Deputado Hussein Bakri garante mais de R$ 600 mil para pesquisas que desenvolvam a produção de erva-mate no Paraná

Parlamentar destacou a sintonia do Governo Ratinho Junior com o setor, cuja cadeia produtiva envolve cerca de 100 mil pessoas no Sul do Estado
Deputado Hussein Bakri (PSD) garantiu R$ 609 mil em emendas parlamentares para a compra de equipamentos e a realização de pesquisas em torno da erva-mate do Paraná (Foto: Assessoria)

O deputado Hussein Bakri (PSD) garantiu R$ 609 mil em emendas parlamentares para a compra de equipamentos e a realização de pesquisas em torno da erva-mate do Paraná, que responde por 55% da produção nacional. Em reunião virtual organizada na última quinta-feira (1º) pelo Cogemate (Conselho Gestor da Erva-Mate do Vale do Iguaçu), o parlamentar destacou a sintonia do Governo Ratinho Junior (PSD) com o setor, cuja cadeia produtiva envolve cerca de 100 mil pessoas no Sul do Estado.

“No cenário de hoje, mais do que nunca é preciso estimular a geração de emprego e renda. E, no Vale do Iguaçu, isso passa diretamente pela cadeia produtiva da erva-mate, que é um dos carros-chefe da economia regional. O setor vem se expandindo para além da indústria de alimentos e já está na área de medicamentos, beleza, material de limpeza. Essa perspectiva de crescimento vai ao encontro do movimento econômico feito pelo Governo do Estado e certamente terá ainda mais resultado com a união entre poder público, iniciativa privada e universidades”, afirmou Hussein Bakri, que é Líder do Governo na Assembleia Legislativa.

Para auxiliar no fortalecimento do setor, o parlamentar assegurou os recursos necessários para a realização de três importantes pesquisas: uma desenvolvida pela Unioeste sobre o controle da ampola, um inseto que ataca a produção de erva-mate; outra da Embrapa a respeito do controle de lagartas nas plantações; e a terceira a cargo do campus de União da Vitória do Instituto Federal do Paraná (IFPR), que pretende estudar a composição química da erva-mate da região, em especial do tipo sombreado. Este último estudo envolve a compra de diversos equipamentos, que também poderão ser usados em outras atividades de ensino, pesquisa e extensão nos cursos técnicos médio e de graduação da instituição.

“Essa ação é histórica para a cadeia produtiva da erva-mate de todo o Paraná, que envolve 300 mil pessoas e que movimentou R$ 600 milhões em 2020. As pesquisas em questão vão proporcionar uma grande evolução na produção e culminar em mais empregos e mais renda. Agradeço ao deputado Hussein pela parceria e por estar caminhando com a gente dia a dia nos nossos desafios”, disse Naldo Vaz, presidente do Cogemate.

A reunião virtual em que as emendas de mais de R$ 600 mil foram garantidas contou ainda com a presença de prefeitos da região e de representantes da Emater, FAEP (Federação da Agricultura do Estado do Paraná), Território Iguaçu, SEAB (Secretaria da Agricultura e do Abastecimento), Sebrae, Senac, Sindimate e Amsulpar.


Veja Também