Projeto Rio Patas realiza 1ª Cãominhada em Rio Azul

Evento teve uma grande participação e alegrou a tarde no município

Jaqueline Lopes 

O projeto Rio Patas realizou a 1ª Cãominhada em Rio Azul na tarde de sábado (02). A Rodoviária Municipal foi transformada para receber os pets e os tutores, e teve uma feira de adoção e apresentação dos cães adestrados da Polícia Militar de União da Vitória. O objetivo do evento foi conscientizar a população em relação ao abandono de animais.

O evento também contou com vários brindes para os participantes e teve premiação para os animais que estavam caracterizados com o tema junino. As pessoas e cães passearam pelas ruas do município para chamar a população nesta causa.

Thais Vieira, que faz parte do projeto Rio Patas, comenta que foi muito importante este evento e teve o objetivo alcançado. Ela também enfatiza que o Projeto faz a diferença na causa animal do município. “É um projeto muito lindo, sobre amor aos animais, composto por pessoas que amam e protegem os animais e não recebem nada por isso. O evento foi de inciativa do Projeto Rio Patas, que visa a concretização, chamar a atenção das pessoas em relação ao abandono, a adoção responsável, para dar visibilidade ao projeto”, disse.

Cães da Polícia Militar de União da Vitória se apresentaram no evento. – Foto: Jaqueline Lopes

O Projeto Rio Patas começou um pouco mais de um ano, com um convênio da Prefeitura com a Campo Real, que realizava a castração de cadelas, o que ajuda no controle dos animais. E com isso foi ganhando adeptos e tomou grandes proporções no município. 

“O projeto cresceu com o engajamento da população, que entendeu a importância desse tema, tem um pouco mais de um ano de projeto e já tem muitas pessoas trabalhando, empenhadas e engajadas. No evento, tivemos cães de outros municípios, e tudo isso graças a própria mobilização popular”, observa Renato Seman, que já foi policial militar em Rio Azul, e sempre esteve envolvido na questão animal, trabalhou também no canil da Polícia Militar, e agora faz parte do projeto Rio Patas.

Para o vice-prefeito de Rio Azul, Jair Boni, o trabalho é coletivo, e a prefeitura já estuda para trazer o Castramóvel para o município e, assim, diminuir a população animal. “Quero parabenizar esse grupo que esta fez esse belíssimo trabalho, cuidando desse cães, tentando tirar eles das ruas, através das adoções. Como vice prefeito, estou conversando com o prefeito, porque para fazer com que isso funcione é através da castração, e já estamos vendo a possibilidade de trazer o Castramóvel para ser permanente em Rio Azul, aí, sim, com a diminuição através da castração, vamos estar dando uma força grande para esse grupo (projeto Rio Patas) que está fazendo um belíssimo trabalho”, finaliza Boni. 
Veja imagens de como foi o evento.

Fotos: Jaqueline Lopes