, o que pode ter dado fôlego suficiente para chegar à frente. Como se usa em termos esportivos do qual Celso é adepto, a vitória “foi na foto”.

Nei foi o mais votado

O atual presidente da Câmara, Nei Cabral (PV), foi o vereador mais votado em Irati. Nei surpreendeu a votação e quebrou um paradigma. Há muito tempo quem ocupou a presidência da Câmara do segundo biênio de uma gestão não se elegia. E se soma a um seleto grupo de três vereadores que conseguiram voltar. Nei, Hélio e Wilson Karas.

Foto: Repordução Facebook

Nas pessoas

O prefeito Jorge Derbli (PSDB) foi reeleito com 46.28%. Mesmo com uma campanha de oito candidatos, Derbli conseguiu colocar uma diferença para o segundo candidato Emiliano Gomes (PSD) de 4.398 votos. Ainda que Derbli optou em permanecer do PSDB, mesmo convidado para assumir o PODEMOS de Cezinha Silvestri e dos três senadores. Isso mostra que os eleitores, principalmente nas cidades menores, votam nas pessoas e não no partido, principalmente nas eleições municipais.

Mais reservada

Em Irati e Prudentópolis, por exemplo, os candidatos vencedores da eleição optaram por conter as comemorações, isso tudo devido à pandemia da Covid que voltou a crescer. Osnei se limitou a fazer uma carreata e nem saiu de dentro do carro, já Jorge Derbli, comemorou com sua família na sua fazenda no Riozinho. Em outros municípios, onde as diferenças foram menores, as comemorações extravasaram e foram as rua, em passeata ou em carro aberto.

Abstenção

A taxa de abstenção (eleitores que não foram as urnas) de Irati chegou a 22,52% nesta eleição. O número é maior que outros anos. Isso se deve a pandemia que cresceu nos últimos dias no município e no em torno. Mas, por outro lado, tivemos ganhos como a limpeza na cidade, onde não vimos aquela imundice de santinho jogado pelo chão como era antigamente.

Câmara renovada

Nei Cabral foi o único candidato a passar da casa dos mil votos. Ele chegou a 1029 votos. Historicamente, foi a maior renovação da Câmara de Vereadores de Irati. Voltamos ver as mulheres na Câmara e sendo bem votada, como foi a Tere da Anapci. Dos eleitos, que ainda não cumpriram mandato na casa são: Tere (PSC), Nego Jacumasso, Cezar Batatinha (PSD) e Cesar Jacumasso (MDB). E voltam para o cenário Nato Kffuri (PSDB), Ailton Laroca (PV) e Ronaldão (PSDB).

Placar

O prefeito Jorge Derbli elegeu seis vereadores de situação. São eles, Nei Cabral, Helio de Mello e Ailton Laroca do PV. Do PSDB elegeu Nato Kffouri, Ronaldão e Wilson Karas. O MDB elegeu Cesar Jacumasso, que pode não se posicionar como oposição. O PSD elegeu Nego Jacumasso e Cesar Batatinha. Já o PSC, só elegeu a Tere da Anapci. Os partidos de linha extremista, como do PCdoB e PDT, não elegeram nenhum vereador. Nem o de extrema direita como o PSL não elegeu nenhum. Mas quem chamou a atenção no processo foi Cezar Batatinha (PSD) que fez 719 votos. Nome e cara nova na política de Irati.

Claudemir voltou

O ex-prefeito de Rebouças, Claudemir Herthel, voltou à vida pública. Ele se elegeu como vereador pelo PSC. Ele apoiou a candidatura de Fabio Seidel que foi muito bem no seu pleito onde enfrentou Luiz Zak, que vai cumprir o seu quinto mandato. A diferença para prefeito na cidade foi de 673 votos, ou seja 7.42%. Numa análise simplória, podemos dizer que se Chico Bier não tivesse saído candidato, as chances de eleição de Fábio Seidel aumentaria significativamente, uma vez que os votos de Bier não iriam para o prefeito Zak. Mesmo assim, Fábio foi muito bem, até mesmo pela pouca estrutura que tinha.

6 - Número de municípios que o PSD venceu na região

Está quase lá!

