Prioridade da Secretaria de Saúde de Irati é melhorar a atenção primária

Próximas ações serão voltadas para os serviços essenciais no município, pois o principal objetivo é melhorar os cuidados com a população

A Secretaria de Saúde tem como prioridade para este ano melhorar os serviços que já acontecem dentro da pasta, atender as necessidades básicas do município.

A secretária de Saúde, Jussara Aparecida Kublinski Hassen, contou como foram os últimos seis meses, em que a pasta investiu mais de 400 mil em equipamentos, dentre eles, o castra móvel, 49 computadores e 18 aparelhos de ar condicionado. O município recebeu três ambulâncias novas, duas de suporte avançado e uma se suporte básico, além da ambulância do SAMU regional.

Além destes investimentos feitos, haverá investimentos para os profissionais da Saúde, com materiais de trabalho como crachás, jalecos, uniformes.

O principal objetivo da atual gestão é melhorar a saúde primária. “O quadro de funcionários vai permanecer o mesmo até que venha um concurso, mas as melhoras serão no que a pasta já possui, para que a saúde básica não caia na terceirização. A principal meta é planejar os cuidados com a população”, afirma a secretária.

A pasta também reativou o grupo de combate ao tabagismo, que acontece em uma sala da Aciaí, em que todas as quartas-feiras são realizados encontros com uma ótima aceitação. “Sendo que 60% das pessoas que frequentam esse grupo já pararam de fumar, a equipe é interdisciplinar, conta com enfermeiros, técnicos, médicos e psicólogos”, conta Jussara.

Referente as Unidades de Saúde, houve reformas na Unidade do Pirapó, onde foi mudado todo o telhado; no Faxinal dos Ferreiras; no Serro da Ponte Alta; e mais uma Unidade que pretende-se inaugurar no mês de março.

Desde o ano passado foi instituído o Dia da Saúde, o qual acontece no posto Ademar Vieira de Araújo, todo mês é dedicado um sábado à saúde, em que são oferecidos testes rápidos, vacinas, consultas, dentistas e outras orientações. “Assim aquelas pessoas que não têm acesso a esses serviços durante a semana, têm a possibilidade de uma vez ao mês fazer isso no sábado”, explica a Jussara.

SAMU

O serviço do SAMU, é um grande investimento que irá atender toda a região. Hoje, já aderiram o contrato, Irati e Fernandes Pinheiro. Desde o dia 17 de fevereiro – quando iniciou o programa – até o dia 29 de fevereiro, foram realizados 17 atendimentos com 11 vítimas.

“O SAMU em pouco tempo trabalho, teve uma resolutividade muito grande. Temos sempre a fala do nosso prefeito, que diz ‘quanto vale uma vida’, ela não tem preço”, ressalta a secretária de Saúde.

UPA E PA, COMO VAI FUNCIONAR

A UPA é um prédio que foi ganho do Ministério da Saúde, contou com o investimento da Prefeitura de R$ 600 mil. É uma unidade cara para o município, atualmente, ela gira em torno de R$ 700 mil e o município não tem condições de tocá-la, segundo afirmou a secretária. Assim como outros municípios também não conseguem manter uma unidade como esta. É necessário mudar de UPA para PA, para que Irati consiga manter em funcionamento do prédio.

“Para que seja feita essa mudança, já foi aprovado pelo Conselho do Município e pela 4a Regional de Saúde, e nesta semana está nas mãos do Estado, em seguida passará para o Ministério da Saúde, para a liberação do PA” explica Jussara.

Conforme as aprovações aconteçam, o espaço onde se localiza a UPA funcionará o PA, a fisioterapia, a central de abastecimento farmacêutico e o SAMU. Sobra ainda um espaço para um ambulatório. “Onde é o Pronto Atendimento, no bairro Fósforo, será a Saúde da Mulher, o Pré Natal e a Pediatria”, finaliza Jussara.