PM faz segurança de mais de meio milhão de pessoas nas praias durante o Carnaval

Perturbação do sossego foi a infração mais frequente

AEN

Mais de meio milhão de pessoas passaram pelas praias e cidades históricas do Litoral do Paraná durante o Carnaval e receberam a proteção da Polícia Militar para que o feriado fosse mais seguro. O balanço da Corporação  aponta que de zero de sexta-feira (25) às 2 horas da madrugada desta quarta-feira (02, neste período, a PM atendeu 928 ocorrências, apreendeu seis armas de fogo e encaminhou 163 adultos e três adolescentes nos sete municípios litorâneos.

O comandante do 1º Comando Regional da PM (1º CRPM), coronel Renato Ribas, explica que em comparação aos Carnavais tradicionais, com desfiles, festas e trios elétricos, o público foi menor, mas ainda assim houve grande movimento nas praias, principalmente durante o dia. “Apesar do movimento de pessoas na faixa litorânea, não houve ocorrências de gravidade, somente relativas à perturbação do sossego, o que era esperado, pois é uma característica do Carnaval. Foi um feriado tranquilo, o policiamento aplicado foi suficiente e a população colaborou com a PM”, disse.

BALANÇO – O trabalho da Polícia Militar resultou na abordagem de 4.792 pessoas e na localização de 17 foragidas da justiça. “Graças ao grande aporte de policiamento que recebemos de outras regiões do Paraná tivemos um Carnaval mais tranquilo, com um número baixo de pessoas e a PM trabalhou a contento em relação às abordagens e busca de pessoas e veículos, muitas notificações de trânsito foram lavradas. A atuação foi vem efetiva”, acrescenta o comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Renato Luiz Rodrigues Júnior.

O oficial de planejamento do Verão Paraná – Viva a Vida 2021/2022, capitão Wagner de Araújo, explica o período foi diferenciado  também pelo perfil do turista. “Recebemos muitas famílias para aproveitar o feriado, uma característica não tão acentuada nos outros Carnavais, e a gente percebe que o que planejamos aconteceu”, disse.

TRÂNSITO –  O trabalho de prevenção a acidentes por meio de abordagens e fiscalizações de trânsito urbano resultou em 1.063 veículos vistoriados, dos quais 42 acabaram recolhidos ao pátio por irregularidades administrativas.

Os policiais militares flagraram várias condutas irregulares na direção e lavraram 1.355 autos de infração de trânsito. Com relação à embriaguez ao volante, sete motoristas embriagados acabaram encaminhados nos municípios litorâneos.

A produção da Polícia Militar com abordagens, vistorias e fiscalizações foram essenciais para a retirada de armas e drogas de circulação. Durante o Carnaval, as equipes policiais apreenderam seis armas de fogo, quase um quilo de maconha e mais dezenas de porções de crack e cocaína.

PERTURBAÇÃO DO SOSSEGO – Ao longo do feriado, a Polícia Militar contou com a atuação da Patrulha do Sossego para atender ocorrências e prestar orientações aos veranistas. A perturbação do sossego foi a maior demanda da PM no Litoral. Das 928 ocorrências registradas, 219 foram dessa natureza criminal.

O comparativo entre este Carnaval com o anterior aponta uma diferença de 184 casos a mais neste feriado. As lavraturas de Termos Circunstanciados por esse mesmo crime também aumentaram no comparativo: de 22 no Carnaval de 2021 foi para 49 neste. “Usamos muito o bom senso e em primeiro lugar orientamos as pessoas e fizemos encaminhamento à delegacia quando elas insistiram no comportamento.

PREVENÇÃO – O planejamento da PM para o feriado foi feito especialmente para aumentar a sensação de segurança com mais viaturas, motos e bicicletas percorrendo os pontos com maior concentração de pessoas, como orlas e cidades históricas. Nesse trabalho, a PM promoveu atividades educativas, para conscientizar os veranistas sobre medidas de segurança com objetivo de evitar transtornos durante os dias de diversão e lazer no feriado.

Uma campanha educativa com apoio de uma rede de postos de combustíveis levou mais informação aos veranistas que chegavam ao Litoral. Policiais e frentistas abordaram as pessoas para  entregar um adesivo para veículo com a frase “Sou Amigo da Polícia Militar” e orientações de segurança.

Crianças e adultos visitaram a exposição de viaturas históricas e modelos esportivos da PM que ocorreu Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná. As crianças se divertiram com as trapalhadas dos palhaços Ziza e Azedo, tiraram fotos com um policial militar vestido como Capitão América e fizeram pintura de rosto com os policiais do Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária (BPEC) e da 5ª Seção do Estado-Maior.

DIVERSAS AÇÕES – Além destas ações, a PM intensificou o atendimento às pessoas sobre diversos assuntos nas ruas e nos módulos móveis. Somente nos cinco dias de feriado, foram feitas 10.385 orientações. Outro serviço importante foi a distribuição de pulseiras de identificação para crianças, para auxiliar pais e responsáveis a localizar os pequenos mais rapidamente. Ao longo do feriado, 3.311 unidades foram entregues.

O 1º Comando Regional da Polícia Militar reforçou o policiamento preventivo com mais equipes circulando pelas áreas mais movimentadas. O capitão Araújo afirma que a estratégia foi definida logo no início de fevereiro, verificando junto às prefeituras como seria o Carnaval para que a aplicação de policiamento atendesse a demanda da movimentação de pessoas na região.

“Incrementamos o serviço ordinário, que é aquele que atende o 190. Conseguimos dobrar a quantidade de policiais militares nas ruas todos os dias do feriado justamente para que essas pessoas pudessem, dentro das medidas de segurança, curtir o Carnaval e não tivemos nenhum tipo de evento grave”, disse.

Fonte: https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/PM-faz-seguranca-de-mais-de-meio-milhao-de-pessoas-nas-praias-durante-o-Carnaval