Projeto irá levar cultura e cursos para bairros e comunidade de Prudentópolis

Município também reabre biblioteca pública e incentiva escritores mirins

Daniela Valenga

A Secretaria de Cultura de Prudentópolis lança dois novos projetos culturais, o Cultura em Movimento e o História e Memória, ambos em parceria com o Fundo Municipal da Criança e Adolescente.
O Cultura em Movimento atua na descentralização dos cursos oferecidos na Casa da Cultura, para os bairros e comunidades do interior do município. “Percebemos que o acesso para quem estava nessas regiões era limitado e por isso pensamos nessa iniciativa”, explica a secretária de Cultura do município, Nadir Vozivoda.
O projeto irá funcionar a partir de dois ônibus adaptados com mobiliário para cursos de informática, artesanato e biblioteca, além de uma tenda em anexo para aulas de música e dança. Quatro bairros e seis comunidades do interior serão atendidos na primeira etapa.
Já o projeto História e Memória tem o objetivo de estimular escritores mirins. “Na primeira etapa serão contemplados 100 alunos que receberão toda orientação e acompanhamento para a redação e ilustração das obras”, conta a secretária de Cultura.
Serão editados e publicados oito livros de cada autor, que serão destinados para a Biblioteca Municipal, Casa da Memória, Casa da Cultura, Biblioteca da escola que o aluno estuda e para o próprio autor.
Reabertura da biblioteca
Em paralelo ao lançamento dos projetos, a Prefeitura de Prudentópolis também reabriu a biblioteca municipal. “Estamos com um novo formato, com um sistema informatizado do acervo e sistema do usuário” aponta Nadir Vozivoda.
A secretária de Cultura coloca que mesmo com o aumento do acesso de informações pela internet, a biblioteca segue sendo um espaço importante e reconhecido pelo público. “Nosso maior incentivo é quando as crianças chegam para aulas na Casa da Cultura e sempre ficam folheando livros”, relata.
Além do empréstimo de livros, o prédio da biblioteca conta com espaços para pesquisas e cursos. “Precisamos estudar o passado para compreender o presente e juntos construirmos um futuro melhor, e é isto o que a biblioteca representa”, ressalta o vice-prefeito de Prudentópolis, Evaldo Hofmann Júnior.