Silvia Maria Esmanhotto Svereda comemora o Dia dos Gaiteiros.

"A música faz parte da minha vida. Sem ela, a vida seria um erro", completa a acordeonista.

      Para os fãs desta arte musical, a gaita, também conhecida por fole e acordeon, representando músicos e musicistas, homenageamos hoje Silvia Maria Esmanhotto Svereda.

      A acordeonista aprendeu a tocar com seu pai aos 8 anos de idade, e dos 13 aos 16 anos fez aula de acordeon e nunca mais parou. Silvia repassou esta paixão das teclas musicais aos filhos e netos, e diz: "A música faz parte da minha vida. Sem ela, a vida seria um erro".

      O Dia do Gaiteiro foi criado em 2006, com a lei de autoria de Alaor de Oliveira, de Caxias do Sul/RS. A escolha da data deu-se pelo fato de coincidir com a Semana Farroupilha.

      Parabéns aos gaiteiros e gaiteiras pelo seu dia!
 


Veja Também