Mega operação da Polícia Civil visa coibir tráfico em Irati

Mega operação da Polícia Civil visa coibir tráfico em Irati...

Ação denominada ‘Falcão Negro’ cumpriu cinco mandados de busca e apreensão e uma prisão em flagrante

A cidade de Irati amanheceu com uma mega operação realizada pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (22). A ação, intitulada ‘Falcão Negro’, contou com o trabalho de mais de 20 policiais, e executou mandados de busca e apreensão, localização de drogas e todo o esquema de tráfico. Um homem, no bairro Canisianas, foi preso em flagrante.

Às 6h da manhã, com o apoio do Canil da Guarda Municipal, do setor de operações aéreas da Polícia Civil e policiais de Ponta Grossa, foi iniciada a operação nos bairros Canisianas, Jardim Planalto e Pedreira. Além dos cinco mandados de busca e apreensão, e de uma prisão em flagrante, foram encontradas 37 pedras de crack, 26 gramas de cocaína, 12 buchas de cocaína, uma munição calibre 38 e outra calibre 380. Os policiais também localizaram um radio comunicador HT, celulares, dinheiro em notas diversas e moedas.

De acordo com o delegado da Polícia Civil de Irati, Paulo Cesar Eugenio Ribeiro, esta operação policial foi executada, a partir de diversas denúncias anônimas. “A gente conseguiu identificar uma certa traficância em determinados bairros da cidade. Em razão disso, nosso setor de investigação conseguiu fazer um levantamento dos locais onde estariam ocorrendo o tráfico”. Diante do resultado, foram solicitados os mandados de busca e apreensão.

Durante a ação, um homem foi preso em flagrante no bairro Canisianas. Até o fechamento desta matéria, ainda não havia mais informações. “Esta é a primeira operação porque temos muito que analisar, principalmente, o conteúdo desses celulares, que nós vamos verificar”. Segundo ele, todos os alvos já possuíam boletins de ocorrência, histórico e passagem pela polícia, indicando alguma criminalidade.

Redução do tráfico de drogas

O delegado comenta à Folha que a operação teve outro sentido, além de fazer as cinco apreensões. “A operação foi pensada numa situação preventiva, de mostrar para a população que a gente está trabalhando e que a polícia está mudando pra melhor com o apoio que estamos tendo”. Ele também agradece a população e pede para que as denúncias sejam contínuas.

Na oportunidade, Ribeiro também enalteceu o trabalho da 8ª CIA da Polícia Militar, que tem feito um bom trabalho em Irati, principalmente na apreensão de drogas. Para ele, o reflexo desta parceria fica evidente na diminuição do tráfico com a carceragem lotada da Delegacia de Irati.


Veja Também