Briga generalizada resulta em dois baleados no Parque da Pedreira em Rio Azul

Uma das vítimas se encontra em estado grave no Hospital Santa Casa de Irati

No domingo (05), uma briga generalizada em uma festa no Parque da Pedreira de Rio Azul resultou em duas pessoas com ferimentos de arma de fogo. Uma das vítimas está em estado grave.

A equipe da PM foi acionada com informações de que um homem deu entrada no Hospital de Caridade São Francisco de Assis de Rio Azul, vítima de disparo de arma de fogo. O jovem estava com duas perfurações na região lombar e, na sequência, foi transferido para Santa Casa de Irati em estado grave.

Ainda no hospital, um amigo da vítima relatou a equipe que ambos estavam no Parque da Pedreira no momento em que iniciou a briga generalizada e que durante a confusão, um homem sacou um revólver cromado e efetuou seis disparos, e atingiu a vítima. Ainda segundo o relato, o autor teria fugido do local em um veículo Sedan de cor prata.

Diante dos fatos, a PM de Rio Azul, juntamente com a equipe da Polícia Militar de Rebouças, deslocou-se até o endereço do possível autor. No local, foi feito contato com o pai do mesmo, o qual informou que ele havia saído no período da manhã com um amigo e que iriam almoçar no Parque da Pedreira.

Durante a investigação, as equipes receberam informação do plantão do 2º Pelotão que no Hospital Darci Vargas de Rebouças deu entrada outro jovem vítima de disparo de arma de fogo, com um ferimento na perna esquerda. Após relato da vítima, as equipes se deslocaram em busca dos autores na localidade de Água Quente dos Domingues, município de Rebouças. Ao chegarem ao local, em frente à residência foi avistado um indivíduo que, ao reconhecer a viatura, se deslocou em direção a equipe com a referida arma escondida atrás do corpo.

Durante a abordagem, o homem entregou a arma calibre 22 cromada da marca Rossi, utilizada durante os crimes. Quanto a autoria do fato, alegou não ter efetuado os disparos.

Ainda foram realizadas buscas no veículo, um Fiat Siena de cor vermelha, que se encontrava escondido em meio a uma lavoura nos fundos da residência, a PM encontrou seis capsulas de calibre 22 dentro do carro, o dono relatou ser do ocorrido.

Diante dos fatos, o autor do crime foi encaminhado para laudo de lesões corporais e, posteriormente, levado até a delegacia da Polícia Civil de Irati juntamente com a arma, munições e cápsulas, para que as devidas providências fossem tomadas.

A Polícia Militar relatou que o outro autor não foi localizado.

Imagem: Polícia Militar