Jovens da Luz celebram 15 anos e lançam a cápsula do tempo – 2022 a 2037

Encontro aconteceu na matriz Nossa Senhora da Luz e reuniu atuais integrantes e pessoas que já passaram pelo grupo

Vanderlei Kawa

O grupo de jovens da matriz Nossa Senhora da Luz, os Jovens da Luz, se reuniram no último sábado (16), no Centro Pastoral, em um encontro cheio de emoções, recordações e momentos de confraternização para celebrarem os 15 anos de existência do grupo. Os jovens contaram com a presença do pároco padre Jorge e do padre Kleber, assessor da PJ da Diocese de Ponta Grossa.

Houve momentos de recordações de casais que participaram do nascimento do movimento, LorianeFleicher, DejaneSlompo, Will e esposa, Susko e Lucíola, que deram seus testemunhos da alegria de reiniciarem o novo grupo de jovens depois de muitos anos em que último movimento dos vagalumes esteve adormecido e de ter vivenciado, na Paróquia Nossa Senhora da Luz, por 50 anos de atividades com três gerações de jovens sempre atuantes na paróquia e sociedade de Irati.

Foi lembrado de frei Jaime Manfrin em sua visita no início do movimento Jovens da Luz, quando ele disse que a luz dos vagalumes continua acessa no coração dos jovens. “Onde houver um vagalume não haverá trevas”, esse lema do grupo de jovens vagalumes foi lembrado pelo membro da Pascom e liderança da Paróquia e Capela São Francisco de Assis.

O franciscano e eterno vagalume, Vanderlei Kawa, representando a 2ª geração dos jovens, foi convidado pelos coordenadores dos Jovens da Luz, para recordar a experiência de viver o seu tempo de juventude junto ao grupo nos anos 70, 80 e 90.Kawa recordou os grandes encontros reunindo os jovens, naquela época os freis acompanhavam as reuniões com espiritualização, adorações do amanhecer, reuniões festivas com teatros, as festas juninas e festivais de quadrilhas nas Paróquias e capelasA participação dos jovens nos carnavais, nas campanhas do agasalho, procissões de Corpus Christi, Sexta-feira Santa, participação da criação do Teatro da Paixão de Cristo.

Ainda, lembrou das grandes gincanas em que os vagalumes amanheciam pesquisando e cumprindo as tarefas dos organizadores. As gincanas movimentavam a cidade toda de Irati com a correria junto as famílias, que eram envolvidas durante semanas. Vanderlei lembrou momentos de namoros dos jovens, muitos casais de hoje saíram do grupo, ele próprio deu seu testemunho de encontrar sua esposa no grupo de jovens, muitos casais ainda hoje atuam nas pastorais daparóquia e capelas de Irati. Lembrou que, naquele tempo, se reuniam nos colégios, no cinema da cidade, nos bailes e também nos saraus, faziam serenatas aos aniversariantes e casais das famílias dos jovens.

Os vagalumes foram os fundadores do Fimusa, festival de música sacra, onde reuniam jovens de todo Paraná e até de São Paulo. Os jovens também participavam de torneios esportivos, foram campões de vários torneios com times de futebol campo, salão, vôlei, tênis de mesa, muitos atletas participavam dessas atividades. Os vagalumes, na época, acompanhavam outros movimentos das capelas, participavam dos TLCS -Treinamento de Lideranças Cristãs, em Ponta Grossa, participavam da pastoral da juventude da diocese. Contribuíam com visitas,palestras, brincadeiras e formação religiosa para outros grupos de jovens das capelas.

Finalizando a noite do encontro, alguns membros se despediram do grupo, pois irão seguir o caminho de estudos, cursar faculdade fora de Irati, lembrando que o grupo de jovens é uma roda viva de vida, cada jovem vivendo seu tempo, crescendo na espiritualidade cristã, buscando crescer e amadurecer nos ensinamentos do Santo Evangelho e Luz de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Como tarefa final, os jovens e participantes receberam uma folha para que escrevessem o que imaginavam ser num futuro próximo–foi proposto que na primeira parte falasse sobre o presente e na segunda sobre o futuro.  As escritas dos jovens foram coletadas e guardadas numa cápsula do tempo e que será aberta somente no ano de2037, belíssima iniciativa. No final, os jovens e presentes receberam a bênçãos dos padres Jorge e Kelber.  “Aos nossos jovens da luz e aos jovens do futuro. Bênçãos de Deus e muita luz de Cristo em suas vidas”. Paz e Bem.