Irati recebe convite para sediar circuito nacional em 2021

Presidente do MTG do PR fez o chamamento pessoalmente ao prefeito Jorge Derbli
Melhorias na estrutura do CT Willy Laars foram essenciais para que Irati recebesse o convite do MTG (Foto: Laço Armado)

A estrutura implementada ao longo dos últimos anos no Parque de Exposições Willy Laars, com melhorias generalizadas na organização e instalações do espaço para o público, participantes e equipes de trabalho, foi fator predominante para que Irati pudesse receber o convite para sediar, futuramente, o Rodeio Tradicionalista Nacional.

Foto: Laço Armado

E o fato se concretizou no último sábado (13), quando durante na abertura oficial do 31º Rodeio Crioulo de Integração, Ernani José Barea, presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho do Paraná, em seu pronunciamento, formalizou em público o convite ao município.

No anúncio, Barea enalteceu o “grande trabalho exercido pelo prefeito Jorge Derbli para engrandecimento do evento dentro do Paraná e na recepção ao povo tradicionalista”, e leu o documento que concretiza este convite para o circuito nacional de 2021.

Para o prefeito, “Foi uma imensa satisfação ter esta confirmação do convite, pelo potencial que um Rodeio Nacional representa para Irati e toda região, estimulando o turismo e gerando renda para o comércio regional. Este evento principal nacional, que acontece a cada dois anos, e Irati foi escolhido para sediar, por cultuar a tradição. Então é um evento diferenciado e vamos ter em 2021. O nosso rodeio nacional, serão nove estados aqui e, provavelmente, mais de 10 mil pessoas devem vir de outras cidades”.

O evento assumirá para Irati e municípios vizinhos, além daqueles que já participam anualmente do Rodeio de Integração, dimensões bem mais abrangentes, pois a cidade sediará naquele ano, não só o Rodeio Crioulo Nacional de Campeões, mas também os Jogos Tradicionalistas e o Congresso Brasileiro da Tradição Gaúcha.

31º RODEIO

Foto: Acessoria PMI

 

Nos três dias de festa em comemoração ao aniversário de 112 anos de Irati, o 31º Rodeio Crioulo reuniu em torno de 20 mil pessoas, segundo o prefeito, foi um sucesso. “Quem gosta da tradição gaúcha esteve aqui e viu um grande espetáculo, uma boa praça de alimentação, muitos shows, muita festa para todo mundo”, disse Derbli.

 

 

 

INVERNADAS

Foto: Acessoria PMI

As invernadas campeiras do 31º Rodeio de Irati reuniram 170 equipes. Sem contar as provas destinadas aos CTGs locais. A categoria “adulto” teve 1.010 participantes, categoria “prenda” contou 96, e “guri” fechou com 43. 59 CTGs participaram das provas campeiras.

O laçador, Elias Glinski, do CTG Instância Jacumasso de Irati, já participa do rodeio há quase 20 anos, e diz que neste ano “as provas foram realizadas com muita tranquilidade, em função do tempo que ajudou também, bastante gente de fora. Uma festa bonita, tranquila, muito bem realizada”.

A prova da “vaca gorda”, que aconteceu na sexta (12), pagou o prêmio de R$ 10 mil que foi rachado por três duplas. O prêmio da moto era da Equipe Força A, que ficou com o CTG Laço da Amizade, de Inácio Martins.

ARTÍSTICA

As invernadas artísticas do Rodeio 2019 movimentaram mais de mil inscritos. Ao todo, 25 grupos participaram e, entre competições e show, circularam, aproximadamente, seis mil pessoas.

As modalidades individuais abrangeram causos, chula, conjunto vocal, dança de salão (conjunto, correção, criatividade, interpretação, ritmo e harmonia), danças birivas, declamação, conjunto instrumental, gaitas e violão, intérprete solista, trova de martelo e trova Mi maior de gavetão.

A primeira prenda Xiru do CTG Querência Santa Monica, da cidade de Colombo, Roseli Bessler, diz que é sempre uma alegria participar do Rodeio em Irati. “Todo ano a gente vem participar aqui, que é um dos circuitos que concorremos para o FEPART, e é um prazer. É com muito amor que fazemos isso, de coração. A gente dança, ensaia, se sacrifica, dançar com dores, madrugada, mas por muito amor a tradição”, comenta.

Seu marido, Sergio Bessler, também é o primeiro peão do mesmo CTG, ele viveu em Irati quando criança e na adolescência, emocionado, fala da participação no Rodeio. “Para mim é uma satisfação renovada, porque eu fui criança e adolescente aqui. Eu amo essa cidade. E me emociona voltar todo ano. Eu quero parabenizar a prefeitura, porque eu achei maravilhoso o CT, a estrutura, as benfeitorias. A cada ano Irati se destaca. E vamos torcer para que tenha uma etapa do estadual aqui, porque Irati merece”, completa.

Casal, Sérgio e Roseli Bessler, são de Colombo e sempre participam da festividade de aniversário do município/ Foto: Devotcha

 

10 mil pessoas de todo o Brasil que devem vir para o circuito nacional do rodeio em 2021


Veja Também