Governador na região

O governador Ratinho Junior esteve no sábado (07) fazendo carreata com alguuns dos candidatos que apoia. Em Irati, ele esteve na carreata do Emiliano Gomes. Em Prudentópolis, subiu em um caminhão militar para demonstrar o apoio a Osnei Stadler, do DEM. O Governador gravou mensagem de apoio para vários candidatos de várias cidades, mas na nossa região apenas Irati e Prudentópolis receberam o apoio presencial.

Vai ser na foto

A expressão que define o final das corridas para o desempate, uma foto do qual cavalo passa primeiro na linha de chegada define a disputa da prefeitura de Imbituva. Uma diferença de menos de 1% separa o candidato Geraldo Rocha (DEM) que tem como vice a vereadora Preta (PSD) e tem apoio incondicional do prefeito Bertoldo Rover, que conduziu uma transformação na administração do município. Como segundo colocado vem Celso Kubaski (Cidadania) que já foi prefeito do município, mas ainda aguarda a confirmação da sua candidatura devido a um pedido de impugnação feito por Vinicius Pontarolo.

O pau está “torando” 

Em Rio Azul, o clima está quente. Na justiça, o prefeito Rodrigo Solda (PSL) derrubou um vídeo realizado pelo médico e ex-prefeito, Alexandre Burko, em que tecia críticas mentirosas sobre fatos da cidade. A liminar foi contra Alexandre Burko e também contra o candidato a prefeito Leandro Jasinski (PSD). Rodrigo alegou que como o médico faltou com a verdade leva o eleitor a erro e prejudica o resultado das eleições. E o juiz acatou e concedeu a liminar. A publicação da resposta está sendo exibida na página do candidato Leandro Jasinski.

 

 

ERRATA:

Na edição desta sexta-feira (13), na nota "O bicho vai pegar", da Coluna Confidencial, houve um erro de interpretação nas informações repassadas ao colunista, que acabou confirmando o apoio de Elvis Martins à candidatura de Fabio Seidel (PSC), em Rebouças. A visita de fato aconteceu e foi para uma espécie de consulta para atração de investimentos de empresas e formas de implementar políticas públicas que atraiam empresários.

Em uma publicação, Elvis Martins informou que tem uma empresa PRIVADA, e NÃO TEM POSIÇÃO POLÍTICA, inclusive, já recebeu visitas de outros candidatos de Rebouças e também de Rio Azul.

Pedimos desculpas pelo erro e próxima edição será publicada a errata.  

Regularização Fundiária

O prefeito Bertoldo Rover recebeu uma notícia importante nesta semana. Estão prontas as 1.300 escrituras do programa regularização fundiária. É mais uma das metas da administração Bertoldo Rover dar o documento para as pessoas que receberam casa ao longo dos anos, mas não os documentos. Além do custo, Bertoldo conseguiu franquear a burocracia da documentação.

Mais casas

O prefeito Rodrigo Solda também recebeu notícia boa na reta final da eleição. Foi autorizada a construção de mais 34 casas para o município. Solda vinha trabalhando intensivamente para liberar estas casas que serão construídas no bairro. Serão casas para pessoas necessitadas sem o pagamento de nenhuma parcela. Este é um projeto que aconteceu inteiro dentro do mandato do prefeito Rodrigo Solda.

Tempo quente

Uma série de denúncias que aconteceram no programa “Pardal” do TSE, foi utilizada para denunciar muitos candidatos a vereador. Alguns partidos tiveram que regularizar os registros dos candidatos a vereador. Mas foi a turma do MDB que estava mais brava com a denúncia. A presunção da culpa é evidente deixou Josué e sua turma com “sangue nos olhos”. Prometeu que iria “abrir o motor deles” na live, o que não aconteceu. Josué reclamou da falta de respeito e se referiu que a denúncia teria partido do candidato “Mãos Calejadas”, como ele chama. Josué disse que pode pagar até R$ 160 mil de multa. Isso irrita qualquer um. Mas parece que tudo já era fogo de palha e está tudo mais calmo novamente.

