Copel inaugura eletroposto de recarga de carros elétricos em Fernandes Pinheiro

Na manhã desta terça-feira (11), o diretor da Copel Distribuição, Antônio Guetter, junto da equipe de técnicos, esteve em Fernandes Pinheiro para inauguração oficial do eletroposto local de recarga para carros elétricos. A unidade faz parte do grupo de 11 eletropostos da maior eletrovia do país, na BR-277, que corta o Estado.

Na manhã desta terça-feira (11), o diretor da Copel Distribuição, Antônio Guetter, junto da equipe de técnicos, esteve em Fernandes Pinheiro para inauguração oficial do eletroposto local de recarga para carros elétricos. A unidade faz parte do grupo de 11 eletropostos da maior eletrovia do país, na BR-277, que corta o Estado. O eletroposto em Fernandes Pinheiro está localizado no Auto Posto Anila. A eletrovia consiste em 730 quilômetros de extensão, ligando Paranaguá à Foz do Iguaçu. A comitiva percorre todos os pontos neste dia 11. Será a primeira vez que uma equipe da Copel percorrerá toda a eletrovia. O projeto é pioneiro no país. Possibilita o viajante a transitar com tranquilidade porque os eletropostos são uma média de 70 quilômetros um do outro, e a autonomia do carro elétrico é em torno de 400 km, dá para viajar com tranquilidade, afirma o diretor Guetter. Posto de recarga de carros elétricos está localizado no Anila, em Fernandes Pinheiro. Foto: Vinícius Batista Ele comenta que a iniciativa da Copel é uma inovação no Estado. Uma forma mais sustentável de transporte, sendo uma grande expansão mundial. A Copel está desenvolvendo essa estrutura, para que cresça e traga um avanço no desenvolvimento de todo o Estado. É um passo gigantesco rumo ao futuro que nós estamos dando, nessa infraestrutura para desenvolver o mercado de veículos elétricos, expõe.

O município de Irati também está na rota de instalação de um eletroposto. Contudo, o local da unidade ainda está em fase de estudo. Estamos vendo ainda a localização, vamos testar uma outra tecnologia. O importante é que tenha eletropostos ao longo da rodovia, com a quilometragem abaixo de 100 quilômetros para dar tranquilidade, fala. A Copel também estuda expandir a criar novas eletrovias. Fizemos uma provocação as concessionarias para criar uma eletrovia na BR 101, que vai do Rio Grande do Sul ao Rio Grande do Norte. Acreditamos que crescendo uma eletrovia no litoral ramifica-se para o interior. Também pensamos em extender para argentina e países vizinhos, finaliza o diretor.