Leandro afirma estar preparado para assumir a Prefeitura de Rio Azul

Eleito com 61,86% dos votos, Jasinski fala sobre se sentir capaz de administrar o município e conta quais são as principais propostas

Leandro Jasinski (PSD) foi eleito prefeito de Rio Azul, com 5.584 votos. Ele é empresário, nasceu e cresceu no município, sempre trabalhou com a família no comércio. Tem 32 anos, é formado em Ciência Contábeis e conta que o envolvimento na política surgiu desde jovem, e que em 2012 decidiu se candidatar a vereador e foi eleito com apenas 24 anos. Atualmente, ele se considera preparado para assumir a Prefeitura, considerando a carreira política que construiu.

No segundo biênio do primeiro mandato, Jasinski foi eleito presidente da Câmara de Vereadores de Rio Azul, e depois reeleito vereador, hoje, ele termina o segundo mandato no legislavo e já passa direto para a Prefeitura.

Jasinski passa uma mensagem de esperança aos rioazulenses. “Deixo a população de Rio Azul o desejo de que tenham esperança de dias melhores, me sinto muito preparado para assumir este cargo, sei que o desafio não é fácil, tem que ter um equilíbrio e um preparo psicológico muito grande. Tendo um cuidado muito grande antes de tomar qualquer decisão, quero fazer uma gestão inovadora”, afirma.

Ele vê o município de Rio Azul com muitas oportunidades, são mais de 2.500 famílias ligadas diretamente ao tabaco. São proprietários de pequenos terrenos, mas segundo ele, é possivel pensar em cultivar outros produtos. “Rio Azul não está tão distante da CEASA, por exemplo, nem tão longe da capital, a partir disso já vejo grandes oportunidades”, disse Leandro.

Em relação à geração de emprego, o prefeito eleito pretende utilizar um terreno que já é para a construção industrial, no qual ele pretende estruturá-lo e deixar nas condições de receber barracões industriais, também tem em vista ajudar as empresas locais para fomentar o comércio.

Diante de muitas prioridades existentes, o prefeito eleito afirma que a saúde é uma delas. “O meu compromisso é trazer melhorias para a saúde, para os postos do interior e da cidade, precisamos melhorar a parceria do município com o hospital, para trazer mais especialidades. Já temos bons equipamentos graças a parceria com os deputados, por isso temos condições de fazer um bom governo. Eu sou PSD que é o partido do governador, precisamos saber aproveitar as oportunidades para conduzir bem os próximos quatro anos”, relata.

Leandro fala da participação de seu pai, que muito o influenciou para despertar o gosto pela política. “A população já conhece o meu pai e meu avô. Meu pai foi vereador há 30 anos, e mesmo quando não estava mais na política sempre acompanhava. Ele faleceu há quase 15 anos, mas o meu interesse pela política continuou, segui acompanhando e, em 2012, fui candidato a vereador, tinha 24 anos na época”, disse o prefeito eleito.

Leandro se refere ao papel do vice em seu mandato. Jair Boni (PSB) trabalhou ao lado do prefeito eleito durante oito anos na Câmara de Vereadores. “Durante toda a campanha falamos para o povo que o nosso vice vai trabalhar, e ele já vai começar trabalhando mesmo. Vai assumir a Secretaria de Obras, vai coordenar todo o serviço do pátio de máquinas”.

Ele também afirmou que o secretariado do município está praticamente inteiro definido e que a escolha está sendo feita livremente, sem necessidade de promover cargos em troca de votos, o que faz com que as escolhas sejam feitas visando o melhor para o município. Comunica, ainda, que pretende diminuir as secretarias, para conter gastos e poupar pagamentos. Assim como na administração particular, Leandro não quer gastar aquilo que pode fazer falta.