Família é feita de refém e homem é morto a tiros após roubo no Pirapó

Um casal e o filho de nove anos foram abordados pelo criminoso no sábado (07). A vítima assassinada foi identificada como Silmonei Sluzala, de 41 anos

Amanda Borges

No sábado (07), a Polícia Militar foi acionada após uma situação de Roubo Agravado, na Serra do Pirapó, localidade do Guamarim, interior de Irati. Um homem encapuzado abordou o carro de um casal e o filho de nove anos, assaltou o veículo e fez as três vítimas de refém.

O pai da família faleceu no hospital, após ferimentos em decorrência de perfuração por arma de fogo, e foi identificado como Silmonei Sluzala, de 41 anos. Ainda, foram levados um celular, dinheiro e uma carteira.

O CRIME

A mulher relatou à equipe policial que ela, o marido e filho estavam jantando na casa de seus pais, que residem no Guamirim. Quando retornavam para casa, ao passarem pela Serra do Pirapó, o marido parou o veículo para retirar alguns galhos que estavam bloqueando o trecho e dificultando a passagem.

Neste momento, foram rendidos por um indivíduo encapuzado que roubou os objetos. Ainda, o criminoso mandou a mulher e a criança saírem do local, momento em que os dois retornaram até a casa dos pais dela para pedir por socorro. Assim, os familiares da vítima foram até o local ajudar a o homem que havia ficado no carro. Quando chegaram até lá, ele estava desacordado e machucado, e foi levado até a Santa Casa de Irati para atendimento médico. Posteriormente ao ocorrido, o homem foi a óbito no hospital em decorrências de perfurações feitas por arma de fogo.

A PM realizou patrulhamento sentido Pirapó e nenhum suspeito foi localizado. Posteriormente, o veículo da vítima foi conduzido até a 41ª Delegacia de Polícia Civil para procedimentos de polícia judiciaria.