Defesa Civil apura danos causados pelas chuvas de segunda-feira

Conforme o levantamento, a saturação dos corpos hídricos ocasionou enxurrada generalizada
(Foto: SECOM Irati)

A Defesa Civil repassou na manhã desta terça-feira (19), o Formulário de Desastre – FIDE, com a apuração dos danos causados pelas chuvas de ontem (18). Conforme o levantamento, a saturação dos corpos hídricos ocasionou enxurrada generalizada, afetando residências, comércio, indústrias, obstrução do trânsito em toda a área urbana. Também foram registrados danos na área rural, nas localidades de Serra dos Nogueiras, Caratuva e Pinho de Baixo.

Estruturas de Saúde na área urbana, como o Ginásio do Rio Bonito, que abriga os atendimentos de Covid-19 foi inundado, sendo este transferido para o Pronto Atendimento Municipal. Também a Vigilância Sanitária e unidades de Saúde tiveram pontos de infiltração com prejuízos de equipamentos e medicamentos.

Conforme o levantamento, a chuva concentrada no período de 40 minutos registrou o volume de aproximadamente 130mm, o que saturou o solo e os corpos hídricos.

O volume de chuva, como mostra o apontamento da Defesa Civil, registrou prejuízos sobre a estrutura de drenagem que sofreu processos de obstrução. Vias pavimentadas e calçadas sofreram rompimentos, acúmulos de lama e erosão de vias de pavimentação primária com carregamento de materiais.

Foram registrados aproximadamente 500 unidades habitacionais com comprometimento de móveis e eletrodomésticos, roupas, gêneros alimentícios e quedas de muros em residência. Ainda houve danos por inundação em diversos estabelecimentos comerciais e lavouras, porém estes danos não foram apurados até o presente momento.
Por ocasião de alagamento das casas, as pessoas foram socorridas por meio do resgate do Corpo de Bombeiros, sendo que 53 pessoas foram retiradas de casas, inclusive com o auxílio de barcos. Destas, três pessoas precisaram de abrigo e as demais foram encaminhadas para a casa de parentes, e duas pessoas necessitaram de atendimento de saúde.


Veja Também