Renovação que não renova

Há uma presunção que a Câmara de Irati possa sofrer uma renovação. Mas alguns nomes já passaram pela casa, o que dá uma sensação falsa de renovação. Dos nomes em disputa acredito que apenas dois ou três candidatos com chances reais de eleição ainda não assumiram o cargo de vereador. Ainda resta saber como as mulheres serão votadas nesta eleição.

Na Região

A expectativa de renovação é grande na região. As câmaras em geral têm passado por processos de renovação constante e esta eleição será mais uma demonstração em algumas cidades. Mas não basta renovar, e sim colocar vereadores com capacidade. Em geral, é necessário que as Câmaras cresçam em qualidade. Nem sempre os mais populares são os melhores.

Comemorações sem aglomerações

As comemorações das eleições podem se tornar mais um grande ponto de transmissão da Covid-19. Não adianta a Justiça Eleitoral tomar todas as medidas para proteger os eleitores, se no momento de as comemorações a população ultrapassar os limites da aglomeração e do bom senso. Cabe aos eleitos frear as exposições para que isso não ocorra e agravemos ainda mais o quadro, que já está ruim.

Lucro ou Prejuízo

O governador pode não ter saído tão bem na nossa região. De 10 cidades apenas seis seriam da base aliada do governador. Claro que todos têm bons relacionamentos, mas não são de partidos da base. O DEM pode fazer de dois a quatro, o PSDB um, o PSL um e o PSC, também um. O PSD pode fazer no máximo seis. A conta é meio maluca, mas alguns municípios a situação embolada, e bem.

Encolheu

O TSE recolheu cerca de 20% das urnas eleitorais do Paraná. Justo num momento de pandemia foi uma ação perigosa em termos de aglomeração de pessoas. Mesmo que as medidas de prevenção ao covid estejam sendo tomadas, os eleitores estarão sendo aglutinados em sessões próximas as suas. Isso aconteceu porque alguns estados do sudeste precisaram reforçar a sua estrutura de urnas e o TSE buscou isso também Paraná.

Nunca se mente tanto como antes das eleições, durante uma guerra e depois de uma caçada.

Otto von Bismarck

Ameno ou aparência

O clima da campanha de Irati esta muito ameno para esta reta final. Às vezes, o clima por fora esta sossegado, mas as estratégias mais elaboradas podem estar se desenrolando no silêncio. De bobo ninguém tem nada e “não existe almoço grátis”. Resta saber se o clima esta ameno até pela falta de recurso ou tudo não passa de aparência para “inglês ver"!

                                    3

E o coração dos candidatos vai apertando. Faltam poucos dias para a eleição

Pé na estrada

Pé na estrada

Embora pareça que as campanhas estão quietas, os candidatos têm apostado na estratégia de colocar o pé na estrada. Gastando sola de sapato e visitado casa a casa para convencer o eleitorado. E isso não é só em Irati. A pandemia mudou a estratégia política e as grandes reuniões foram substituídas pelo corpo a corpo, ou melhor, casa a casa. Bom para a população que não vai poder negar que o próximo prefeito não conhece as mazelas do município.

Bolão

Seguindo tendência de outros locais, o eleitor aposta numa renovação da Câmara de Vereadores. E isto, em partes, pode acontecer uma vez que com a queda da coligação os partidos têm de ter estratégia para eleger os seus. Mas as apostas estão abertas para saber quem entra e quem fica de fora. Devido ao grande número de candidatos eleitos, com votações exuberantes pode não acontecer. Ainda, o fato de termos uma abstenção maior pode influenciar o fator.

Fake News

Neste momento da campanha é muito importante checar as informações que vamos receber. Mas antes de passar para frente é importante saber se é verdadeira ou não. Muitas vezes podem usar uma informação antiga, na intenção de transformar em fato novo. Esta semana um post mostrava funcionários públicos em campanha. Nada de errado se eles tiverem fora do expediente. Após o horário de trabalho público ou não, cada um cuida da sua vida e é possível até fazer campanha.

