Bênção de São Cristóvão acontece mesmo sem a grande procissão

Cerca de 1.150 veículos receberam a bênção na Rua Alfredo Bufrem, em frente à Praça da Matriz

Domingo, dia 26, a Comissão responsável pela 72ª Festa e procissão de São Cristóvão da Paróquia Nossa Senhora da Luz de Irati, celebrou a Missa às 08h na Matriz do patrono dos motoristas, caminhoneiros e motociclistas. Após os Padres Jorge, Alexandre e o Diácono Luciano deram a benção aos pequenos veículos em frente à praça da Matriz, a equipe formada pelos Franciscanos, membros da Pascom e grupo de jovens da Luz,  colaboraram com a bênção, que aconteceu das 09h às 12h.

“Nossos agradecimentos a todos os colaboradores desta edição, da 72ª festa de São Cristóvão marcando, assim, a nossa história da festa de São Cristóvão e procissão mais antiga do Brasil, ininterrupta a sua realização, desde o ano de 1948, quando teve seu início em Irati, através da iniciativa do Frei Nereu do Valeofmcap. Este ano com o coronavírus (Covid-19), foi diferente, todos sentimos a ausência da grande procissão de veículos, caminhões e motociclistas, realizada todos os anos pelas ruas de nossa cidade. Esta pandemia afetou e comprometeu a realização deste grande evento de nossa Paróquia Nossa Senhora da Luz. Aqueles motoristas de caminhões que não puderam participar, comunicamos que, os Padres Jorge e Alexandre, estarão sempre à disposição de todos para fazer a benção de todos os motoristas, dos seus veículos e caminhões”, diz nota da comissão organizadora da festa.

O Pe Jorge, também, comunica que estarão fazendo a benção de veículos todos os dias 25, em frente a Paróquia Nossa Senhora da Luz, a partir das 17h30, até as 18h30, lembrando sempre do dia de São Cristóvão.

A comissão responsável, juntamente com os Sacerdotes, cumpriu todas as normas e decreto municipal, tendo o cuidado no uso de máscaras e álcool gel, sem aglomerações conforme as restrições exigidas pelos órgãos de segurança. “Agradecemos o apoio recebido da Prefeitura, do Iratran e da Guarda Municipal que acompanhou todo o evento”, completa a nota.

As doações espontâneas dos motoristas (1.150 veículos contagem feitas pelas lembranças distribuídas) serão revertidas para as ações sociais como sempre definiu a Comissão durante esses anos; unindo assim a benção com seu gesto solidário e fraterno.

A comissão continua seu agradecimento a todos que participaram e colaboraram. “Nada é mais caro do que a SAÚDE e o Bem ESTAR de todos os envolvidos nesta manifestação de amor e solidariedade. Viva nossos valorosos MOTORISTAS, Viva São Cristóvão. Paz e Bem!”, finaliza a nota da Comissão.