Construtora Triunfo apresenta menor preço no Asfalto do Pinho

Empresa deu 21% de desconto na obra
["Pavimenta\u00e7\u00e3o ser\u00e1 feita at\u00e9 a Ponte do Rio Caratuva"] (Foto: Nilton Pabis)

Uma das mais emblemáticas obras da administração Jorge Derbli foi licitada. Com recursos viabilizados pelo deputado federal Evandro Roman, um sonho antigo da comunidade do Pinho de Baixo começa a se tornar realidade.  A economia gerada na licitação foi de R$ 1 milhão.

A demanda foi apresentada pela comunidade ao deputado e ao prefeito Derbli no início de 2018. Num curto espaço de tempo para emenda destas envergaduras, foi realizado o empenho, o projeto e a liberação para licitar. “O Pinho de Baixo tem uma grande expressão na vida da comunidade iratiense”, disse o deputado Roman ao anunciar a emenda. O recurso viabilizado foi de R$4,6 milhões, somando ainda uma contrapartida da Prefeitura. Durante todo o ano, foi trabalhado arduamente e, no final de 2018, se obteve a licença para licitar. Mas devido a troca de governo, o processo sofreu um retardo. Mas não foi só isso. Devido a critérios técnicos e recursos que inicialmente seriam suficientes para pavimentar nove quilômetros, foram reduzidos para 6,2 quilômetros. Nesta etapa, a pavimentação será realizada até o Rio Caratuva.

No entanto, a licitação ocorreu na segunda feira (29) com a participação de duas empresas, a Triunfo, vencedora do certame, e a Arena. A Construtora Triunfo ofereceu um desconto de R$1 milhão sob valor máximo de R$4,6 milhões. A empresa, que administrará também a obra de Pavimentação da PR-364, ofereceu o valor de R$3,6 milhões para executar os seis quilômetros e duzentos metros. Participaram, como testemunha da licitação, membros do Observatório Social, Leonel da Silva e Gerson Musial, do representante do deputado Evandro Roman, Ewerton Hraber, e também, o Ângelo Zarpelon representado a comunidade.

Segundo o secretário de Planejamento de Irati, João Almeida Junior, a obra deverá ser executada de uma única vez e o pagamento será realizado da mesma forma. “A empresa tem de executar 100% da obra para receber em parcela única. Com isso, dá mais agilidade”, disse o secretário. Segundo Almeida, acabando os trâmites legais, a Prefeitura deverá dar a ordem de serviço da obra.

O prefeito Jorge Derbli explica que agora inicia-se uma segunda etapa. “Sabendo do valor economizado na licitação, iniciaremos, junto ao deputado Roman, a condição de aplicar este recurso economizado na mesma obra. Sabemos do desempenho do deputado para conseguir esta verba e devemos fazer o máximo empenho para aproveitar este recurso (R$ 1 mi) que já foi conquistado para esta obra, seja aplicado nela. O valor que foi economizado dará para executar aproximadamente, dois quilômetros, faltando menos de um quilometro para atingir o objetivo final” disse Derbli.

O agricultor Gilberto Laroca foi um dos incentivadores da obra e que sensibilizou o deputado Evandro Roman. “Este asfalto vai ajudar a desenvolver a nossa comunidade, não só na agricultura, com a safra da cebola e soja, mas também na potencialização do nosso turismo natural e gastronômico, facilitando o acesso nas propriedades por exemplo”, disse.

Roman disse que vai atuar perante o Governo Federal para que consigam reaplicar a verba economizada de forma plena para realizar a pavimentação conforme anunciado. “Estaremos realizando todas as ações necessárias para que aconteça a pavimentação como anunciamos no ano passado. Nosso trabalho é para que a comunidade seja contemplada o mais breve possível”, comenta o deputado.

 Número: Neste momento a obra vai pavimentar 6,2 km


Veja Também