Livro marca a história e importância do Padre Wenceslau em Irati

Manuscrito estará disponível para venda a partir do dia 19 de julho

Na década de 50, início da de 60, em Irati viveu uma grande personalidade religiosa, que também prestou serviços médicos, e foi importante para a história do município, foi o padre Wacław Szuniewicz, o padre Wenceslau, ou padre Doutor. Toda a sua trajetória está registrada no livro “O Genial Padre Doutor”, que será lançado no próximo mês.

O livro foi escrito por Herculano Batista Neto, que buscou por mais de 10 anos a história do padre que viveu em vários países, e descreveu como ele é reconhecido mundialmente e como veio para Irati, onde está sepultado. Neto é cirurgião dentista, atual presidente da Academia de Letras, Artes e Ciências do Centro-Sul do Paraná (ALACS) e vice-presidente da BRASPOL (Núcleo Irati).

A história de Herculano com o padre começou quando ele ainda era um bebê, pois foi o Padre Wenceslau que o batizou, ele ficou sabendo disso anos depois. Também conseguiu encontrar em sua certidão de batismo a assinatura do sacerdote, que utilizou no livro. Neto já tinha ouvido falar muito do Padre e, por isso, criou o interesse em saber mais sobre a vida dele.

As pesquisas ficaram mais fáceis com a internet. Herculano conta que o professor José Maria Orreda o ajudou, e que o conheceu pessoalmente, até conseguiram um contato com um sobrinho neto do padre. Toda a história pode ser lida no livro, que surgiu como uma forma de deixar tudo registrado. “A ideia do livro é fazer com que a memória do Padre volte à tona. As novas gerações percebam quem foi essa pessoa, e os mais velhos relembrarem. Contando histórias que muitos não sabem”, disse Neto.

Nas 184 páginas do livro, Neto procurou mostrar como o padre, que inicialmente, era médico, viveu sua vida nos países como China, Polônia, seu país de origem, e Estados Unidos. Ela era especialista em Oftalmologia e Pediatria, após perder um amor, e passar por uma doença grave, ele optou por ser padre, esse era um desejo de sua família.

“O padre resolveu se voltar a possibilidade de servir a Deus de outra forma. Ele teve uma doença em que quase faleceu, e entendeu como uma ressureição. Assim, se voltou para o lado religioso, embora, mesmo como sacerdote, ele atuou como médico. Ele realizava um trabalho social na comunidade e exercia as duas funções ao mesmo tempo”, completa Neto.

 

O padre Wenceslau é reconhecido mundialmente. Na China uma escultura foi montada como forma de homenagear. Também tem grande destaque na medicina, principalmente nos estudos sobre a córnea.

Em Irati, uma escola municipal, que fica no bairro Rio Bonito, recebe o nome de Padre Wenceslau e há uma rua. “No ano passado, com pedido e a colaboração dos vereadores, hoje, temos uma avenida com o nome dele. Fico feliz, porque o salão paroquial da São Miguel passará por uma reforma e o conselho decidiu que o nome será “Centro Pastoral e Cultural Padre Wesceslau Szuniewicz””, observa.

LANÇAMENTO

No dia primeiro de julho, na segunda-feira, acontece na paróquia São Miguel uma missa em alusão a data de chegada do padre em Irati, em 1956. “Uma missa em ação de graças em memória dele é o mínimo que a gente pode fazer, pensando que aqui foi a casa dele, foi o local onde trabalhou e viveu os últimos sete anos”.

O dia 19 de julho, será o lançamento oficial do livro, no Clube do Comércio, em que pessoas que ajudaram Herculano também falarão sobre o padre. Também está programada a visita do padre Lourenço Biernarski, que é arquivista da Cúria Vicentina da província do Sul, além de outros sacerdotes de Irati.  

ONDE ADQUIRIR

O livro estará disponível para compra a partir do dia 19 de julho, no Sebo Centenário e nas secretarias paroquiais do município. “O Padre, naquele momento da história, era para Irati inteiro, então a história dele é iratiense. Quem quiser pode adquirir, para conhecer essa personalidade, porque, de alguma forma, estamos valorizando a história e memória de Irati”, finaliza Neto.