Mulher era agredida e mantida em cárcere privado pelo marido em Irati

Filha mais velha da vítima também estava sendo agredida 

Na noite de quarta-feira (17), por volta das 21h, a equipe da Polícia Militar se deslocou até a rua Zeferino Bitencourt, para atender uma senhora que estava sentindo dores fortes e só pediu socorro quando o marido se retirou do local.
A vítima relatou que seu esposo a mantinha, há alguns dias, em cárcere privado, não a deixava sair de casa em hipótese nenhuma e quando algum vizinho ou amigo a procurava ele dizia que a esposa não estava, que teria ido para a casa dos parentes. 
A mulher informou que o marido a agride há muito tempo e agora também começou a bater em sua filha mais velha. Todos os relatos foram confirmados, posteriormente, foi dado voz de prisão ao autor dos crimes.
A solicitante apresentava sinais visíveis de violência, ambas as partes foram encaminhadas para a delegacia de Polícia Civil de Irati.