Estudante iratiense é vice-campeã do tênis de mesa, nos Jogos Nacionais do Instituto Federal

Atleta ficou na segunda colocação nas categorias individual e por equipe da modalidade

Mais de mil estudantes da educação profissional e tecnológica de todo o país participaram da etapa nacional da 10ª edição dos Jogos dos Institutos Federais (JIF), realizado em Guarapari, no Espírito Santo. A delegação paranaense contou com 45 estudantes, que conquistaram 14 medalhas e o oitavo lugar no geral entre os Institutos, sendo o seu melhor resultado.

Isabella Teixeira Marques, estudante iratiense, foi vice-campeã em duas categorias no tênis de mesa. A atleta trouxe na bagagem duas medalhas de prata – uma na categoria individual e outra na categoria em equipes, com a companheira Thais Fernanda Hechmann.

“Estou participando do terceiro JIF’s. É muito importante na parte de integração dos alunos. Você integra com pessoas do Brasil inteiro, com pessoas diferentes, em lugares tão diferentes e ao mesmo tempo tão próximas por causa do esporte. Eu não conhecia os jogos antes de entrar, e se eu soubesse que ele existia, eu teria muito mais vontade de fazer o processo seletivo, e entrar no Instituto Federal”, destacou Isabella.

Essa foi a terceira participação da aluna nos Jogos. Em 2017, no primeiro ano de disputa, Isabella foi a grande campeã. Em 2018, ficou em terceiro lugar, e em 2019, trouxe para Irati duas medalhas de prata. A aluna se destacou, mais uma vez, mostrando sua habilidade e maturidade, mesmo viajando sozinha (outros alunos não conseguiram passar para a fase final), tendo o apoio técnico de professores de outras cidades.

“Fico muito feliz de ter participado dos três anos, eu jogo tênis de mesa, e esse esporte nunca foi tão valorizado, como o futebol, vôlei e basquete. Quando fui para os Jogos, eu tinha a mentalidade que não era tão importante como os esportes em equipe. Mas quando fui campeã, a comemoração foi tão grande, quanto todas as outras modalidades”, frisou.

O evento, historicamente tem três etapas: uma dentro de cada instituto, uma regional e a nacional. De acordo com o Ministério da Educação, na edição especial deste ano, em razão do aniversário da rede, não houve etapa regional para que mais alunos pudessem participar da etapa nacional.

“Eu acho incrível a estrutura que oferecem, é bem diferente dos Jogos Escolares. É muito importante, foi muito legal para mim e eu sou muito grata ao Instituto Federal do Paraná, por me proporcionar, não só essa experiência, mas principalmente os jogos”, enfatizou.

O IFPR competiu nas seguintes modalidades nesta edição dos Jogos Nacionais: atletismo (feminino e masculino), basquete (masculino), futsal (masculino), handebol (feminino), judô (masculino), tênis de mesa (feminino e masculino) e xadrez (feminino).

A equipe de 45 estudantes atletas conseguiu os resultados mais expressivos de todos os tempos na modalidade em que disputou – o que fica evidente em uma comparação com os resultados obtidos em Brasília (2016), Poços de Caldas (MG) em 2017, e em Fortaleza em 2018.

A próxima edição dos JIF’s será em 2020 em São Paulo. O anfitrião, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), terá como desafio retomar o crescimento das modalidades esportivas e a ampliação do número de estudantes e delegações envolvidas.

 


Veja Também