Governador Ratinho Junior e secretário Beto Preto testam negativo para Covid-19

Outros representantes do governo, que também viajaram para Maringá, apresentaram resultado negativo para doença

Os integrantes da equipe do Governo do Estado que estiveram em Maringá, na Região Noroeste, na sexta-feira (24), para a confirmar a contratação de 108 novos leitos para o Hospital Universitário da cidade, foram testados e apresentaram resultado negativo para infecção pelo novo coronavírus.

Fizeram o teste o governador Carlos Massa Ratinho Junior; o chefe da Casa Civil, Guto Silva; o secretário da Saúde, Beto Preto; o superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona; e o superintendente de Esportes, Hélio Wirbiski, além de servidores do Estado que trabalharam para a realização do evento.

A medida preventiva se deu após a confirmação da testagem positiva para Covid-19 pelo deputado federal Ricardo Barros, que também participou da agenda em Maringá.

LEITOS

Com os 108 novos leitos, a capacidade do Hospital Universitário de Maringá vai praticamente dobrar. A ação é mais uma medida do Governo do Estado para combater o coronavírus. O investimento foi de R$ 15,3 milhões, sendo R$ 7,8 milhões para custeio para os próximos seis meses e R$ 7,5 milhões em equipamentos, mobília e insumos médicos.

O espaço utilizado para tratamento exclusivo de pacientes da Covid-19 durante a pandemia será a ala da clínica para adultos do HU, que foi erguida para ampliar o atendimento cirúrgico. O projeto original foi finalizado no final de 2018 e contou com recursos de R$ 18 milhões do Governo do Estado.