Celso Kubaski tem como principal objetivo retornar o atendimento do Hospital São João

Crianças não nascem no município há quase 10 anos, partos, cesarianas e cirurgias simples precisam ser feitos em cidades vizinhas

Celso Kubaski (Cidadania) é o novo prefeito de Imbituva. Ele tem como principal meta para a sua gestão o retorno do hospital São João pelo SUS. Pelo tamanho do município, Kubaski lamenta que crianças não nascem em Imbituva há quase 10 anos, e garante que este será seu principal objetivo como gestor.

“Assumi este compromisso, pois temos deputados apoiando e temos base para isso, acho inadmissível que um município igual Imbituva, com mais de 30 mil habitantes, 22.700 eleitores, não tenha um atendimento pelo SUS. Hoje, qualquer cirurgia pequena os cidadãos têm que se dirigir para Campo Largo ou outro município. Meu compromisso maior é que as crianças voltem a nascer em Imbituva, há quase 10 anos não nasce uma criança no município, a não ser que por uma emergência, os partos e cesarianas são feitos em Ponta Grossa ou Irati”, disse Celso.

A campanha foi muito disputada, assim como, o resultado das eleições. Kubaski foi eleito com 5.853 votos, totalizando 32,51%, ele fala a respeito da disputa acirrada desde o início. “Com exceção do candidato Morais, que nunca esteve acima de 10%, os demais sempre tiveram condições de ganhar as eleições”, afirma.

O principal motivo que Celso atribui a esta vitória é o nome limpo que carrega, pois ele foi prefeito do município em 2004. “Sempre passei para Imbituva a imagem da pessoa que pode cuidar bem do município, minha experiência administrativa, pessoal e profissional me credenciou para que eu voltasse a pedir votos. Fiquei 12 anos afastado da política e voltei com a mesma característica, ganhei uma eleição em 2004 muito parecida com essa, contra um poder financeiro gigantesco. Desta vez não foi diferente, eu ganhei com meu nome e minha representatividade. O Vinícius Pontarolo tinha a juventude e também a carga do sobrenome nas costas; o atual prefeito fez uma boa gestão e apoiou o atual vice, Geraldo Rocha, por isso foi muito disputado”, explica Kubaski.

Celso afirma que as pesquisas sempre acompanharam a colocação que ficou no resultado da eleição, ele em primeiro, seguido por Vinícius Pontarolo, depois Geraldo Rocha e Acir Morais. “Ganhar da família Pontarolo foi uma vitória expressiva, pois há 15 anos muitas acusações eram feitas por meio das rádios, e hoje, por meio das redes sociais, eu pude me defender. As inverdades daquela época foram colocadas em pratos limpos”.

Celso afirma que teve o apoio maciço do governador Ratinho Junior, e que isso foi fundamental na campanha. “Os três senadores do Paraná, os deputados mais importantes da região, como Sandro Alex, Aliel Machado, a Leandre, apoiaram a campanha, sem contar o apoio do presidente do partido, deputado federal Rubens Bueno, pois estamos no partido há quase 20 anos, tudo isso levou ao resultado que temos”, ressalta Kubaski.

De 11 vereadores da Câmara apenas um foi reeleito, então houve quase que uma total renovação. “Temos certeza que todos vão trabalhar em benefício do povo de Imbituva. Quero dar esperança para a população, trago na bagagem a experiência de ter sido prefeito, o meu vice é muito bem preparado, formado em políticas públicas e é professor universitário e pode nos ajudar demais”, finaliza Celso.