Agentes da Guarda Municipal de Irati realizam segunda etapa do curso de formação

 Na semana passada os agentes da Guarda Municipal de Irati iniciaram a segunda etapa do curso de formação. Nessa fase, os guardas recebem instruções sobre armamento e tiro. Após a conclusão estarão habilitados para o armamento, que deve passar ainda pela Polícia Federal.

 Na semana passada os agentes da Guarda Municipal de Irati iniciaram a segunda etapa do curso de formação. Nessa fase, os guardas recebem instruções sobre armamento e tiro. Após a conclusão estarão habilitados para o armamento, que deve passar ainda pela Polícia Federal. Essa segunda etapa tem um total de 180 horas aulas, dividida em duas partes, teórica e prática, que é ministrada pelo tenente coronel Edmauro, da Oitava Companhia da Polícia Militar de Irati, toda quarta-feira e sábado.

A previsão é que a partir da próxima semana os 33 guardas municipais que estão em formação iniciem a parte prática. Segundo o tenente coronel, essa é uma habilitação para os guarda na especialidade de armamento e munição. Eles aprendem tudo o que vão utilizar na Guarda Municipal, pistola, revolver, espingarda calibre 12, carabina. Assim eles terão habilidade técnica e prática para utilizar esse tipo de armamento, disse. De acordo com o secretário de Segurança de Irati, Luiz Carlos Ramos, após a formação é preciso entrar com um processo na Polícia Federal, e só depois do credenciamento os guardas poderão utilizar a arma de fogo.

O secretario enfatiza que nem todos os agentes que hoje atuam em Irati tinham o curso quando a atual gestão assumiu, por isso essa formação dos demais é importante, principalmente para a comunidade. Esse curso é de fundamental importância para todos, principalmente a população da cidade e também rural. Além dos agentes cuidarem do patrimônio público também poderão fazer abordagens. É passo a passo que conseguimos fazer essa formação, comenta. EXPERIÊNCIA Na última quarta-feira (16), os formandos do curso se dirigiram até uma chácara afastada da cidade para realizar uma aula experimental de campo.

Neste primeiro momento os alunos aprenderam o conceito de balística e reação, observando como funciona. O tenente coronel explica que na aula em campo os guardas municipais puderam acompanhar as instruções repassadas em sala, como conceitos de balística, ver reações de determinados tipos de cartuchos, projetil de ponta e diversos calibres, em materiais como a água, madeira, concreto e lataria. A gente já passou na teoria para eles, agora estamos na prática demonstrando através dos diversos materiais que trouxemos a reação da balística do armamento, disse o tenente coronel.

Após a conclusão do curso e do credenciamento os guardas municipais estão habilitados para utilizar o armamento que consiste em uma pistola 380, revolver calibre 38 e carabina, volume 12. No curso eles também aprendem algumas armas utilizadas pela Polícia Militar. PRIMEIRA ETAPA O curso dos guardas municipais começou em abril do ano passado, concluindo a primeira etapa em agosto do mesmo ano, e só foi possível devido um convênio da Polícia Militar e Prefeitura de Irati, através da Secretaria de Segurança. O tenente coronel enfatiza que o curso é necessário para os agentes atenderem bem a população. Nós passamos todas as instruções do material, toda a legislação, carga de instrução, para que o agente possa estar habilitado para trabalhar e servir bem a comunidade de Irati, conclui o tenente coronel.