Como se prevenir contra o Covid-19

O número de casos de Covid-19 cresce dia após dias no Brasil e, por isso, as pessoas estão cada vez

O número de casos de Covid-19 cresce dia após dias no Brasil e, por isso, as pessoas estão cada vez mais preocupadas com os cuidados que devem tomar para se prevenir. Afinal, o novo coronavírus tem a capacidade de se espalhar rapidamente e, na maioria das vezes, é transmitido quando o doente ainda não apresenta sintomas. A principal forma de contrair o vírus é levar o nariz, aos olhos e à boca a mão contaminada com secreções (gotículas de saliva, catarro) de uma pessoa infectada, por isso, a recomendação número um é lavar as mãos constantemente e evitar tocar o rosto, além de outras recomendações. A Clínica Médica Drº Eduardo Bento tira algumas dúvidas de como se prevenir contra o vírus.

POR QUE DEVEMOS LAVAR AS MÃOS FREQUENTEMENTE?

O sabão rompe a membrana de gordura que os vírus possuem, fazendo com que "morram". Por isso, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), lavar as mãos com água e sabão frequentemente é uma das principais formas de evitar a contaminação. A recomendação é fazer isso o tempo todo, principalmente, ao entrar em contato com outras pessoas, ir à rua, tocar em objetos de uso comum (maçanetas, botão do elevador, corrimão etc.), antes de comer ou preparar alimentos e depois de usar o banheiro.

QUAL É O MODO CORRETO DE LAVAR AS MÃOS?

Use sabão suficiente para que a espuma cubra toda a superfície das mãos. Esfregue bem a palma das mãos; capriche na limpeza do espaço entre os dedos e também do dorso e do punho. Depois, seque com toalha descartável (em ambientes coletivos). Se a torneira não for automática, use a tolha de papel para fechá-la, ou lave a torneira antes de ensaboar as mãos.

Outra recomendação e o distanciamento social, como nosso organismo ainda não tem anticorpos para combater o novo coronavírus, ele é transmitido facilmente de um indivíduo para outro. Se as pessoas continuarem levando uma vida normal (indo trabalhar, frequentando lugares aglomerados etc.), o número de pacientes com Covid-19 tende a se elevar rapidamente e sobrecarregar o sistema de saúde. Por isso, temos que ter consciência de como praticar o distanciamento eficaz e continuar ajudando o próximo nesses tempos de pandemia.

O uso de máscaras de tecido é indicado como medida auxiliar na prevenção de contágio da COVID-19, mas são necessários alguns cuidados para que esta medida seja eficiente.

SERÁ QUE VOCÊ ESTÁ USANDO CORRETAMENTE A SUA MÁSCARA?

A máscara é de uso individual.

O uso das máscaras de tecido deve sempre estar associado às ações de lavagem e desinfecção de mãos.

A máscara precisa cobrir totalmente nariz e boca e deve estar bem ajustada no rosto.

Deve possuir uma dupla camada de tecido, sendo a camada externa de tecido mais grosso para a contenção adequada de gotículas.

É importante dispor de mais de uma máscara, pois deve ser substituída se estiver úmida.

Não toque na parte frontal da máscara.

Após usar, lave a máscara com água e sabão e coloque de molho em solução com água sanitária por 10 minutos.

Antes de colocar ou retirar a máscara, higienize as mãos.

ATENÇÃO

Nenhuma máscara garante 100% de proteção. Porém, até mesmo a máscara de tecido feita em casa é capaz de impedir que partículas maiores de secreções (saliva, por exemplo) contaminadas cheguem até seu nariz e sua boca. Além disso, evita que o doente espalhe secreções pelo ambiente.

Além de Água e sabão, álcool 70% e água sanitária são os produtos mais indicados para higienizar ambientes e objetos e "matar" o novo coronavírus.

Apesar de ainda não existirem casos da doença confirmadas em nossa cidade, é importante estar atento aos sintomas.

Agora que você já sabe como se prevenir do coronavírus, aplique as ações de prevenção na sua rotina e da sua família.