Prefeitura e Kadesh assinam protocolo de intenção para implantação da fábrica

Empresa vai se instalar no município e deve gerar mais de 100 empregos diretos
Assinatura do protocolo de intenção aconteceu na tarde de quinta-feira (24), com a presença do prefeito, da vice e sócios da empresa (Foto: Nilton Pabis)

O dia 24 de setembro de 2020 vai ficar marcado para Teixeira Soares, pois o município deu mais um passo para o desenvolvimento e para implantação de novos empregos. Foi assinado o protocolo de intenção para implantação da fábrica da Kadesh, empresa nacional do ramo calçadista, que vai gerar de 100 a 120 empregos diretos no município.

A Prefeitura, através de um financiamento aprovado pela Câmara de Vereadores, adquiriu um terreno industrial, no valor de R$ 250 mil, e agora irá preparar toda a infraestrutura no local. Também, a administração vai disponibilizar o transporte aos colaboradores até que a logística esteja segura e adequada.

De acordo com o prefeito de Teixeira Soares, Lula Thomaz para trazer a Kadesh para o município será investidos, aproximadamente, R$ 2 milhões, sendo R$ 350 mil de financiamento e o restante com recurso livre da Prefeitura. “Isto se deve a um trabalho bom e longo na administração, em que procurou sanear as contas públicas, cortou-se privilégios, acabou com o mal sistêmico de corrupção, e graças a Deus podemos anunciar o maior investimento e a melhor obra que o Lula, Juliana e equipe pode proporcionar ao povo, que é a implantação de mais empregos em Teixeira Soares”.

Lula ainda destaca que “o município, por sua vez, será um parceiro forte para que a gente (empresa e prefeitura) possa, cada vez mais a Kadesh colher bons frutos e possamos gerar mais e mais empregos para o povo. Este foi o pontapé inicial para a política correta da industrialização em Teixeria Soares, porque nós temos um distrito industrial consolidado com uma das mais respeitadas do mercado calçadista no Brasil”.

A assinatura aconteceu no gabinete do prefeito e os sócios, Valdemir Bastos Júlio e Valmir Bastos Júlio, comentam que escolheram o município por ser bem localizado. “Temos uma unidade produtiva em Ponta Grossa, e pretendemos trazer esse material de lá para Teixeira Soares, para transformar aqui e desovar para todo o Brasil, já que a Kadesh atende, além do cenário nacional, também o MERCOSUL. Acredito que a gente também vai atingir todas as regiões”, disse o sócio Valdemir.

Hoje, nós estamos colhendo frutos de quem acreditou naquele sonho que parecia impossível

Lula Thomaz

Ele também explica que para a empresa começar os trabalhos precisa ter o barracão pronto e a mão de obra capacitada. “A primeira etapa é, após ter os barracões entregues e com toda estrutura, precisamos da mão de obra, a partir do momento que a mão de obra vai adquirindo experiência, vai tendo eficiência produtiva, a tendência é que a gente, em curto prazo, já possa disponibilizar todos os empregos que a gente assumiu o compromisso com o município", comenta.

Com a assinatura do protocolo, a Kadesh inicia o estudo para elaborar os projetos, fazer o levantamento operacional para ver a questão dos valores que serão investidos. Mas os sócios destacam a alegria em firmar este acordo. “Estamos muito felizes em estar vindo para Teixeira Soares e, se Deus quiser, começar a produzir o quanto antes, e colher bons frutos para todo mundo”.


Veja Também