Namais Perfeita...
Os Efeitos da Bagunça em nossa Vida.

Efeitos Físicos: Saúde

Quando os espaços estão sobrecarregados as chances de acumularem poeira e mofo são bem maiores. Casas desorganizadas e com muita acumulação de produtos sem uso, são um paraíso para os germes e bactérias, sem falar ainda no risco de lesões por quedas. Outro perigo eminente é o acúmulo em áreas com fontes de calor, perto de lareiras, fogões, churrasqueiras, fiação elétrica etc.

Além disso não ser capaz de encontrar um par de tênis quando está indo para a academia ou uma chave quando se está saindo de casa, pode atrapalhar muito sua rotina, causando transtorno desnecessário.

Efeitos Emocionais: Estresse

A desordem aumenta muito o nível de estresse pois passa a impressão de que tudo está fora do controle. A sensação da bagunça em casa torna o ambiente desagradável, ao invés de relaxante e prazeroso e muitas vezes as pessoas por não saberem por onde e como devem começar vão procrastinando a decisão de arrumar. O que faz com que o nível de estresse só aumente.

Outra causa emocional da bagunça é que ela pode desencorajar os moradores a convidar vizinhos, amigos ou familiares para entrar, por vergonha e o que é pior, as vezes até mesmo pessoas para fazerem os reparos e consertos necessários para no dia a dia.

Efeitos Financeiros: Custos

A papelada geralmente é o grande vilão da bagunça, e se não tiver um cuidado especial pode se tornar algo bem caro. Faturas que passam despercebidas, extratos, mala direta, tudo isso acumulado, pode ser deixado de lado e ocasionar juros e taxas desnecessárias.

Mas não é só nos papeis que o prejuízo pode aparecer, a despensa e geladeira, quando em desordem, podem causar compras desnecessárias. A perda de produtos por data de validade, ou a recomprar por não se saber o que tem no armário, é visivelmente percebida após uma organização no ambiente.

Enfim, tudo pode se tornar mais leve, mais fácil e mais saudável. Basta dar o primeiro passo em direção a mudança. Os resultados de um ambiente organizado são imensos desde a saúde até o bolso.

Mas se não souber por onde começar existem profissionais dispostos a ajudar neste processo. Lembre-se o importante é sempre dar o primeiro passo.