Após nove anos, Padre Nelson deixa igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Irati

Sacerdote irá para Ponta Grossa, e atuará na paróquia São Sebastião

Após nove anos como pároco da igreja Matriz Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Irati, o padre Nelson Bueno da Silva deixa a paróquia na próxima semana. No domingo (27), ele celebra a missa de ação de graças e despedida. No dia seguinte, vai para Ponta Grossa assumir uma nova missão em outra comunidade.

Nestes anos à frente da igreja aconteceram muitas mudanças, tanto na parte física quanto na união dos fieis. Desde que chegou à paróquia, o padre pensou em arrumar algumas coisas, junto com o Conselho, fez várias melhorias, como no pátio que agora é com asfalto, na cozinha, casa paroquial, mezanino, lustres, a cobertura com a estrutura metálica, instalações elétricas foram trocadas, assim como hidrantes de bombeiros, a instalação das duas torres na parte da frente, entre outras.

Todas essas melhorias foram feitas em conjunto, em ações para arrecadar dinheiro para que essas mudanças acontecessem, e isso o padre vai levar para sempre: a união do povo para ajudar a igreja. “Foi muito bonito. Tem um pessoal do Conselho, da igreja, muito trabalhador, que não vi igual, e nunca pude dizer no rosto de cada um, mas é admirável, porque parecia um formigueiro de gente trabalhando nas festas e muita atuação. Isso me admirou bastante”, disse.

Ao longo dos 22 anos de sacerdócio, a igreja de Irati foi a que o padre ficou por mais tempo, e construiu um legado junto à comunidade, pessoas voltaram para a igreja e outras vieram de cidades vizinhas para a Matriz. Além disso, o fortalecimento com a comunidade não será esquecido, por isso, o padre diz que estará novamente em alguma oportunidade.

“Foi muito bom trabalhar aqui, voltarei, com certeza. Em algum Cerco de Jericó ou outra oportunidade. Mas é um momento de gratidão, de alegria. Não vou deixar os amigos, porque levo no coração. Sempre estarei por aí em suas casas. Este momento é de gratidão. Irati é uma cidade belíssima. Adoro as pessoas daqui. Gosto do clima, é um povo de fé, trabalhador, uma cidade boa, muito caprichosa, limpa, e tem uma boa segurança”, destaca o padre.

Mas nem tudo foi alegria neste período, porém todas as dificuldades foram superadas, como a enchente que precisou cancelar a festa de aniversário da paróquia, a pandemia que teve algumas mudanças, o abre e fecha das igrejas devido aos decretos, quantidade de público, tudo foi adaptação.  Em relação a parte financeira, o padre destaca que houveram momentos em que pode avançar nas melhorias, e outros que precisou retroceder, como na pandemia, pois a parte de melhoramento material não foi possível. “Houve dificuldades, momento de construção tivemos que correr atrás, mas o povo é muito unido, sempre superava junto, dava-se um jeito em tudo e assim foi”, observa.

Na próxima semana, padre Nelson irá para Ponta Grossa, na igreja São Sebastião, de uma população de, aproximadamente, 50 mil habitantes na paróquia. Para encerrar este período em Irati, ele deixa uma mensagem final.

MENSAGEM DO PADRE NELSON

“Sintam-se abraçados por mim, eu os quero muito bem. Não estou deixando vocês e nem pensando muito na mudança, estou achando que estou indo ali dar uma passeada. E com os grupos de WhatsApp e telefone, apertou, a gente dá uma ligada. Porque se não o coração fica apertado e gente começa a ter algumas lágrimas. Eu de fato sou muito amoroso por onde passo. Não é a toa que nas paróquias que passei, sou cidadão honorário de todas. Quero agradecer do fundo do coração. Irati sempre será a minha casa. Continuamos amigos. Que Deus abençoe a cada um”.

Padre fez várias melhorias na igreja – Foto: Jaqueline Lopes