Osnei na frente

A Rede Sul de Notícias registrou mais uma pesquisa em Prudentópolis. Osnei Stadler (DEM) aparece na frente com 43.57% das intenções de voto. Irajane Santini (PSL) possui 28,57% e Divo Batista (PSOL) possui apenas 4,76% índice menor que os indecisos que chegam a 16,19%. Já Rodrigo Fernando (PRTB) possui apenas 1,43% e fica atrás, inclusive, dos brancos e nulo que somam 3,57% e 1,90 que não souberam responder. A margem de erro é de 4.8 pontos para mais ou para menos, e o grau de confiança é de 95 pontos. A pesquisa foi feita pelo instituto Arbeit Intelligence, registrada no TRE sob número "PR-05629/2020".

15%

A pesquisa confirma o favoritismo de Osnei. Ela foi realizada entre os dias 31 de outubro e 1º de novembro ouvindo 420 eleitores de Prudentópolis. Na semana passada, uma outra pesquisa, também registrada, foi divulgada apontando Osnei com 43,7%. A diferença, segundo a pesquisa, entre o primeiro e o segundo candidato é de 15%, diferença muito difícil de ser tirada em apenas uma semana de campanha e a pesquisa já aponta uma tendência de vitória por Osnei.

9

E o coração vai apertando. Faltam poucos dias para a eleição.

De peso

Em Imbituva, como em outras cidades, o páreo é duro. Mas o apoio de personagens locais tem muito valor nesta reta final. Esta semana, o candidato Geraldo Rocha(DEM) recebeu o apoio de Valmor Julio (Carton Calçados) que declarou o apoio através de um vídeo. Valmor afirmou que o apoio é uma homenagem ao trabalho do atual prefeito Bertoldo Rover (PSD) à frente do município.

Contra a reeleição

O candidato Fabio Seidel (PSC) e o seu vice Bepe Massoqueto (DEM) declararam em cartório que são contra a reeleição no município. Eles registraram em cartório um documento se comprometendo em não se candidatar à reeleição caso sejam vitoriosos do pleito. A postura é contrária a do atual prefeito Zak que na posse afirmou que não seria candidato, mas acabou mudando de opinião.

Contra dinheiro público

O candidato a prefeito de Prudentópolis, Osnei Stadler, confirmou sua posição em entrevista à Folha de Irati de ser contrário ao fundo eleitoral de campanha. Osnei defende que dinheiro público não deve ser destinado a financiar campanhas eleitorais. Prova disso é que ele documentou o partido de sua posição para que não destinasse ao DEM de Prudentópolis fundo eleitoral. Ele afirma que o recurso deve vir dos candidatos e apoiadores, de forma privada.

Agora é Militar

Agora é Militar

Enfim, o governador Ratinho Junior liberou a lista dos colégios cívico-militares para serem implantados no Paraná. Embora ainda sob consulta, nossa região poderá receber até oito colégios espalhados por sete municípios da nossa região. Fernandes, Teixeira e Guamiranga ficaram de fora. Ao todo, mais de 200 escolas no Paraná serão consultadas.

Uma opção

Segundo o líder do governo na Alep, deputado Hussein Bakri, que é Presidente da Comissão de Educação da Assembleia, os colégios cívico-militares serão uma opção a mais aos pais que assim desejarem, com uma metodologia nova que virá para somar ao grande trabalho que já vem sendo feito em prol dos nossos alunos nas 2,1 mil escolas estaduais, sob o comando do secretário Renato Feder.

Compromisso

Gostaria de esclarecer que todos os candidatos a prefeito de Irati foram convidados para conceder entrevista para a Folha de Irati, que está sendo veiculada no site como em todos os municípios da região. O candidato Marcos Gonçalves do Avante não compareceu na reunião de sorteio e organização da agenda para o programa. O PT enviou um ofício dizendo que por motivo do ocorrido com o candidato Osvaldo Zaboroski declinavam em participar do evento. O candidato Ico Ruva (PSL), um dia antes das entrevistas enviou, via WthasApp, uma mensagem dizendo que não compareceria por motivos específicos. Já o candidato Emiliano Gomes (PSD), que havia confirmado sua participação através de seu representante relatado em ata, durante a ocorrência das entrevistas, através de seu coordenador de campanha, via telefone, informou que não compareceria a entrevista por motivos não especificados. João Dremiski (PCdoB) que havia confirmado e chegou a ir ao estúdio, acabou desistindo da entrevista. Com isso, apenas os candidatos Josué Hilgemberg (MDB), Jorge Derbli (PSDB) e Rafaela (PDT) concederam as entrevistas que estão sendo veiculadas no site e nas redes sociais do jornal.

