Teste positivo da Covid-19 não é associada a baixo teor de vitamina D

Os dados foram incluídos para mais de 18 mil indivíduos com testes e níveis de vitamina D dos períodos tanto pré-pandêmico como durante a pandemia

Segundo um estudo publicado em maio, o teste positivo para a Covid-19 não está associada a baixos níveis de vitamina D. A equipe conduziu a pesquisa com uma amostra envolvendo funcionários que optaram por fazer o teste de imunoglobulina para o vírus.

Os dados foram incluídos para mais de 18 mil indivíduos com testes e níveis de vitamina D dos períodos tanto pré-pandêmico como durante a pandemia.

Segundo um estudo publicado em maio, o teste positivo para a Covid-19 não está associada a baixos níveis de vitamina D. A equipe conduziu a pesquisa com uma amostra envolvendo funcionários que optaram por fazer o teste de imunoglobulina para o vírus.

Os dados foram incluídos para mais de 18 mil indivíduos com testes e níveis de vitamina D dos períodos tanto pré-pandêmico como durante a pandemia.

Eles descobriram que 5% dos participantes eram soropositivos para a Covid-19 e não foi associada a ter um nível de vitamina D antes ou durante a pandemia em modelos ajustados para: idade, sexo, etnia, educação, índice de massa corporal, pressão arterial, tabagismo e localização geográfica.

Em análises, os resultados foram semelhantes, pois houve uma associação observada para soropositividade. “Essas descobertas não apóiam a hipótese de que a vitamina D desempenha um papel na suscetibilidade à infecção por Covid-19”, indica a pesquisa.