Polícia Ambiental autua proprietário por dano em área de preservação

Em vistoria, equipes contataram danos em 0,86 hectares de área de preservação, com espécies ameaçadas de extinção (Foto: PMA)

A Polícia Ambiental autuou um proprietário por dano em 0,86 hectares de floresta em área de preservação permanente (nascente e córrego), que atingiu várias espécies, entre elas, Araucária e Imbuia, que constam na lista da flora brasileira de espécies ameaçadas de extinção.

A ocorrência aconteceu na segunda-feira (14), em Teixeira Soares, em que o Batalhão de Polícia Ambiental, por meio de uma equipe do Posto da Polícia Ambiental de Vila Velha, fez a vistoria e verificou o crime, assim, autuou o proprietário.

Foram lavrados os autos de infração ambiental pertinentes, área foi embargada e a Polícia Civil foi comunicada do crime ambiental.

A Polícia Ambiental informa que as denúncias sobre crimes ambientais devem ser feitas através do telefone 181 ou pelo e-mail: [email protected]


Veja Também