Alunos de Imbituva recebem “Ação Verde” da Caminhos do Paraná

Durante esta semana, cerca de 500 alunos da rede municipal de ensino de Imbituva, recebem o projeto A Alunos realizaram

Durante esta semana, cerca de 500 alunos da rede municipal de ensino de Imbituva, recebem o projeto A

Alunos realizaram atividade sobre reciclagem e destino correto do lixo. Foto: Kelly Ramos

ção Verde, promovido pela Concessionária Caminhos do Paraná. A iniciativa visa informar as crianças, de uma forma dinâmica, sobre meio ambiente e sustentabilidade.

Esta é a 12ª edição do programa criado pela concessionária, que acontece nos municípios que possuem unidades da empresa. As atividades geralmente ocorrem na semana do meio ambiente no mês de junho, mas neste ano, por conta da greve dos caminhoneiros, a organização mudou a iniciativa para o mês de agosto.

É um compromisso da empresa com o meio ambiente, que foi a primeira do Paraná, em concessão de Rodovias, e a segunda no Brasil, a ser certificada, desde 2003, pela ISO 14001, que trata de gestão ambiental. Buscamos sempre contribuir com a conscientização, executando limpeza, colocar os resíduos sempre no local certo, encaminhar para reciclagem, aterros certificados, o que contribuiu para que criássemos esse evento, diz o coordenador de comunicação da Caminhos do Paraná, Jefferson Luiz Schneider Dittrich.

Os alunos, na faixa etária de 9 e 10 anos, aprendem medidas simples, que podem ser feitas em casa e colaboram para a preservação ambiental, como a diminuição dos consumos de água e energia e a separação correta do lixo. Dentro da atividade, os estudantes aprendem brincando, com um grupo de recreação de Curitiba. Além disso, a concessionária oferece um lanche para as crianças, que também recebem uma muda de planta para levar para casa.

Preferimos a distribuição de uma muda frutífera, para incentivar a criança a colher o fruto da própria planta, que ela leva para casa e pode executar a atividade em família. Neste ano a muda é de pitanga, conta o gestor de Meio Ambiente da Caminhos do Paraná, Marshal Herbert.

Ele também expõe que, mesmo com ações de limpeza e conscientização, os usuários das rodovias ainda jogam muito lixo no local. Chegamos a recolher nove toneladas de resíduos por mês, totalizando um grande volume. Muitos deste, recicláveis, podem ser reutilizados através de parcerias. Encaminhamos os resíduos para aterros licenciados para que esse lixo não cause nenhum dano ambiental, conta.

A professora da terceira séria da Escola Municipal Emma Hosrt Volpi, Edna Maria Falema, comenta sobre a inciativa. Acho muito interessante o evento e só vem a acrescentar no que passamos em sala de aula. Porque eles veem o assunto como uma forma dinâmica e divertida. OS alunos estão entusiasmados, com certeza virá um bom retorno em sala de aula, fala a professora.

Evento teve a participação das escolas, colaboradores e alunos. Foto: Kelly Ramos