Rede de Enfrentamento às Violências promove encontros com professores

O trabalho é realizado com técnicos do CREAS, CRAS, conselho tutelar, técnicas da saúde e educação

Entre os dias 26 e 30 de abril, as equipes técnicas que compõem a rede de Enfrentamento às Violências de Fernandes Pinheiro, realizaram uma intervenção junto as escolas municipais, com professores e funcionários, no intuito de promover uma reflexão acerca do dia 18 de Maio, considerado o dia Nacional de Combate à Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes. 
As intervenções visaram a discussão sobre as formas em que a violência se manifesta, quais os sinais, como identificar e quais encaminhamentos necessários. O trabalho é realizado com técnicos do CREAS, CRAS,conselho tutelar, técnicas da saúde e educação.
As ações aconteceram nas escolas: Floresval Ferreira, Bituva dos Machados, Assungui, Centro Municipal de Educação Infantil Tia Aurora, Angaí e APAE. 
A Secretária de Assistência Social de Fernandes Pinheiro, Elisângela Pires avalia a importância de ações como essa. “Importante a prevenção e o diálogo da rede falando a mesma linguagem e sabendo encaminhar ao equipamento adequado. Muitos professores iniciaram recentemente via PSS e é fundamental uma orientação, não são só para os novos, mas a todos os docentes, sobre ações que eles possam realizar para poder identificar quando uma criança está em situação de risco ou vítima de uma violência e assim saber onde e para quem encaminhar, tomando todos os cuidados para garantir o sigilo”, conta. 
Nos próximos dias, serão elaborados materiais pela Secretaria de Assistência Social que enviará aos professores da rede municipal e estadual de ensino para que possam ser entregues aos alunos de acordo com o cronograma escolar de cada instituição.