Supervisora de compras de Curitiba que teve telefone vazado em música de Gusttavo Lima relata incômodo: ‘300 a 400 ligações por dia’

Segundo Maria Aparecida Domingos, alguns fãs ligam e fazem ofensas a ela; telefone sem DDD está na música ‘Bloqueado’. Assessoria do cantor diz que Gusttavo Lima é interprete e letra é responsabilidade de compositores

G1

O que era para ser mais um sucesso do cantor Gusttavo Lima acabou virando, também, uma dor de cabeça para uma supervisora de compras de Curitiba. Maria Aparecida Domingos teve o telefone vazado na música “Bloqueado” e, desde então, convive com os contatos constantes de fãs do sertanejo.

Segundo a paranaense, ela já recebeu de 300 a 400 ligações por dia, além de mensagens de texto e áudio por aplicativo de mensagens.

“Mandam a música, querem saber quem eu sou, por que eu bloqueei o Gusttavo Lima, o que eu acho do meu número estar estampado. Tem uns fãs muito queridos, que só têm curiosidade, e outros que são bem difíceis de lidar. Falam palavrões, palavras que não têm nada a ver com a minha índole, da forma da gente viver. Não dá nem pra repetir o que eles falam. São ofensas”, contou.

Tudo começou após a divulgação do número, quando a mulher de 61 anos chegou a pensar que a situação fosse uma brincadeira dos amigos do próprio filho. Isso porque ela é mãe de um jovem chamado Gustavo.

Mas o que ela pensou talvez ser uma brincadeira começou a atrapalhar também na vida profissional. Isso porque, atuando em uma loja de departamentos da capital paranaense, Maria tem o telefone como canal de contato com fornecedores e também a família.

“Pelo número de ligações que eu recebo no celular, eu não consigo retornar mais naquele número. Eu estou com bastante dificuldade mesmo. […] Como eu trabalho bastante na loja, não posso ficar olhando, e o telefone fica o tempo todo tocando. E é um telefone que eu uso para o meu trabalho. Estou nos grupos da empresa, eu preciso dele, já tenho há muito esse número“, lamentou.

Maria Aparecida Domingos passou a receber mensagens e telefonemas depois de ter número vazado na música 'Bloqueado' — Foto: Reprodução/WhatsApp

Maria Aparecida Domingos passou a receber mensagens e telefonemas depois de ter número vazado na música ‘Bloqueado’ — Foto: Reprodução/WhatsApp

Busca por respostas

Diante de todo o transtorno, a curitibana buscou formas de tentar entrar em contato com a equipe do cantor. Ela chegou a conversar com uma produtora, mas não conseguiu mais retornar.

“Nada contra o Gustavo Lima, pelo contrário, acho ele um artista bacana, mas achei que foi irresponsabilidade dele, da equipe e de todos que fizeram a música de não pensar com quem eles estão tratando e como”, disse.

Procurada, a equipe do cantor afirmou que Gusttavo Lima “é apenas o interprete da música” e que a criação da obra, incluso a escolha de um “número aleatório”, é de responsabilidade dos compositores.

Veja, abaixo, o que dizem os compositores.

Além disso, a assessoria citou que tem “liberdade de expressão de pensamento consagrada em nossa carta magna”.

Apesar do posicionamento, Maria acredita ser necessário o cantor sertanejo se responsabilizar pela divulgação do número, mesmo sem DDD especificado.

“Que venha uma resposta do Gusttavo Lima para mim e todos os envolvidos, porque acredito que não seja só eu que estou sendo lesada, são várias pessoas, então eu acredito que ele possa me ajudar, de alguma forma”, ressaltou.

“Aleatório”

Um dos compositores da música é Rodrigo Reis, que faz dupla com Bruno. Os dois paulistas moram atualmente em Goiás por conta da carreira e têm outras composições gravadas por famosos.

Segundo ele, o telefone cantado na música surgiu aleatoriamente durante a composição.

“Veio totalmente aleatório, a gente buscando rimar. […] A gente imaginou mais questão assim de arte, de criação”, explicou Rodrigo.

Além disso, o compositor afirmou que ele e os parceiros não imaginaram que a música teria o alcance que teve e que foram surpreendidos pelo sucesso da composição.

Fonte: https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2022/01/30/supervisora-de-compras-de-curitiba-que-teve-telefone-vazado-em-musica-de-gusttavo-lima-relata-incomodo-300-a-400-ligacoes-por-dia.ghtml