Apras afirma que não há risco de desabastecimento nos supermercados

Em Irati, nos supermercados o único produto em falta é o álcool gel, que já foi feito novos pedidos

A Associação Paranaense de Supermercados (APRAS), emitiu uma nota informando que até o momento, não há risco de desabastecimento, pois os mercados trabalham com um estoque de 30 a 45 dias. Os estabelecimentos vão continuar funcionando normalmente.

De acordo com a nota, os produtos mais procurados na última semana são os itens de limpeza e de higiene pessoal, principalmente o álcool gel. Em contato om os principais supermercados de Irati, informaram que o álcool gel está em falta e já foi realizado novos pedidos, que devem chegar em breve.

Não há motivos para a falta de produtos nos supermercados, segundo a Associação, que recomenda a população a não entrar em pânico, assim como, não há necessidade de estocar alimentos em suas residências. “A maior preocupação do setor no momento é com a saúde da população e a contenção do vírus”, afirma a nota.

A Apras orienta os associados para a prevenção. “Estamos orientando nossos associados para que disponibilizem em suas lojas sabonete antibacteriano nos banheiros, álcool gel em pontos estratégicos e que mantenham seus carrinhos de compras e corrimões sempre higienizados. Também orientamos que os supermercados que possuam ar condicionado mantenham os componentes do sistema limpos de forma a evitar a difusão ou multiplicação de agentes nocivos”, diz a nota.

COMO SE PREVINIR DO CORONAVÍRUS:

• Lave as mãos frequentemente e cuidadosamente com sabão por pelo menos 20 segundos;

• Cumprimente evitando apertar as mãos;

• Procurar manter um metro de distância das pessoas;

• Evite tocar seu rosto, olhos, nariz ou boca o máximo que puder;

• Ao tossir ou espirrar, cobrir a boca e o nariz com o cotovelo flexionado ou com um lenço – em seguida, jogar fora o lenço e higienizar as mãos;

• Carregue consigo álcool em gel;

• Se você viajou recentemente para uma área de alto risco ou entrou em contato com qualquer pessoa com a infecção por coronavírus, pode ser necessário manter-se em quarentena;

• Procurar avaliação médica se tiver febre ou sintomas semelhantes aos da gripe.