17

Estamos entrando na reta final. Já é contagem regressiva.

É preciso respeito

Acredito que uma das características essenciais para um político é o respeito. Com o dinheiro público, com o bem da população e com o ser humano. Quando um candidato assume um compromisso e não cumpre ele, na verdade, está apenas mostrando como será quando, e se, estiver no poder. Não são pelas grandes atitudes que conhecemos as pessoas, mas pelas pequenas e simples. E alguns fatos acabam levando a realidade. O que aconteceu nos deixou apenas tristes, por candidatos perderem a oportunidade de responderem em uma modesta entrevista com questionamentos que são do interesse de todos. Tristes pelos membros da sociedade civil organizada que enviaram seus questionamentos como ACIAI, OAB, Fórum de Desenvolvimento e a comunidade. Perdemos todos nós, enquanto população, de conhecer o que os candidatos pensam, diferente das falácias dos programas eleitorais e do que postam no Facebook. Se uma entrevista amedronta, o que farão à frente de uma Prefeitura? Fica a dúvida.

Pesquisa aponta Osnei em Prud

Além de receber o apoio do governador Ratinho Junior, Osnei Stadler recebeu mais uma boa notícia. Foi o resultado de uma pesquisa realizada pelo IPPEC entre os dias 16 a 18 de outubro, que apontou que Osnei está na frente em Prudentópolis. Na pergunta, se a eleição fosse hoje, quem você votaria? Osnei (DEM) aparece com 43.7% das intenções de voto. Irajane (PSL) tem 29.78%, Divo (PSOL) 7.17% e Rodrigo (PRTB) 2.17%. Brancos e nulos, 10.22% e 6.26% não souberam responder. A pesquisa está registrada sob nº 05944/2020 e foi contratada por Barbiero Comunicação Ltda. A margem de erro é 4.57 pontos, para uma margem de confiança de 95%.

Segurança

Uma das questões que vão delineando a pesquisa é se o voto é definitivo ou não. Nos votos estimulados, dos 43,7% de Osnei, 40% dizem que votam em Osnei e não mudam. Já em Irajane, que aparece com 29.78%, 6.52% podem mudar o voto. Estes números mostram como a eleição está se formando e onde pode mudar o cenário ou deve ser a tendência final. Nesta pesquisa, apenas 11.96% pode mudar o voto.

Aprovado

O mandato do prefeito Adelmo Klosowski também foi indagado na pesquisa. Dos entrevistados, 89.35% aprovou o mandato de Adelmo, que quebrou um paradigma no quesito corrupção, conseguiu realizar uma sequência de obras que deu nova cara ao município, além de levantar a autoestima da população.

Ganhando Ritmo

Toda aquela movimentação que víamos nas ruas por meses ainda não chegou nas campanhas da região. Em Teixeira Soares, local onde a disputa esta acirrada, vemos bandeiras nas ruas. Nos outros municípios, as campanhas têm ritmo pacato, mais destinado no corpo a corpo. Até o momento em que vivemos, as campanhas estão menos vultuosas, o que deverá crescer nos últimos dias.

Pesquisas e agressão

As apostas estão grandes para verificar o que as pesquisas estão dizendo. Mas na reta final já percebemos estratégias mudando e em muitos lugares, até mesmo em Irati, o nível da campanha indo mais para a agressão. É sempre na reta final que o nível cai. Às vezes, como os pontos na pesquisa. Mas isso é uma tática que não resulta mais em votos. Ou será que estou enganado?

Candidatos perdidos

Ainda tem candidatos que não entenderam que para se ter o voto é necessário pedir. O momento do pedido do voto é sem dúvida um momento de humildade do candidato e, por outro lado, o eleitor faz questão que isso ocorra. E numa candidatura curta, muitos que não estão fazendo este exercício não chegarão lá.