Assédio de Marcius Melhem, abafado por emissora, mancha reputação do diretor Global Carlos Henrique Schroder.

“É impressionante a luta que uma mulher precisa travar pra provar que é vítima. DENUNCIEM!!!”, alerta a atriz Dani Calabresa.

Segundo notícias da TV UOL, as denúncias de assédio sexual contra o ator e diretor Marcius Melhem, narradas com detalhes sórdidos em grande reportagem da revista Piauí deste mês, dão um tom melancólico ao final da gestão de Carlos Henrique Schroder, que de 2013 até o final do ano passado foi o todo-poderoso da TV Globo.

Schroder, justamente o executivo que mais "desconstruiu" a maior rede de televisão do país, sai de cena no início de 2021, manchado por um escândalo abafado em nome do sigilo corporativo (e corporativista). 

Conforme o Correio Braziliense, a humorista Dani Calabresa se pronunciou na tarde da última sexta-feira dia 4, sobre a reportagem da revista Piauí que revelou detalhes sobre os casos de assédio sexual e moral denunciados contra o ator, diretor e roteirista Marcius Melhem. 

Através de seu Instagram, Dani Calabresa se pronunciou também sobre acusação de assédio a Marcius Melhem dizendo: 

"Nunca quis ser vista como uma mulher assediada.. mas pra recuperar minha saúde precisei me defender. Nunca procurei a Imprensa. Tomei as medidas cabíveis pra conseguir ajuda. Tudo é muito difícil, DA MEDO, vergonha, mas temos que lutar por respeito e justiça. Não passarão. Assédio é crime!

Ela Agradece o apoio de diversas e diversos artistas e encerra: 

"Toda minha solidariedade às mulheres que passam por isso e têm medo de denunciar. É impressionante a luta que uma mulher precisa travar pra provar que é vítima. DENUNCIEM!!!

O Governo Federal também disponibiliza o DISQUE 180, central de atendimento à mulher em situação de violência, serviço oferecido pela Secretaria Nacional de Políticas. Funciona como Disque-Denúncia, possibilitando que a 'denúncia' seja encaminhada para o órgão de segurança pública e para o Ministério Público.