Escola de Irati atinge 8.1 no IDEB e está entre as melhores do Paraná

Trabalho em conjunto, pautado em regras e no repasse de ensinamentos e valores aos alunos levaram a Escola Municipal Irmã

Trabalho em conjunto, pautado em regras e no repasse de ensinamentos e valores aos alunos levaram a Escola Municipal Irmã Helena Olek, de Irati, a conquistar uma das médias mais altas do Paraná no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). A escola chegou ao resultado de 8,1. A média do Estado foi 6,3 e do município 6,7.

Para a diretora Nelci Wolski, chegar a média 8,1 foi um desafio. É um conjunto de fatores. É o emprenho, comprometimento da equipe, são os pais que acreditam no nosso trabalho e vestem a camisa da escola, ressalta.

Durante o desfile de 7 de Setembro professoras carregaram faixa mostrando a conquista à população. Foto: Vinícius Batista

Ela comenta que o trabalho inicia desde quando a criança entra na escola, desde a alfabetização, que deve ser bem feita e elaborada, para que quando cheguem ao 5º ano, período em que é realizada a Provinha Brasil, estejam preparados. Desde a primeira reunião colocamos para os pais quais são os objetivos e o papel da escola, como é o nosso trabalho para que todos cumpram o seu papel.

Nelci fala que a escola tem fama de ser cheia de regras, mas que entendem que são necessárias a disciplina e limite para haver aprendizado. Tem o lazer, o aprendizado, o lúdico, mas tem momento que é preciso organização dentro do espaço escolar, ressalta.

Hoje, a escola conta com 536 alunos. A diretora fala que todas as turmas possuem super lotação, com número a mais do limite previsto em lei. Isso gera dificuldades, temos alunos inclusos, e há sobrecarga para o professor, que precisa ter dedicação extra para que se tenha um trabalho de qualidade, comenta Nelci.

A irmã Itatilia Machado, que pertence para a Província Brasileira da Congregação das Irmãs Filhas da Caridade São Vicente de Paulo, evidencia o trabalho realizado por toda a equipe, envolvimento dos pais e da diretora. A Nelci é uma pessoa iluminada, sempre está disposta a participar dos nossos congressos, seminários, para as escolas particulares, assim traz a nossa filosofia viva, colocando na cabeça de todas as crianças que era o grande desejo do nosso fundador São Vicente, que as escolas não se perdessem, explica.

A irmã fala que há um clima de harmonia na escola, o que também ajudou no excelente resultado obtido no IDEB. O grande trabalho atribuo aos valores, desde os primeiros anos, e fazemos o possível para que não se percam, para que as crianças se posicionem firme, tenham responsabilidade. Quando se dá as mãos, a educação caminha a passos largos. Participação dos pais, irmãs, professores, toda equipe, acrescenta Itatilia.