Colégio Sesi Irati tem método inovador de ensino na Pandemia

Método foi adotado pelo Sesi e Senai

Leticia H Pabis

O Colégio Sesi de Irati foi o primeiro colégio da região à adotar o modo híbrido de ensino no começo de 2021. Agora, para melhorar a qualidade de ensino, o Sesi e Senai adotaram uma novidade que pretende inovar.
Trata-se de uma lousa digital que facilita a comunicação dos alunos com o professor, a lousa contém um computador embarcado, câmera HD, sistema de som de alta qualidade e uma série de funções como transmissão ao vivo, é touchscreen (tela sensível ao toque) e permite que o professor espelhe o que está escrito na lousa para os alunos conectados de casa.
O diretor do Colégio Sesi Irati, Rafael Ruteski, fala sobre como a tecnologia não funcionará somente para o ensino remoto, mas também para o ensino presencial no futuro.

“Essa tecnologia foi comprada para que a gente pudesse dar com mais facilidade mais qualidade de ensino no sistema de aulas remotas e depois que passa a pandemia podemos continuar no dos processos de ensino aprendizagem Sesi-Senai. Essa lousa é totalmente interativa, é como um grande computador, tem transmissão ao vivo, uma série de aplicativos instalados que permitem a transmissão em tempo real de uma série de situações de ensino aprendizagem”, explica Rafael

Cada sala de aula do colégio possui uma lousa própria, sem contar as que foram destinadas para o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). “Foi uma tecnologia muito bem aceita, essa lousa permite que a aula seja transmitida pela câmera da lousa e tem a capacidade de espelhar o que o professor esta realizando na tela para os alunos conectados que estão em casa, essa era uma dificuldade que a gente tinha de transmitir o que o professor realizava em sala de aula que chegasse até os alunos que estão em casa”, conta Ruteski.
“Isso parecia algo distante, que só acontecia em países de primeiro mundo, que víamos em filme, mas quando chegou para a gente esse planejamento foi algo muito bom, extremamente produtivo”, finaliza o diretor.
O professor de história do Sesi Irati, Julio César Braga, ou professor Braga como é conhecido, também em entrevista a Folha de Irati conta como foi se adaptar ao novo método de ensino. “Quando recebemos as Tv’s interativas foi uma grande surpresa, eu pessoalmente não tive muita dificuldade porque eu já venho de outras funções laborativas no ramo da informática então tive uma boa adaptação, mas é um desafio constante nesse ensino-aprendizagem, a pandemia esta colocando cada vez mais desafios neste meio educacional e nós estamos cada vez mais nos renovando, aprendendo coisas novas para tentar aplicar para nossos alunos”, conta o professor de história