PM apreende armas de fogo e munições na comunidade de Itapará

Equipe se deslocou até o local para verificar perturbação de sossego
Dois homens foram presos por porte ilegal de armas e munições (Foto: PM)

No domingo (28), por volta das 19h30, a equipe da Polícia Militar se deslocou até a comunidade de Itapará, devido a diversas informações de que haviam pessoas próximas a um bar perturbando o sossego dos moradores com som alto e algazarras.
A equipe visualizou no local cinco pessoas com atitude suspeita, próximas a um ponto de ônibus, e ao dar voz de abordagem, um dos homens arremessou um objeto atrás do ponto de ônibus. Em busca pessoal foi localizado na cintura deste homem um coldre e constatado que o objeto, que o mesmo arremessou, era uma arma de fogo do tipo revólver calibre 38, carregado com seis munições intactas. 
No local, estava estacionado um veículo e identificado como sendo de propriedade do mesmo rapaz; em busca no interior do veículo foi localizado uma sacola contendo seis munições intactas e três munições deflagradas calibre 38. Diante do fato, os demais abordados foram liberados, tendo em vista não haver nada de ilícito. 
Posteriormente, foi deslocado até a residência do suspeito, onde foram realizadas buscas e localizados: um coldre de nylon; três munições calibre 38, intactas; quatro munições calibre 38, deflagradas; um cartucho gauge 12 intacto; três munições de espingarda calibre 32, intactas; uma munição calibre 40, deflagrada; um recipiente contendo pólvora; um coldre de couro e seis munições calibre 38, intactas; duas munições calibre 22, intactas; uma munição calibre 38, intacta e duas munições calibre 38; deflagradas. 
Em um paiol, foi localizada uma sacola contendo quatro munições de espingarda calibre 32, intactas; três munições de espingardas calibre 32, deflagradas; quatro munições calibre 38, deflagradas; um recipiente com espoletas para espingarda e dois recipientes com esferas metálicas para arma de caça.
Diante disto, o proprietário da residência foi conduzido juntamente com o abordado, até a Delegacia de Irati para as providências.


Veja Também